Um corpo em Litura

Palavras-chave: Arte. Psicanálise. Processo de criação.

Resumo

O artigo propõe um diálogo entre arte e psicanálise ancorado em experiências artísticas vividas no Litura Coletivo de Criação e Pesquisa em Dança e Teatro especificamente nos laboratórios práticos realizados para a criação do estudo cênico “Persefonia” tendo como foco a noção de saber em fracasso.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carla Andrea Lima, Universidade Federal de Minas Gerais
Bailarina, pesquisadora e diretora na área de dança e teatro. Professora Adjunta no Curso de Dança do Departamento de Fotografia, Teatro e Cinema da Universidade Federal de Minas Gerais. Atua na área de Artes, com ênfase em dança e teatro, principalmente nos seguintes temas: arte e psicanálise, processos de criação e formação do ator e do bailarino,  arte e subjetividade e poéticas da corporeidade.

Referências

ALVARENGA, Elisa. O sintoma contra o sentido. Opção Lacaniana - Revista Brasileira Internacional de Psicanálise, nº 36. São Paulo: Edições Eolia, 2003. p. 71-73.

COSTA, Ana. Corpo e Escrita: relações entre memória e transmissão da experiência. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2001.

COSTA, Ana. Litorais da psicanálise. São Paulo: Escuta, 2015.

DUNKER, Christian. “Prefácio”. In: Litorais da psicanálise. São Paulo: Escuta, 2015.

LACAN, Jacques. “A direção do tratamento e os princípios de seu poder”. In: Escritos. Tradução de Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Zahar, 1998, p. 591-652.

LACAN, Jacques. “Lituraterra”. In: Outros escritos. Tradução de Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Zahar, 2003, p. 15-25.

LACAN, Jacques. “O aturdido”. In: Outros escritos. Tradução de Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Zahar, 2003, p. 448-497.

LACAN, Jacques. “O rato no labirinto”. In: O seminário, livro 20: Mais, ainda. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1895, p. 188-190.

LACAN, Jacques. O seminário, livro 10: a angústia (1959-1960). Tradução de Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Zahar, 2005.

LAURENT, Eric. O nome do Pai entre realismo e nominalismo. Opção Lacaniana - Revista Brasileira Internacional de Psicanálise, nº 58. São Paulo: Edições Eolia, 2010.

LIMA, Carla Andrea. Corpo, pulsão e vazio: uma poética da corporeidade. 2012. Tese (Doutorado em Artes) – Escola de Belas Artes, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2012.

LISPECTOR, Clarice. A paixão segundo G.H. Rio de Janeiro: Rocco, 1998.

MANDIL, Ram. “James Joyce e a ideia de si como corpo”. Anais do XI Congresso Internacional da ABRALIC: Tessituras, Interações, Convergências. São Paulo: USP, 2008. Disponível em: http://www.abralic.org.br/eventos/cong2008/AnaisOnline/simposios/pdf/005/RAM_MANDIL.pdf. Acesso em: 01 mar.2017.

QUILICI, Cassiano. “A experiência da não forma e o trabalho do ator”, Revista territórios e fronteiras da cena. São Paulo. Edição 1, ano 3, 2006.

PESSANHA, Juliano Garcia. Testemunho Transiente. São Paulo: Cosac Naify, 2015.

KEHL, Maria Rita. “Prefácio”. In: Corpo e Escrita: relações entre memória e transmissão da experiência. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2001.

Publicado
2017-12-12
Como Citar
Lima, C. A. (2017). Um corpo em Litura. Conceição|Conception, 6(2), 110-134. https://doi.org/10.20396/conce.v6i2.8648666