Banner Portal
Narrativas do Índico na escrita de JPBC – uma geografia transnacional
PDF

Palavras-chave

Estudos sobre o Oceano Índico. Narrativa. Geografia.

Como Citar

LEITE, Ana Mafalda. Narrativas do Índico na escrita de JPBC – uma geografia transnacional. Remate de Males, Campinas, SP, v. 38, n. 1, p. 63–74, 2018. DOI: 10.20396/remate.v38i1.8651396. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8651396. Acesso em: 21 abr. 2024.

Resumo

O artigo trata da importância das narrativas do Oceano Índico, representadas diferentemente na escrita de João Paulo Borges Coelho, pela descrição do historiador e e recriadas imaginariamente pelo escritor, enquanto elementos configuradores da área de estudos do Oceano Índico ou Indian Ocean Studies. A narrativa é um elemento de trânsito cultural, recriadora de uma geografia do espaço índico, e da História e estórias que nele circulam.
https://doi.org/10.20396/remate.v38i1.8651396
PDF

Referências

BOSE, Sugata. A Hundred Horizons. The Indian Ocean in the Age of Global Empire. Cambridge/Massachusetts/Londres: Harvard University Press, 2006.

COELHO, João Paulo Borges. Índicos indícios: I Setentrião. Lisboa: Caminho, 2005a.

COELHO, João Paulo Borges. Índicos indícios: II Meridião. Lisboa: Caminho, 2005b.

COELHO, João Paulo Borges. O Índico como lugar. Colóquio Indicities/Indices/Indícios “A hibridação nas literaturas do oceano Índico”. Universitat Autònoma de Barcelona, Barcelona, Espanha, 2009. (Mimeo)

GUPTA, Pamila; HOFMEYER, Isabel; PEARSON, Michael (Eds.). Eyes Across the Water Navigating the Indian Ocean. Pretoria: Unisa Press – University of South Africa, 2010.

GHOSH, Devleena; MUECKE, Stephen (Eds.). Cultures of Trade Indian Ocean Exchanges. Newcastle: Cambridge Scholars Publishing, 2007.

MOORTHY, Shanti; JAMAL, Ashraf (Eds.). Indian Ocean Studies Cultural, Social, and Political Perspective. Nova York/Londres: Routledge, 2010.

PEARSON, Michael. The Indian Ocean. Nova York/Londres: Routledge, 2003.

Licença Creative Commons
O periódico Remate de Males utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.