Banner Portal
O acesso à informação em instituições universitárias e a gestão documental
Capa: Lygia Eluf (sem título, série Desenhos da Quarentena, técnica: nanquim/papel, 35x15cm, 2020) e Carlos Lamari.
PDF

Palavras-chave

Acesso à informação
Gestão de documentos
IFES
Patrimônio
Memória

Como Citar

FONSECA, Patrícia da Silva; QUEIROZ, Jonas Marçal de. O acesso à informação em instituições universitárias e a gestão documental: o caso da Universidade Federal de Viçosa. Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 31, n. 00, p. e023014, 2023. DOI: 10.20396/resgate.v31i00.8671142. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8671142. Acesso em: 22 abr. 2024.

Resumo


Este artigo discute, a partir de um estudo de caso, como instituições universitárias possibilitam condições de acesso às informações ao público e se estas condizem com o que estabelecem as leis federais conhecidas como Lei dos Arquivos e Lei de Acesso à Informação. Analisa, também, o papel da gestão documental na preservação do patrimônio documental, o que representam esses documentos para essas instituições e como se dá a difusão e o acesso a esses materiais. Assim, a pesquisa conclui que uma política de gestão de documentos arquivísticos na UFV é inexistente e reflete sobre sua importância para uma instituição universitária.

https://doi.org/10.20396/resgate.v31i00.8671142
PDF

Referências

BERNARDES, Ieda Pimenta. Gestão documental e direito de acesso: interfaces. Acervo, Rio de janeiro, v. 28, n. 2, p. 164-179, jul./dez. 2015. Disponível em: https://revista.arquivonacional.gov.br/index.php/revistaacervo/article/view/616/667. Acesso em: 26 abr. 2021.

BOTTINO, Mariza. Arquivo Universitário: sonho ou realidade? In: VENÂNCIO, Renato; NASCIMENTO, Adalson (org.). Universidade e Arquivo: gestão, ensino e pesquisa. 2 ed. Belo Horizonte: Fino Traço, 2014. p. 21-31.

BRAGATO BARROS, Thiago Henrique. Sem gestão não há difusão e acesso: aspectos histórico-conceituais da arquivística canadense e brasileira. Acervo, [S/I], v. 33, n. 3, p. 68-85 set./dez. 2020. Disponível em: https://revista.arquivonacional.gov.br/index.php/revistaacervo/article/view/1606/1539. Acesso em: 29 mar. 2021.

BRASIL. Decreto nº 64.825, de 15 de julho de 1969. Institui, sob a forma de fundação, a Universidade Federal de Viçosa e dispõe sôbre sua constituição. Diário Oficial da União, seção 1, Brasília, DF, ano 1969, n. 6051, p. 1-68, 17 de jul. 1969. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1960-1969/decreto-64825-15-julho-1969-406149-publicacaooriginal-1-pe.html#:~:text=Institui%2C%20sob%20a%20forma%20de,e%20disp%C3%B5e%20s%C3%B4bre%20sua%20constitui%C3%A7%C3%A3o. Acesso em: 12 dez. 2020.

BRASIL. Lei nº 8.159, de 08 de janeiro de 1991. Dispõe sobre a política nacional de arquivos públicos e privados e dá outras providências. Brasília, DF: Presidência da República. Casa Civil. Subchefia para Assuntos Jurídicos, [1991].

BRASIL. Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011. Regulamenta o acesso a informações previsto no inciso XXXIII do artigo 5º, no inciso II do § 3º do artigo 37 e no § 2º do artigo 216 da Constituição Federal; altera a Lei nº 8.112, de 11 de dezembro de 1990; revoga a Lei nº 11.111, de 5 de maio de 2005, e dispositivos da Lei nº 8.159, de 8 de janeiro de 1991; e dá outras providências. Brasília, DF: Presidência da República. Casa Civil. Subchefia para Assuntos Jurídicos, [2011]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12527.htm. Acesso em: 04 set. 2021

CASTRO, Maria Gontijo. Ensino, pesquisa e extensão: origem, trajetória e reconfiguração institucional na Universidade Federal de Viçosa. 2015. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2015.

GOUVÊA, Tatiani Gomes. Os primórdios da pós-graduação em fitotecnia na UFV: memória do programa pioneiro no Brasil. 2017. Dissertação (Mestrado em Patrimônio Cultural, Paisagens e Cidadania) – Departamento de História, Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2017.

