O serviço social e a consolidação de direitos: desafios contemporâneos

Autores

  • Maria Lúcia Martinelli Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/sss.v10i2.8634843

Palavras-chave:

Serviço social. Identidade. Direitos sociais. Exercício profissional

Resumo

O objetivo deste ensaio é trazer para a reflexão algumas questões relativas aos desafios contemporâneos que se colocam para o Serviço Social no que se refere à consolidação dos direitos sociais consagrados pela Constituição Federal de 1988 e referendados pelo projeto ético-político da profissão. Tomando por referência analítica a categoria identidade, examino os desafios que se colocam para o exercício profissional e finalizo com algumas proposições, tendo em vista a consolidação do referido projeto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Lúcia Martinelli, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Graduação em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1966), mestrado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1977), doutorado em Serviço Social pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1988) e pós-doutorado em Fundamentos Políticos das Ideias Contemporâneas pelo Instituto de Estudos Avançados, Universidade de São Paulo (2002). É professora associada da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, atuando como professora, pesquisadora e orientadora de Mestrado, Doutorado e Pós-Doutorado no Programa de Pós-Graduação em Serviço Social desde 1989. 

Referências

ANTUNES, R. Os sentidos do trabalho. 4ª edição. São Paulo: Boitempo, 2001.

ANTUNES, R. O caracol e sua concha: ensaios sobre a nova morfologia do trabalho. São Paulo: Boitempo, 2005.

BARROCO, M.L.S. Ética e Serviço Social: fundamentos ontológicos. São Paulo: Cortez, 2001.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Senado, 1988.

BRASIL. Presidência da República. Lei nº 8.662, de 7 de junho de 1993. Regulamenta a profissão de Assistente Social.

BRASIL. Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome. Política Nacional de Assistência Social. Brasília, 2004.

CHAUI, M. S. Brasil: mito fundador e sociedade autoritária. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2000.

CHAUI, M. S. Cidadania cultural. O direito à cultura. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2006.

CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Código de Ética do Assistente Social. Resolução CFESS nº 273, de 13 de março de 1993.

CONSELHO FEDERAL DE SERVIÇO SOCIAL. Parâmetros para a Atuação de Assistentes Sociais na Saúde. Brasília, CFESS, 2009.

COUTO, B. R. O Direito Social e a Assistência Social na sociedade brasileira: uma equação possível? São Paulo: Cortez, 2004.

HELLER, A. O cotidiano e a história. Trad. Carlos Nelson Coutinho e Leandro Konder. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1972.

IAMAMOTO, M. O Serviço Social na cena contemporânea. CFESS/ABEPSS (Orgs) Serviço Social, direitos e competências profissionais. Brasília: CFESS/ABEPSS, 2009.

MARTINELLI, M.L. Serviço Social: Identidade e alienação. 14ª edição. São Paulo: Cortez, 2010.

MARTINELLI, M.L. Pensar a identidade: eis a tarefa. Um ensaio sobre a identidade profissional do Serviço Social. KARSCH, U. (Org.) Estudos do Serviço Social: Brasil e Portugal. Vol.2. São Paulo: EDUC: 2005.

MARTINELLI, M.L. Reflexões sobre o Serviço Social e o projeto ético-político profissional. Revista Emancipação, ano 6, n. 1. Ponta Grossa: UEPG, 2006.

MARTINELLI, M.L. Sentido e direcionalidade da ação profissional: projeto ético-político em Serviço Social. BAPTISTA, M. V., BATTINI, O. (Orgs) A prática profissional do assistente social: teoria, ação, construção de conhecimento. Vol. I. São Paulo: Veras Editora, 2009.

MARX, K. O Capital. Crítica da economia política, 9ª edição, Livro I, Volume I, Trad. Reginaldo Sant’Anna. São Paulo: Difel, 1986.

Downloads

Publicado

2015-05-06

Como Citar

MARTINELLI, M. L. O serviço social e a consolidação de direitos: desafios contemporâneos. Serviço Social e Saúde, Campinas, SP, v. 10, n. 2, p. 1–17, 2015. DOI: 10.20396/sss.v10i2.8634843. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/sss/article/view/8634843. Acesso em: 17 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos