Possibilidades da violência na Florianópolis de Cristovão Tezza (sobre a ditadura civil-militar em seus primeiros romances)

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v29i00.8666050

Palavras-chave:

Cristovão Tezza, Ditadura civil-militar, Memória, Florianópolis

Resumo

Com base em três romances de Cristovão Tezza que se passam em Florianópolis, o artigo discute um deslocamento da violência externa à sua internalização no sujeito. Para isso, começamos discutindo, pela chave Literatura e Sociedade, sobre o lugar que a ditadura civil-militar ocupa nos primeiros romances do autor e como este processo de violência externa exercido pelos militares (em Ensaio da Paixão) reverbera na repetição traumática por parte do sujeito (em Aventuras Provisórias), resultando, por fim, em uma internalização da violência que passa a se apoiar nas ameaças do passado, por meio da memória (em O Fantasma da Infância). Concluímos com um breve comentário sobre o lugar de Florianópolis na formulação estética do autor, apontando como as obras que relacionam a ditadura de 1964 à cidade constituem um problema estético que segue sendo desenvolvido em sua literatura atual.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Natan Schmitz Kremer, Universidade Federal de Santa Catarina

Mestrando em Sociologia pela Universidade Federal de Santa Catarina (SC - Brasil). Cientista Social formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (SC - Brasil). 

 

Alexandre Fernandez Vaz, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutor em Ciências Humanas e Sociais pela Gottfried Wilhelm Leibniz Universität Hannover (Hannover, Alemanha). Professor Titular da Universidade Federal de Santa Catarina no Programa de Pós-Graduação em Educação e no Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas (Florianópolis, SC - Brasil).

 

 

Referências

ADORNO, Theodor. Teoria freudiana e o padrão da propaganda fascista. In: ADORNO, Theodor. Ensaios sobre psicologia social e psicanálise. Tradução: Verlaine Freitas. São Paulo: Editora da UNESP, 2015. p. 153-189.

BENJAMIN, Walter. A obra de arte na época da possibilidade de sua reprodução técnica. In: BENJAMIN, Walter. Estética e sociologia da arte. Tradução: João Barrento. Belo Horizonte: Autêntica, 2017. p. 9-47.

BENJAMIN, Walter. O contador de histórias: reflexões sobre a obra de Nikolai Leskov. In: BENJAMIN, Walter. Linguagem, tradução, literatura (filosofia, teoria e crítica). Tradução: João Barrento. Belo Horizonte: Autêntica, 2018. p. 139-166.

BENJAMIN, Walter. Origem do drama trágico alemão. Tradução: João Barrento. Belo Horizonte: Autêntica, 2016.

CANDIDO, Antonio. Literatura e sociedade. São Paulo: PubliFolha, 2000.

D’EÇA, Othon Gama. Homens e algas. 5. ed. Florianópolis: EdUFSC, 2008.

DURKHEIM, Émile. Da divisão do trabalho social. Tradução: Eduardo Brandão. São Paulo: Martins Fontes, 2019.

ÉDIPO Rei. Direção Pier Paolo Pasolini. Itália: Arco FilmSomafis, 1967. Suporte VHS (104 min.).

FLORES, Maria Bernardete Ramos. A farra do boi: palavras, sentidos, ficções. Florianópolis: EdUFSC, 1997.

FREUD, Sigmund. O mal-estar na civilização. Tradução: Paulo César de Souza. São Paulo: Penguin; Companhia das Letras, 2011.

FREUD, Sigmund. Recordar, repetir e elaborar. In: FREUD, Sigmund. Obras completas v. 10. Tradução: Paulo César de Souza. São Paulo: Companhia das Letras, 2010. p. 69-74.

FUKS, Júlian. A resistência. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.

KREMER, Natan Schmitz; VAZ, Alexandre Fernandez. Espiridião, o carnaval e uma estética do moderno na Florianópolis de Salim Miguel. Estudos de literatura brasileira contemporânea, Brasília, n. 62, p. 1-15, jan./abr. 2021. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/estudos/article/view/37482. Acesso em: 17 jan. 2022. DOI: https://doi.org/10.1590/2316-40186216

LAUB, Michel. Diário da queda. São Paulo: Companhia das Letras, 2011.

MARCUSE, Herbert. Un ensayo sobre la liberación. Tradução: Juan Garcia Ponce. México: Joaquín Mortiz, 1969.

MIGUEL, Salim. Velhice e outros contos. 2. ed. Florianópolis: FCC, 1981.

MIGUEL, Salim. W. Rio Apa em Florianópolis. Revista Sul, Florianópolis, v. 10, n. 30, p. 127, dez. 1957. Disponível em: https://www.portalcatarina.ufsc.br/documentos/?action=download&id=119070. Acesso em: 17 jan. 2022.

OLIVEIRA NETO, Godofredo. Pedaço de santo. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997.

RIAL, Carmen. Contatos fotográficos. In: KOURY, Mauro (Org.). Imagens e Ciências Sociais. João Pessoa: Editora da UFPB, 1998. p. 203-223.

RIAL, Carmen. Memorial para Professora Titular. 2015. Memorial (Concurso de Titular) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2015. Disponível em: https://navi.ufsc.br/files/2017/11/Memorial_Titular.pdf. Acesso em: 17 jan. 2022.

SÓFOCLES. Édipo tirano. São Paulo: Todavia, 2018.

SÓFOCLES. Édipo em Colono. Porto Alegre: L&PM, 2019.

TEZZA, Cristovão. A suavidade do vento. 3. ed. Rio de Janeiro: Record, 2015.

TEZZA, Cristovão. A tensão superficial do tempo. São Paulo: Todavia, 2020.

TEZZA, Cristovão. A tirania do amor. São Paulo: Todavia, 2018.

TEZZA, Cristovão. A tradutora. Rio de Janeiro: Record, 2016.

TEZZA, Cristovão. Aventuras provisórias. 2. ed. Rio de Janeiro: Record, 2007a.

TEZZA, Cristovão. Beatriz. Rio de Janeiro: Record, 2011.

TEZZA, Cristovão. Ensaio da paixão. Florianópolis: FCC: Criar, 1986.

TEZZA, Cristovão. Ensaio da paixão. 2. ed. Rio de Janeiro: Rocco, 1999.

TEZZA, Cristovão. Juliano Pavollini. 4. ed. Rio de Janeiro: Record, 2010b.

TEZZA, Cristovão. O fantasma da infância. 2. ed. Rio de Janeiro: Record, 2007b.

TEZZA, Cristovão. “Os vivos e os mortos”, de W. Rio Apa: visão de mundo e linguagem. 1987. Dissertação (Mestrado em Literatura) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 1987.

TEZZA, Cristovão. Trapo. 7. ed. Rio de Janeiro: Record, 2007c.

TEZZA, Cristovão. Um erro emocional. Rio de Janeiro: Record, 2010a.

Downloads

Publicado

2021-12-30

Como Citar

KREMER, N. S. .; VAZ, A. F. Possibilidades da violência na Florianópolis de Cristovão Tezza (sobre a ditadura civil-militar em seus primeiros romances). Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 29, n. 00, p. e021030, 2021. DOI: 10.20396/resgate.v29i00.8666050. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8666050. Acesso em: 9 dez. 2022.