Preservação da madeira: práticas brasileiras do passado e oportunidades de pesquisa para o futuro

Autores

  • Carlos Dion de Melo Teles Universidade de São Paulo
  • Osny Pellegrino Ferreira Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v18i20.8645694

Palavras-chave:

Preservação de madeira. Patrimônio histórico. Materiais para construção.

Resumo

É feita uma revisão histórica do emprego de preservantes de madeira, da última década do século XIX a 1961, servindo de referência para restauradores e arqueologia arquitetônica no campo, bem como na identificação de oportunidades de pesquisa para comprovação e resgate de técnicas do passado. São citados o alcatrão vegetal, creosoto, sulfato de cobre, cloreto de zinco, bicloreto de mercúrio, pinturas à óleo, carbonização superficial, fluoreto de sódio, arseniato de cobre cromato, hidróxido de potássio ou sódio, cal, secagem adequada, lixiviação da seiva e abate em época do ano adequada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Dion de Melo Teles, Universidade de São Paulo

Engenheiro de materiais e doutor em Arquitetura (USP-EESC).

Osny Pellegrino Ferreira, Universidade de São Paulo

Engenheiro civil e doutor em Engenharia Civil (USP-EESC).

Referências

ARGENTIÈRE, R. et al. Novíssimo Formulário Industrial. São Paulo: LEP, 1961.

ATILF – Laboratoire D’analyse Et Traitment De La Langue Française Lexilogos: dictionaire français. Disponível em:. Acesso em: 17 de junho de 2006.

BARBEROT, E. Constructions Civiles. Paris: CH Béranger, 1920.

BERST, J. Recetario Industrial y Domestico: 17.000 Recetas y Métodos Aplicables a Todas Las Industrias, Artes y Ofícios y Al Alcance De Todos. Buenos Aires: Montesó,1942.

BORDALLO, T. Biblioteca de Instrução Profissional: Materiais de Construção. Rio de Janeiro: Francisco Alves, [191?].

BRIER, R. History of Ancient Egypt. Chantilly: The Teaching, [199?]. 24 CDs.

CARNEIRO, O. Construções Rurais. 6.ed. São Paulo: Carioca, 1961.

COSTA, A. et al. “Estudo comparativo entre produtos químicos preservantes e licores pirolenhosos na inibição de fungos emboloradores”. In: Brasil Florestal, Brasília, n.75, jan. 2003.

FIGUEREDO, A. Construções Rurais: Habitações Estábulos, Oficinas e Arrecadações Agrícolas. Porto: Chardron, 1905.

FOERSTER, M. Materiales de Construcción. 3.ed. Buenos Aires: Labor, 1942. (Manuales Técnicos Labor, 34)

Downloads

Publicado

2013-05-24

Como Citar

TELES, C. D. de M.; FERREIRA, O. P. Preservação da madeira: práticas brasileiras do passado e oportunidades de pesquisa para o futuro. Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 18, n. 2, p. 71–87, 2013. DOI: 10.20396/resgate.v18i20.8645694. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8645694. Acesso em: 20 jan. 2022.