Banner Portal
Defesa da autonomia, intenção didática
PDF

Palavras-chave

Machado de Assis
Conto
Engajamento

Como Citar

HERANE, Amanda Rios. Defesa da autonomia, intenção didática: um debate sobre o engajamento no conto “A pianista”, de Machado de Assis. Remate de Males, Campinas, SP, v. 40, n. 1, p. 222–235, 2020. DOI: 10.20396/remate.v40i1.8654535. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8654535. Acesso em: 13 jun. 2024.

Resumo

Neste artigo, propõe-se uma leitura do conto “A pianista”, de Machado de Assis, publicado em 1866 no Jornal das Famílias. Procuramos mostrar que a obra busca incentivar a modernização das relações familiares no Brasil do século XIX, advogando o casamento por escolha dos cônjuges, em contraste com a prática patriarcal do matrimônio estabelecido por arranjo familiar. Nesse sentido, “A pianista” visa a defender mudanças em padrões sociais da época, propondo maior autonomização dos sujeitos, mas algumas dissonâncias do conto indicam os limites dessa defesa.

https://doi.org/10.20396/remate.v40i1.8654535
PDF

Referências

ADORNO, Theodor W. Teoria estética. Trad. Artur Morão. Lisboa: Edições 70, 2008.

ALMEIDA, Angela Mendes de. Notas sobre a família no Brasil. In: ALMEIDA, Angela Mendes de et al. (Org.). Pensando a família no Brasil: da colônia à modernidade. Rio de Janeiro: Espaço e Tempo/UFRRJ, 1987, pp. 53-66.

ASSIS, Joaquim Maria Machado de. Machado de Assis: obra completa em quatro volumes. Org. Aluizio Leite Neto, Ana Lima Cecilio, Heloisa Jahn. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 2008, v. 2, pp. 862-881.

CANDIDO, Antonio. The Brazilian Family. In: SMITH, T. Lynn; MARCHANT, Alexander (Eds.). Brazil: Portrait of Half a Continent. New York: The Dryden Press, 1951.

FREYRE, Gilberto. Sobrados e mucambos: decadência do patriarcado rural e desenvolvimento urbano. São Paulo: Global, 2004.

GAY, Peter. A experiência burguesa: da Rainha Vitória a Freud. Vol. 2. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

HERANE, Amanda Rios. “Melhor que o melhor dos sonhos”: família e ordem social na prosa de Machado de Assis (décadas de 1860 e 1870) e no teatro realista brasileiro. Tese (Doutorado em Literatura Brasileira) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2016.

PRIORE, Mary Del. História do amor no Brasil. São Paulo: Contexto, 2006.

SAMARA, Eni de Mesquita. Estratégias matrimoniais no Brasil do século XIX. Revista Brasileira de História, v. 8, n. 15, set. 1987/fev. 1988, pp. 91-105.

VERONA, Elisa Maria. O casamento, “uma instituição útil e necessária”. Tese (Doutorado em História) – Universidade Estadual “Júlio de Mesquita Filho”, São Paulo, 2011.

Licença Creative Commons
O periódico Remate de Males utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.