Banner Portal
O serviço social na residência multiprofissional em oncologia no Instituto Nacional de Câncer – INCA
PDF

Palavras-chave

Serviço social. Residência multiprofissional. Saúde. Oncologia

Como Citar

SILVA, Letícia Batista; MONTEIRO, Márcia Valéria de Carvalho; SANTOS, Maria Conceição Barbosa dos; MELO, Fernanda dos Reis; ESTALINO, Eliane da Silva. O serviço social na residência multiprofissional em oncologia no Instituto Nacional de Câncer – INCA. Serviço Social e Saúde, Campinas, SP, v. 11, n. 1, p. 51–66, 2015. DOI: 10.20396/sss.v11i1.8635026. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/sss/article/view/8635026. Acesso em: 19 maio. 2024.

Resumo

O presente artigo tem como objetivo apresentar a contribuição do Serviço Social na implantação do Programa de Residência Multiprofissional em Oncologia do Instituto Nacional de Câncer. Toma a questão do câncer como problema de saúde pública e entende como estratégico o ensino em serviço na modalidade residência multiprofissional. O texto reafirma os princípios basilares o Sistema Único de Saúde e busca discutir a importância da reflexão crítica acerca dos determinantes sociais no processo saúde/doença, apresentando essa como uma contribuição do Serviço Social.

https://doi.org/10.20396/sss.v11i1.8635026
PDF

Referências

ABRAHÃO, A. L. Tecnologia: conceito e relações com o trabalho em saúde. In. FONSECA, A. F.; STAUFFER, A. B. O processo histórico do trabalho em saúde. Rio de Janeiro: EPSJV/Fiocruz, 2007.

ABEPSS. Lei de Diretrizes Curriculares. Brasília, 1996.

BRASIL. Lei 8.080/90. Dispõe sobre as condições para a promoção, proteção e recuperação da saúde. Brasília, 1990.

BRASIL. Lei 8662/93. Lei de Regulamentação da Profissão de Assistente Social. Brasília, 1993.

BRASIL. Lei 11.129/05. Institui as residências multiprofissionais e em área profissional da saúde. Brasília, 2005.

BRASIL. Situação do Câncer no Brasil. Rio de Janeiro: INCA, 2006.

BRAVO, M. I. S.; MATOS, M. C. Projeto Ético Político do Serviço Social e sua relação com a Reforma Sanitária: elementos para o debate. In: MOTA, A. E. et al. Serviço Social e Saúde: formação e trabalho profissional. São Paulo: Cortez, 2006.

BRAVO, M. I. S. Política de Saúde no Brasil. In: Ana Elizabete Mota et alli Serviço Social e Saúde: formação e trabalho profissional. São Paulo: Cortez, 2006.

CNS. Resolução CNS nº 287/1998. Dispõe sobre as profissões da saúde.

CNRMS. Resolução CNRMS nº 2/2012. Institui as diretrizes gerais para a criação e operacionalização dos Programas de Residência Multiprofissional e em Área Profissional da Saúde. Brasília, 2012.

CFESS. Código de Ética Profissional do Assistente Social. Brasília: CFESS, 1993.

CFESS. Parâmetros para Atuação dos Assistentes Sociais na Política de Saúde. Brasília: CFESS, 2010.

DONNANGELO, M. C. F. Saúde e Sociedade. São Paulo: Duas Cidades, 1976. INCA. Estimativa 2012. Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Rio de Janeiro: INCA, 2011.

INCA. Plano de Curso do Programa de Residência Multiprofissional em

Oncologia. Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. Rio de Janeiro: INCA, 2012.

NOGUEIRA, V. M. R.; MIOTO, R. C. T. Desafios Atuais do SUS e as exigências para os assistentes sociais. In: MOTA, A.E. et al. Serviço Social e Saúde: formação e trabalho profissional. São Paulo: Cortez, 2006.

IAMAMOTO, M. V. As dimensões ético-políticas e teórico-metodológicas no Serviço Social contemporâneo. In: MOTA, A.E. et al. Serviço Social e Saúde: formação e trabalho profissional. São Paulo: Cortez, 2006.

TEIXEIRA, S. M. F. Descentralização dos serviços de saúde: dimensões analíticas. Cadernos da IX Conferência Nacional de Saúde. Volume I. Brasília: Unb, l992, p. 27- 37.

WHO. Word Health Organization. World Cancer Report 2008. Lyon: WHO, 2008.

A Serviço Social e Saúde utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.