O pioneirismo feminino na história: análise dos depoimentos de Alice Canabrava e Olga Pantaleão

Autores

  • Carmem Silvia da Fonseca Kummer Liblik Universidade Federal do Paraná (UFPR).

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v24i1.8647081

Palavras-chave:

Alice Canabrava. Olga Pantaleão. Carreiras.

Resumo

Alice Canabrava e Olga Pantaleão foram as primeiras historiadoras que se formaram em Geografia e História, em 1938, na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP e que deixaram depoimentos escritos acerca de suas trajetórias acadêmicas e profissionais. Por meio das ferramentas da análise do discurso e da memória, procuramos analisar esses testemunhos tendo como eixo norteador dois acontecimentos, quais sejam: a entrada de mulheres em cursos superiores e as dificuldades iniciais que tiveram para consolidar suas carreiras em âmbito universitário.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carmem Silvia da Fonseca Kummer Liblik, Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Bacharel, mestre  e doutoranda  em História pela Universidade Federal do Paraná. Integrante da linha de pesquisa "Intersubjetividade e pluralidade: reflexão e sentimento na História" e participante do Núcleo de Estudos de Gênero (UFPR).

Referências

ARFUCH, Leonor. O espaço biográfico: dilemas da subjetividade contemporânea. Rio de Janeiro: Eduerj, 2010.

BLAY, Eva Alterman; LANG, Alice Beatriz da Silva Gordo. A mulher nos primeiros tempos da Universidade de São Paulo. Ciência e Cultura, São Paulo, v. 36, n. 12, dez. 1984.

BLAY, Eva Alterman. Mulheres na USP: horizontes que se abrem. São Paulo: Humanitas, 2004.

CANABRAVA, Alice P. O caminho percorrido. São Paulo: Associação Brasileira de Pesquisadores em História Econômica, 2003.

CANDAU, Joël. Memória e identidade. São Paulo: Contexto, 2012.

BOSI, Ecléa. Memória e sociedade: lembrança de velhos. São Paulo: Companhia das Letras, 1994.

FOUCAULT, Michel. A ordem do Discurso. São Paulo: Loyola, 1998.

HALBWACHS, Maurice. A memória coletiva. São Paulo: Centauro, 2006.

ORLANDI, Eni. A linguagem e seu funcionamento. As formas do discurso. São Paulo: Brasiliense, 1983.

PANTALEÃO, Olga. Depoimento. In: BLAY, Eva Alterman; LANG, Alice Beatriz da Silva Gordo. Mulheres na USP: horizontes que se abrem. São Paulo: Humanitas, 2004.

PEROSA, Graziela. Educação diferenciada e trajetórias profissionais femininas. Tempo Social - Revista de Sociologia da USP, São Paulo, v. 20, n. 1, 2005.

POLLAK, Michael. Memória e identidade social. Estudos Históricos, Rio de Janeiro, v. 5, n. 10, p. 200-212, 1992.

SCHMIDT, Benito. Luz e papel, realidade e imaginação: as biografias na história, no jornalismo, na literatura e no cinema. In: SCHMIDT, Benito.(Org.). O biográfico: perspectivas interdisciplinares. Santa Cruz do Sul: UNISC, 2000.

TRIGO, Maria Helena B. Espaços e tempos vividos: estudo sobre os códigos de sociabilidade e relações de gênero na Faculdade de Filosofia da USP (1934-1970). 1997. Tese (Doutorado em Sociologia) – Universidade de São Paulo, São Paulo. 1997.

Downloads

Publicado

2016-10-14

Como Citar

LIBLIK, C. S. da F. K. O pioneirismo feminino na história: análise dos depoimentos de Alice Canabrava e Olga Pantaleão. Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 24, n. 1, p. 73–98, 2016. DOI: 10.20396/resgate.v24i1.8647081. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8647081. Acesso em: 25 jan. 2022.