A política nacional de humanização e o serviço social: elementos para o debate

Francielle Lopes Alves, Regina Célia Tamaso Mioto, Luiza Maria Lorenzini Gerber

Resumo


O presente artigo tem como objetivo discutir a temática da humanização em saúde a partir da constituição da Política Nacional de Humanização (PNH) e de suas relações com o Serviço Social, com base no seu projeto ético político. Considera que o processo de consolidação da PNH acontece num contexto de disputas teóricas, ideológicas e políticas e por isso exige dos assistentes sociais clareza quanto ao encaminhamento de seu trabalho. Nesse contexto, enfatiza-se o diálogo com as correntes contemporâneas de Saúde Coletiva e pontua-se algumas questões em relação ao Serviço Social.


Palavras-chave


Saúde. Humanização. Política nacional de humanização. Serviço social

Texto completo:

PDF

Referências


BENEVIDES, R.; PASSOS, E. Humanização na saúde: um novo modismo? Programa Nacional de Humanização da Assistência Hospitalar. Disponível em: http://dtr2001.saude.gov.br/sas/dsra/apresent-hum.htm. Acesso em: 12 jul. 2006.

BENEVIDES, R.; PASSOS, E.. A humanização como dimensão pública das políticas de saúde. Ciência e Saúde Coletiva, v. 10, n. 3, Rio de Janeiro, p. 561-571, jul./set. 2005.

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria n° 881/2001 GM. Programa Nacional de Humanização da Assistência Hospitalar. Disponível em: http://dtr2001.saude.gov.br/sas/dsra/apresent-hum.htm. Acesso em: 12 jul. 2006.

BRASIL. Ministério da Saúde. Política Nacional de Humanização: Documento Base. Disponível em: www.saude.gov.br. Acesso em: 12 jul. 2006.

BRAVO, M. I. Política de Saúde no Brasil. In: MOTA, A. E., et al (Orgs). Serviço Social e Saúde: formação e trabalho profissional. ABEPSS/OPAS, julho de 2006. CD ROM.

BRAVO, M. I.; MATOS, M. C. Reforma sanitária e projeto ético-político do Serviço Social: elementos para o debate. In: BRAVO, M. I. et al (Orgs.). Saúde e Serviço Social. São Paulo/Rio de Janeiro: Cortez/UERJ, 2004.

CAMPOS, G. W. S. Prefácio. In: CARVALHO, S. R. Saúde coletiva e promoção da saúde: sujeito e mudança. São Paulo: HUCITEC, 2005.

CARVALHO, S. R. Saúde coletiva e promoção da saúde: sujeito e mudança. São Paulo: HUCITEC, 2005.

CECÍLIO, L. C. O. As necessidades de saúde como conceito estruturante na luta pela integralidade e eqüidade na atenção em saúde. In: PINHEIRO, R. e MATTOS, R. A. (Orgs.). Os sentidos da integralidade na atenção e no cuidado à saúde. Rio de Janeiro: ABRASCO/UERJ, 2001, p. 113−26.

DESLANDES, S. F. O projeto ético-político da humanização: conceitos, métodos e identidade. Interface. São Paulo, n. 17, v. 9, p. 401-403, mar/ago. 2005.

ELIAS, P. E.. Pósfácio II. In: COHN, A.; NUNES, E.; JACOBI, P.; KARSCH, U. S. A saúde como direito e como serviço. 2. ed. São Paulo: Cortez, 1999, p. 125−33.

GERBER, L. M. L.; ALVES, F. L.; CHUPEL, C. P. O projeto ético-político do Serviço Social e a intervenção profissional no âmbito da saúde: a sua interface com a Política Nacional de Humanização. Anais do II Congresso Paranaense de Assistentes Sociais. CRESS-PR/CFESS, outubro de 2006. CD ROM.

GESTÃO MÉDICA. Qualidade: A vez do paciente. Gestão médica, n.4, jul/ago 2005, p. 24−6.

IAMAMOTO, M. V. El debate contemporáneo del Servicio Social y la ética profesional. BORGIANNI, E.; GUERRA, Y.; MONTAÑO, C. (Org.). Servicio Social Critico - hacia la construcción del nuevo proyecto ético-político profesional. São Paulo: Cortez/ Biblioteca Latinoamericana de Servicio Social, 2005. p. 249−70.

MATOS, M. C. O debate do Serviço Social na saúde dos anos 90. Serviço Social & Sociedade, São Paulo, n. 74, p.85-117, 2003.

MENDES, E. V. As políticas de saúde no Brasil nos anos 80: a conformação da reforma sanitária e a construção da hegemonia do projeto neoliberal. In: MENDES, E. V. (Org.). Distrito sanitário: o processo social de mudança das práticas sanitárias do Sistema

Único de Saúde. 3. ed. São Paulo/Rio de Janeiro: HUCITEC/ABRASCO, 1995, p.19−92.

MENDES, E. V. (Org). Uma Agenda para a Saúde. São Paulo: Hucitec, 1996.

MINAYO, M. C. S. Sobre o humanismo e a humanização. In: DESLANDES, S. F. (org.). Humanização dos cuidados em saúde: conceitos, dilemas e práticas. Rio de Janeiro: FIOCRUZ, 2006, p. 23−30.

MIOTO, R. C. T.; NOGUEIRA, V. M. R. Desafios atuais do Sistema Único de Saúde – SUS e as exigências para os assistentes sociais. In: MOTA, A. E., et al (Orgs). Serviço Social e Saúde: formação e trabalho profissional. ABEPSS/OPAS, julho de 2006. CD ROM.

NETTO, J. P. A construção do projeto ético-político do Serviço Social. In: MOTA, A. E., et al (Orgs). Serviço Social e Saúde: formação e trabalho profissional. ABEPSS/OPAS, julho de 2006. CD ROM.

SILVA JÚNIOR, A.G. Modelos tecnoassistenciais em saúde: o debate no campo da saúde coletiva. São Paulo: Hucitec, 1998




DOI: https://doi.org/10.20396/sss.v6i1.8634944

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Serviço Social e Saúde

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Serv. Soc. & Saúde, Campinas (SP) - e-ISSN 2446-5992.