Defesa da vida e políticas públicas em tempos de crises

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/sss.v20i00.8671087

Palavras-chave:

Serviço Social - Editorial, Saúde - Editorial, Pandemia - Editorial

Resumo

Todo periódico científico tem a responsabilidade e o desafio de contribuir no processo de divulgação e de fortalecimento do conhecimento proveniente de diferentes campos conceituais. Nesta perspectiva de análise, situar os desafios postos à defesa da vida nos diversos territórios no ano de 2021 constitui uma tarefa difícil, à medida que o tempo presente esteve marcado por múltiplas dimensões de riscos à vida, diante do enfrentamento da pandemia da Covid-19, no entrecruzamento entre as vulnerabilidades e fragilidades do presente, que são herdeiras de desigualdades históricas e se inserem em um contexto marcado pela confluência de crises.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edna Maria Goulart Joazeiro, Universidade Federal do Piauí

Pós-Doutora em Serviço Social pelo Programa de Estudos Pós-Graduados da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Doutora em Educação pela Universidade Estadual de Campinas.  Docente do Departamento de Serviço Social e do Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas da Universidade Federal do Piauí. 

Referências

ANTUNES, R. Coronavírus: o trabalho sob fogo cruzado. São Paulo: Boitempo, 2020. E-book.

BEHRING, E. R. Ajuste fiscal permanente e contrarreformas no Brasil de redemocratização. In: SALVADOR, E; BEHRING, E.; LIMA, R. L. (Orgs.). Crise do capital e fundo público: implicações para o trabalho, os direitos e a política social. São Paulo, Cortez, 2019, p. 43-60.

BOSCHETTI, I.; BEHRING, E. R. Assistência Social na pandemia da Covid-19: proteção para quem? Serv. Soc. Soc., São Paulo, n. 140, p. 66-83, jan./abr. 2021. DOI: https://doi.org/10.1590/0101-6628.238

COUTO, M. T.; BARBIERI, C. L. A. MATOS, C. C. de. A. Considerações sobre o impacto da covid-19 na relação indivíduo sociedade: da hesitação vacinal ao clamor por uma vacina. Saúde e Sociedade [online], e200450, v. 30, n. 1, 2021. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0104-12902021200450. Acesso em: 16.dez. 2021. DOI: https://doi.org/10.1590/s0104-12902021200450

GIOLO, J. O Future-se sem futuro. In: COSTA, J; LEHER, R; SGUISSARDI, V. Future-se: ataques à autonomia das instituições federais de educação superior e sua sujeição ao mercado. São Carlos/SP: Diagrama Editorial, 2020. p. 15-101. E-book. DOI: https://doi.org/10.5935/978-65-86512-01-4.2020B001

HARVEY, D. Política anticapitalista em tempos de COVID-19. In: DAVIS, M. et al: Coronavírus e a luta de classes. Brasil: Terra sem Amos, 2020, p. 13-23.

JOAZEIRO, E. M. G.; ARAÚJO, L. J. C. Territórios, temporalidades e Covid-19: O desafio de defender a vida em tempo de crises. JOAZEIRO, E. M. G. (Org.) Atenção à saúde em tempo de pandemia da Covid-19: contextos nacionais e internacionais Teresina: EDUFPI, 2022, p. 131-164.

MENDES, A. A saúde pública brasileira no contexto da crise do Estado ou do capitalismo? Saúde e Sociedade, São Paulo, v. 24, supl.1, p. 66-81, 2015. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-12902015000500066&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 15 jul. 2021. DOI: https://doi.org/10.1590/s0104-12902015s01006

PEREIRA, P. A.P. Política Social: temas & questões. 3 ed. São Paulo: Cortez, 2011.

YAZBEK, M. C; RAICHELIS, R; SANT'ANA, R. Questão social, trabalho e crise em tempos de pandemia. Serv. Soc. Soc. São Paulo, n. 138, p. 207-213, ago. de 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/0101-6628.209

Downloads

Publicado

2022-09-24

Como Citar

JOAZEIRO, E. M. G. . Defesa da vida e políticas públicas em tempos de crises. Serviço Social e Saúde, Campinas, SP, v. 20, n. 00, p. e021014, 2022. DOI: 10.20396/sss.v20i00.8671087. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/sss/article/view/8671087. Acesso em: 30 nov. 2022.

Edição

Seção

Editorial

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>