Políticas educativas e ensino superior análise da internacionalização no contexto de trabalho da profissão acadêmica em Portugal

  • Carla Galego Centro de Estudos Interdisciplinares em Educação e Desenvolvimento (CeiED) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
Palavras-chave: Políticas educativas de ensino superior. Profissão académica. Universidade. Espaço Europeu de Educação Superior

Resumo

É no quadro da crescente europeização das políticas educativas que as últimas e importantes transformações legislativas geradas no sistema de ensino superior português têm de ser entendidas. Convergente com a criação do Espaço Europeu de Educação Superior (EEES) Portugal, aliou-se ao processo de Bolonha e reformou, na segunda metade da década de 2000, o seu sistema de ensino superior nas estruturas e nos modos de governo das instituições. Considerando, que a profissão académica é um elemento central na missão da universidade (WILSON 1962; ALTBACH, 2011), logo também central na construção do EEES. O objetivo deste artigo, é analisar, de que forma as novas políticas educativas produziram alterações no contexto e nas condições de trabalho dos professores/investigadores das universidades públicas em Portugal. Inicia-se o texto, identificando as principais medidas políticas que formam a nova moldura legal da educação superior, dando particular destaque ao novo Estatuto da Carreira Docente. Parte-se depois para a análise das percepções dos académicos em torno do desenvolvimento da profissão académica ocorrido ao longo dos últimos 40 anos articulando-as com a dimensão da internacionalização da educação superior. Os resultados obtidos permitem afirmar que a profissão académica é por natureza internacional. No entanto, essa natureza complexificou-se e diversificou-se redimensionando a internacionalização, passando esta de uma ‘lógica de opcionalidade’ para uma ‘lógica de obrigatoriedade'.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Galego, Centro de Estudos Interdisciplinares em Educação e Desenvolvimento (CeiED) - Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
Socióloga de formação é mestre em Ciências da Educação e doutorada em Educação (2014) pela ULHT. Foi bolseira FCT com uma bolsa mista, entre 2007 e 2011, tendo realizado parte do programa doutoral na Social Sciences and Comparative Education Division, na UCLA. Tem participado em vários projetos internacionais no âmbito do CeiED. Atualmente, os seus interesses de pesquisa focam o conceito de profissão académica, políticas educativas de ensino superior, espaço europeu de ensino superior e educação comparada.
Publicado
2016-05-07
Como Citar
Galego, C. (2016). Políticas educativas e ensino superior análise da internacionalização no contexto de trabalho da profissão acadêmica em Portugal. Revista Internacional De Educação Superior, 2(1), 10-30. https://doi.org/10.22348/riesup.v2i1.7528
Seção
Artigos