Da incompletude do arquivo: teorias e gestos nos percursos de leitura

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v24i1.8647082

Palavras-chave:

Arquivo. História. Incompletude. Gestos de leitura.

Resumo

O presente texto discute a noção de arquivo a partir do aparato teórico da Análise do Discurso, tomando o texto de Pêcheux “Ler o Arquivo Hoje” como fundante nessa discussão.  Além disso, tendo em vista uma extensa prática com leitura de arquivos, no presente texto pode-se encontrar, também, uma reflexão sobre gestos, práticas e percursos de trabalho em arquivos variados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bethania Sampaio Corrêa Mariani, Universidade Federal Fluminense

É professora titular do Departamento de Ciências da Linguagem da Universidade Federal Fluminense. Possui graduação em Letras pela PUC do Rio de Janeiro, mestrado e doutorado em Lingüística pela Universidade Estadual de Campinas. Possui pós-doutorado pela Stanford University, USA. É professora concursada da Universidade Federal Fluminense. É bolsista 1C do CNPq. Atualmente é membro do CA de Letras e Linguística do CNPq. 

Referências

ACHARD, P.; PÊCHEUX, M. et al. O papel da memória. Campinas: Pontes, 1999.

BORGES, J. L. Funés, el memorioso. In: BORGES, J. L. Ficciones. Buenos Aires: Artificios, 1944.

DIAS, Cristiane. Memória Metálica. Verbete na Enciclopédia Discursiva da Cidade. Disponível em: http://www.labeurb.unicamp.br/endici/index.php?r=verbete/view&id=119. Acesso em: set. 2015.

DERRIDA, J. Mal de arquivo. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2001 [1995].

FAVIER, J. Les Archives. Paris: Les Presses Universitaires, 2001 [1958].

MARIANI, B. Colonização linguística. Campinas: Pontes, 2004.

MARIANI, B.; MEDEIROS, V. Olhem, dizem as fotos, é assim: mulher, favela e confronto policial. In: AZEVEDO, N.; FONTE, R. (Orgs.). Análise do discurso: mo(vi)mento de interpretações. Curitiba: CRV, 2011. p. 111-130.

ORLANDI, E. Discurso e texto. Campinas: Pontes, 2001.

ORLANDI, L. O gato entre Alice e Foucault. In: RAGO, M.; VEIGA-NETO, A. Figuras de Foucault. Belo Horizonte: Autêntica, 2006. Disponível em: http://www.fe.unicamp.br/dis/transversal/rizomas/O_gato_entre_Alice_e_Foucault.doc. Acesso em: abr. 2014.

PÊCHEUX, M. Ler o arquivo hoje. In: ORLANDI, E. (Org.). Gestos de leitura: da história no discurso. Campinas: Pontes, 1994.

PÊCHEUX, M. Papel da memória. In: ACHARD, P.; PÊCHEUX, M. et al. O papel da memória. Campinas: Pontes, 1999.

PÊCHEUX, M. O discurso: estrutura ou acontecimento. Campinas: Pontes, 1983.

ROUDINESCO, E. A análise e o arquivo. Rio de Janeiro: Zahar, 2006.

SCHERER, Amanda Eloína. História das ideias x história de vida. Entrevista com Eni Orlandi. Fragmentum, Santa Maria, n. 7, p. 11-51, 2006. ISSN 2179-2194. Disponível em: http://periodicos.ufsm.br/fragmentum/article/view/6349/3855. Acesso em: maio 2016.

Downloads

Publicado

2016-10-14

Como Citar

MARIANI, B. S. C. Da incompletude do arquivo: teorias e gestos nos percursos de leitura. Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 24, n. 1, p. 9–26, 2016. DOI: 10.20396/resgate.v24i1.8647082. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8647082. Acesso em: 23 jan. 2022.