Banner Portal
A reforma do sistema da atenção hospitalar brasileira: o quê muda para o CAISM?
PDF

Palavras-chave

Reforma. Certificação de hospitais de ensino. Missão do CAISM

Como Citar

PARPINELLI, M. Ângela. A reforma do sistema da atenção hospitalar brasileira: o quê muda para o CAISM?. Serviço Social e Saúde, Campinas, SP, v. 4, n. 1, p. 61–70, 2015. DOI: 10.20396/sss.v4i1.8634974. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/sss/article/view/8634974. Acesso em: 2 mar. 2024.

Resumo

A reforma do Sistema de Atenção Hospitalar tem como objetivo precípuo garantir a efetiva e plena inserção destes e, particularmente dos Hospitais de Ensino e Universitários (HU/HE), às necessidades do Sistema Único de Saúde (SUS). O HU/HE deve solicitar, junto ao Ministério da Saúde, a certificação e submeter-se a processo de avaliação. Uma vez certificado, o HU/HE passa a receber um fator de incentivo financeiro a partir de nova modalidade de contrato pelo SUS. O CAISM foi certificado e investirá o fator de incentivo financeiro na manutenção e atualização de seu parque tecnológico.

https://doi.org/10.20396/sss.v4i1.8634974
PDF

Referências

AMORETTI, R. Seminário para os Hospitais de Ensino da Região Sul. 2004 Promoção GHC; SMS/POA; ABRAHUE. BRASIL. http://www.ghc.com.br 2005

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Reforma do Sistema da Atenção Hospitalar Brasileira. 2004 Brasília, DF.

CAISM/UNICAMP. Planejamento Estratégico (PLANES) 2003 Comunicação e Difusão do CAISM/DEC.

CAMPOS, G.W. A Saúde Pública e a Defesa da Vida. 1994: Hulcitec, São Paulo, SP.

FAÚNDES, A. CAISM 15 anos, Consolidando sua História (entrevista). 2001. Comunicação e Difusão do CAISM/DEC.

PINOTTI, J.A. CAISM 15 anos, Consolidando sua História (entrevista). 2001. Comunicação e Difusão do CAISM/DEC.

ZEFERINO, L.C. CAISM 15 anos, Consolidando sua História (entrevista). 2001. Comunicação e Difusão do CAISM/DEC.

A Serviço Social e Saúde utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.