JARDIM, José Maria. A implantação da lei de acesso à informação pública e a gestão da informação arquivística governamental. Liinc em Revista, Rio de Janeiro, v. 9, n. 2, p. 383-405, nov. 2013. Disponível em: https://revista.ibict.br/liinc/article/view/3495. Acesso em: 20 maio 2021.

JARDIM, José Maria; MIRANDA, Vanessa Leite. A implantação da lei de acesso à informação nas universidades federais do estado do Rio de Janeiro. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO, 16., João Pessoa - PB. Informação, Memória e Patrimônio, João Pessoa, 2015. Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/article/download/44010. Acesso em: 03 abr. 2021.

LIMA, Melina Pompeu de; ABDALLA, Márcio Moutinho; OLIVEIRA, Leonel Gois Lima. A avaliação da transparência ativa e passiva das universidades públicas federais do Brasil à luz da Lei de Acesso à Informação. Revista do Serviço Público, Brasília, v. 71, Especial – 3, p. 232-263, dez. 2020. Disponível em: https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/4662/2850. Acesso em: 12 maio 2021.

LOGAREZZI, Lia. Guia prático da lei de acesso à informação. São Paulo: Artigo 19 Brasil, 2016.

NASCIMENTO, Adalson. Experiência de arranjo e descrição em acervos de instituições federais de ensino superior. In: VENÂNCIO, Renato; NASCIMENTO, Adalson (org.). Universidades e Arquivos: gestão, ensino e pesquisa. 2 ed. Belo Horizonte: Fino Traço, 2014. p. 81-92.

PEREIRA FILHO, Hilário Figueiredo. Memória em disputa: a Unesco e a patrimonialização de acervos documentais. 2018. Tese (Doutorado em História) – Centro de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2018.

RANGEL, Thayron Rodrigues; PEREIRA, Rodolpho Guimarães; ROCCO, Brenda Couto de Brito. Opacidade e transparência informacional: a vigilância como ferramenta de controle e acesso a documentos arquivísticos. In: VENÂNCIO, Renato Pinto; SILVA, Welder Antônio; NASCIMENTO, Adalson (org). Ensino e pesquisa em arquivologia: cenários prospectivos. Belo Horizonte: Escola de Ciência da Informação, 2018. p. 258-274.

RIBEIRO, Maria das Graças Martins. A USAID e o ensino agronômico brasileiro: o caso da Universidade Rural do Estado de Minas Gerais. Bol. Mus. Para. Emílio Goeldi. Cienc. Hum., Belém, v. 4, n. 3, p. 453-463, set./dez. 2009. Disponível em: https://www.scielo.br/j/bgoeldi/a/XRtpVr5tDmcXV4FrRW5MxzF/?lang=pt&format=pdf. Acesso em: 11 dez. 2020.

RIBEIRO, Maria das Graças Martins. Escola Superior de Agricultura de Viçosa: um land-grant college em Minas Gerais? In: SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 23., 2005, Londrina. Anais [...] Londrina: ANPUH, 2005. p. 1-8.

ROCHA, Isadora Martins Marques da; KONRAD, Glaucia Vieira Ramos. A conduta do Arquivista frente à Lei de Acesso à Informação. Revista Informação Arquivística, 2013. Rio de Janeiro, v. 2, n. 2, p. 103-123, jul./dez. 2013. Disponível em: http://www.aaerj.org.br/ojs/index.php/informacaoarquivistica/article/view/47/26. Acesso em:

abril 2021.

RONCAGLIO, Cynthia. O papel dos arquivos das instituições federais de ensino superior e a experiência do Arquivo Central da Universidade de Brasília. RICI: R.Ibero-amer. Ci. Inf., Brasília, v. 9, n. 1, p. 178-194, jan./jun. 2016. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/RICI/article/view/2227/1975. Acesso em: 15 mar. 2021.

ROSA, Tatiana Costa; CABERO, Maria Manuela Moro. A transparência ativa das IFES brasileiras que ofertam a graduação em arquivologia. Inf. & Soc.: Est., João Pessoa, v. 29, n. 4, p. 251-272, out./dez. 2019. Disponível em: https://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/ies/article/view/45088. Acesso em: 29 mar. 2021.

