Cinzas de Pasolini

a homenagem de Nanni Moretti em Caro diário

Autores

  • Alex Calheiros Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.20396/remate.v40i2.8660660

Palavras-chave:

Política, Crítica italiana, Cinema

Resumo

Pretendemos aqui desenvolver um percurso investigativo que elucide uma passagem do filme Caro diário, de Nanni Moretti, na qual se faz uma homenagem a Pier Paolo Pasolini, explorando suas implicações históricas, políticas e culturais. A hipótese desta investigação são as semelhanças estruturais e narrativas entre a homenagem de Nanni Moretti e o poema “Cinzas de Gramsci”, de Pasolini.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alex Calheiros, Universidade de Brasília

Professor Adjunto da Universidade de Brasília (UnB), Brasil.

Referências

GOETHE, Johann Wolfgang von. Os anos de aprendizado de Wilhelm Meister. 2. ed. Trad. Nicolino Simone Neto. São Paulo: Editora 34, 2012.

GRAMSCI, Antonio. Quaderni del carcere. Einaudi: Torino, 1975.

CARO Diário. Direção de Nanni Moretti. Itália, Sacher Film, 1993. Filme (100 min.). DVD.

PASOLINI, Pier Paolo. La lunga strada di sabbia. Roma: Contrasto, 2014.

PASOLINI, Pier Paolo. Escritos corsários. Trad. Maria Betânia Amoroso. São Paulo: Editora 34, 2020.

ROSA, Alberto Asor. Scrittori e popolo (1965) – Scrittori e massa (2015). Torino: Einaudi, 2015.

Downloads

Publicado

2020-11-30

Como Citar

CALHEIROS, A. Cinzas de Pasolini: a homenagem de Nanni Moretti em Caro diário. Remate de Males, Campinas, SP, v. 40, n. 2, p. 511–525, 2020. DOI: 10.20396/remate.v40i2.8660660. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8660660. Acesso em: 8 mar. 2021.