O samba paulista e suas histórias: textos, depoimentos orais, músicas e imagens na reconstrução da trajetória de uma manifestação da cultura popular paulista

Autores

  • Olga Rodrigues de Moraes von Simson Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v15i16.8645648

Palavras-chave:

Samba rural paulista. Batuque de umbigada. Samba de bumbo campineiro.

Resumo

A origem do samba rural, uma manifestção tipicamente paulista, estaria no Jongo, dança ritual realizada nas fazendas de cana desde o século XVIII, mesclado ao samba de roda, trazido por escravos crioulos importados do Nordeste pelos cafeicultores da região de Campinas, após 1850. Dessa junção surgiram tanto o batuque de umbigada de Piracicaba, Tietê e Capivari como o samba de bumbo campineiro. Focaliza-se a manutenção dessa tradição, através de associações de várias cidades dedicadas ao batuque de umbigada e por grupos mais recentes, que recriam as danças ou cantam e passam a compor sambas baseados na ancestralidade afro-brasileira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Olga Rodrigues de Moraes von Simson, Universidade Estadual de Campinas

Socióloga, docente da Faculdade de Educação e diretora do CMU na Unicamp.

Downloads

Como Citar

SIMSON, O. R. de M. von. O samba paulista e suas histórias: textos, depoimentos orais, músicas e imagens na reconstrução da trajetória de uma manifestação da cultura popular paulista. Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 15, n. 1, p. 9–34, 2007. DOI: 10.20396/resgate.v15i16.8645648. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8645648. Acesso em: 30 nov. 2022.