SANTOS, Eduardo Luiz dos. Diagnóstico da situação arquivística da Universidade Federal de Viçosa. 2017. Dissertação (Mestrado em Gestão de Documentos e Arquivos) – Centro de Ciências Humanas e Sociais da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2017.

SANTOS JÚNIOR, Mardônio Lacet dos. O catálogo do NDPEP como fonte descrição e difusão dos documentos arquivísticos históricos do IFPB. In: FERRARO, Juliana Ricarte; RANGEL, Thayron Rodrigues (org.). Experiências exitosas em gestão, preservação, descrição e difusão de documentos arquivísticos em Instituições Federais de Ensino. São Paulo: Associação de Arquivistas de São Paulo (ARQ-SP), 2020. p. 90.

SARAIVA, Natália de Lima; PEREIRA, Tânia Maria de Moura. Patrimônio documental e difusão da informação em arquivos nacionais. In: CONGRESSO NACIONAL DE ARQUIVOLOGIA - CNA, 8., 2018, João Pessoa. Anais [...] Revista Analisando em Ciência da Informação - RACIn, João Pessoa, v. 6, n. especial, p. 646-66, out. 2018. Disponível em: http://arquivologiauepb.com.br/racin/edicoes/v6_nesp/racin_v6_nesp_TA_GT07_0646-0660.pdf. Acesso em: 02 jul. 2021.

SILVA, Daniele Costa; AMARAL, Valdineide dos Santos do; OLIVEIRA, Thierre Xavier de. Memória e sensibilização: perspectivas da gestão arquivística no contexto da UFRRJ. In: FERRARO, Juliana Ricarte; RANGEL, Thayron Rodrigues (org.). Experiências exitosas em gestão, preservação, descrição e difusão de documentos arquivísticos em Instituições Federais de Ensino. São Paulo: Associação de Arquivistas de São Paulo (ARQ-SP), 2020. p. 70-83.

SILVA, Eliane de Castro. Museu regional de entomologia da Universidade Federal de Viçosa: uma proposta de institucionalização. 2018. Dissertação (Mestrado Profissional em Patrimônio Cultural, Paisagens e Cidadania) – Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, 2018.

SILVA, Isabela Costa da; BERG, Thayane Vicente Vam de. A experiência do Arquivo Central da UNIRIO: desafios para a gestão e preservação de documentos. In: FERRARO, Juliana Ricarte; RANGEL, Thayron Rodrigues. (org.). Experiências exitosas em gestão, preservação, descrição e difusão de documentos arquivísticos em Instituições Federais de Ensino. São Paulo: Associação de Arquivistas de São Paulo (ARQ-SP), 2020. p. 56-69.

SILVA, Pedro Felipy Cunha da. O impacto do diagnóstico documental na Gestão de Documentos do Centro de Ciências Jurídicas da Universidade Federal da Paraíba. In: FERRARO, Juliana Ricarte; RANGEL, Thayron Rodrigues. (org.). Experiências exitosas em gestão, preservação, descrição e difusão de documentos arquivísticos em Instituições Federais de Ensino. São Paulo: Associação de Arquivistas de São Paulo (ARQ-SP), 2020. p. 30-42.

SOUSA, Renato Tarciso Barbosa de. Os arquivos montados nos setores de trabalho e as massas documentais acumuladas na administração pública brasileira: uma tentativa de explicação. R-Bibliotecon, Brasília, v. 21, n. 1, p. 31-50, jan./jun. 1997. Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/res/v/76709. Acesso em: 02 jul. 2021.

TANNO, Janete Leiko. Centros de documentação e patrimônio documental direito à informação, à memória e à cidadania. Acervo, Rio de Janeiro, v. 31, n. 3, p. 88-101, set./dez. 2018. Disponível em: https://revista.an.gov.br/index.php/revistaacervo/article/view/903. Acesso em: 09 jul. 2021.

VENÂNCIO, Renato. Arquivos universitários no Brasil: esboço de uma cronologia. In: VENÂNCIO, Renato; NASCIMENTO, Adalson. (org.). Universidade e Arquivo: gestão, ensino e pesquisa. 2 ed. Belo Horizonte: Fino Traço, 2014. p. 33-48.

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura

Downloads

Não há dados estatísticos.