Banner Portal
Além de “Os gêneros do discurso”
PDF

Palavras-chave

Gênero Discursivo. Bakhtin. Dialogismo.

Como Citar

MACIEL, L. V. de C. Além de “Os gêneros do discurso”. Cadernos de Estudos Linguísticos, Campinas, SP, v. 53, n. 1, p. 27–38, 2011. DOI: 10.20396/cel.v53i1.8636542. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cel/article/view/8636542. Acesso em: 20 mar. 2023.

Resumo

No texto “Os gêneros do discurso” ([1952-1953]), Bakhtin discorre sobre questões concernentes aos gêneros discurso e seus elementos constitutivos. Contudo, como esse famoso ensaio é um texto conciso e inacabado, procuramos buscar, em outras leituras de Bakhtin e de seus companheiros Voloshinov e Medvedev, um aprofundamento sobre essas questões. Percorremos obras de diversas épocas, no intuito de acompanhar o desenvolvimento das discussões do Círculo de Bakhtin sobre os gêneros discursivos, a fim de tecer hipóteses sobre como os conceitos de conteúdo temático, construção composicional e estilo foram esboçados, elaborados e reelaborados em diferentes momentos até se chegar ao que se expõe no texto “Os gêneros do discurso”. Pretendemos, assim, contribuir, de algum modo, para estudos que se valem desses conceitos bakhtinianos.
https://doi.org/10.20396/cel.v53i1.8636542
PDF

Referências

ANDRADE, H. F. (1997). Questões de literatura e de estética: a teoria do romance. In: BRAIT, B. (Org.). Bakhtin: dialogismo e construção do sentido. 2ª ed. revista. Campinas: Editora da Unicamp, 2005, p. 335-339.

BERNARDINI, A. F. (1997). Comentários à mesa-redonda: questões de tradução na obra de Bakhtin. In: BRAIT, B. (Org.). Bakhtin: dialogismo e construção do sentido. 2ª ed. revista. Campinas: Editora da Unicamp, 2005, p. 363-365.

BAKHTIN, M. M. (1919/1921). Para uma filosofia do ato. Tradução não revisada, para fins didáticos e acadêmicos, realizada por Carlos Alberto Faraco e Cristovam Tezza. [S.I.: s.n.], [2005-2006].

BAKHTIN, M. M. (1924). O problema do conteúdo, do material e da forma na criação literária. In: Questões de literatura e de estética: a teoria do romance. Tradução Aurora Fornoni Bernardini et al. 3ª ed. São Paulo: Unesp; Hucitec, 1993.

BAKHTIN, M. M. (1929/1963). Problemas da poética de dostoiévski. Tradução Paulo Bezerra. 2ª ed. revista. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1997.

BAKHTIN, M. M. (1934-1935). O discurso no romance. In: Questões de literatura e de estética: a teoria do romance. Tradução Aurora Fornoni Bernardini et al. 3ª ed. São Paulo: Unesp; Hucitec, 1993.

BAKHTIN, M. M. [1952-1953]. Os gêneros do discurso. In: estética da criação verbal. Tradução Paulo Bezerra. 4ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

BAKHTIN, M. M./ VOLOSHINOV, V. N. (1929). Marxismo e filosofia da linguagem. Tradução Michel Lahud & Yara Frateschi Vieira. 12ª ed. São Paulo: Hucitec, 2006.

BEZERRA, P. Notas ao texto “O gênero do discurso”. In: BAKHTIN, M. M. estética da criação verbal. Tradução Paulo Bezerra. 4ª ed. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

CASTRO, E. R. (1997). O irreversível e o áporo. In: BRAIT, B. (Org.). Bakhtin: dialogismo e construção do sentido. 2ª ed. revista. Campinas: Editora da Unicamp, 2005, p. 340-350.

FARACO, C. A. (2003). linguagem e diálogo: as idéias lingüísticas do círculo de Bakhtin. 2ª ed. Curitiba: Criar Edições, 2006.

GOMES-SANTOS, S. N. A questão do gênero no Brasil: teorização acadêmico-científica e normatização oficial. 2004. Dissertação (Mestrado em Lingüística Aplicada) - Instituto de Estudos da Linguagem, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2008.

CARVALHO MACIEL - Além de “Os gêneros do discurso”

LIMA, S. (1997). Tradução: um diálogo às avessas? In: BRAIT, B. (Org.). Bakhtin: dialogismo e construção do sentido. 2ª ed. revista. Campinas: Editora da Unicamp, 2005, p. 340-350.

MATEJKA, L.; TITUNIK, I. R. Translator’s Preface. In: VOLOSINOV, V. N. (1929). marxism and the philosophy of language. Tradução Ladislav Matejka e I. R. Titunik. Cambridge: Harvard University Press, 1986, p.vii-xii.

MEDVEDEV, P. N. (1928). el método formal en los estudios literarios: introducción crítica a una poética sociológica. Tradução Tatiana Bubnova. Madrid: Alianza Editorial, 1994.

VOLOSINOV, V. N. (1929). marxism and the Philosophy of language. Tradução Ladislav Matejka e I. R. Titunik. Cambridge: Harvard University Press, 1986.

VOLOSINOV, V. N. (1930). La structure de l’énoncé. In: TODOROV, T. (Org.). mikhail Bakhtine: le principe dialogique. Paris: Éditions du Seuil, 1981.

O periódico Cadernos de Estudos Linguísticos utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.