Novas regras do basquetebol

estudo de caso sobre a percepção de jogadores de uma equipe profissiona

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/conex.v11i3.8637608

Palavras-chave:

Esportes, Basquetebol, Ensino

Resumo

Em abril de 2010, o Comitê Central da Federação Internacional de Basquetebol (FIBA) aprovou algumas alterações nas regras da modalidade. Nesse contexto, o objetivo do presente estudo foi investigar a percepção de seis jogadores de uma equipe profissional quanto às mudanças provocadas no contexto do jogo de basquetebol, em decorrência da alteração das regras. O método utilizado é de natureza qualitativa, na perspectiva de um estudo de caso realizado em abril de 2011. Para coleta dos dados utilizou-se a entrevista semi-estruturada e para análise optou-se pela técnica do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC). Os resultados apontam que a alteração mais relevante, na percepção dos atletas, foi o aumento da distância da linha dos três pontos, a qual provocou um aumento do espaço de jogo, facilitando as ações táticas ofensivas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Heitor de Andrade Rodrigues, Universidade Federal de Goiás

Professor da Universidade Federal de Goiás (Faculdade de Educação Física/Goiânia/GO). Graduado em Licenciatura Plena em Educação Física (UNESP - Rio Claro). Especialista em Pedagogia de Ensino e Treinamento dos Jogos Desportivos Coletivos (UGF). Mestre em Ciências da Motricidade (UNESP - Rio Claro). Doutor em Educação Física (UNICAMP - Campinas). Desenvolve pesquisas no campo da Pedagogia do Esporte, Formação Profissional em Educação Física e Educação Física escolar. É líder do ESPORTE LAB - Laboratório de Estudos e Pesquisas em Pedagogia do Esporte. Atualmente, realiza estágio pós-doutoral na Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP), sob a supervisão do prof. Dr. Samuel do Souza Neto, tendo como tema de investigação a formação profissional de treinadores esportivos.

 

Thiago José Leonardi, Universidade Estadual de Campinas

Bacharel, Licenciado, Mestre e Doutorando em Educação Física pela Faculdade de Educação Física (FEF) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); membro do Grupo de Estudos em Pedagogia do Esporte (GEPESP) da FEF/UNICAMP, líder do Laboratório de Estudos Aplicados em Pedagogia do Esporte e Educação Física Escolar (LEPEEFE) da Faculdade Adventista de Hortolândia (FAH) e membro do Grupo de Estudos Pedagógicos em Educação Física (GEPEF) da FAH. Atua nas linhas de pesquisa da Pedagogia do Esporte, dos Jogos Esportivos Coletivos e da Avaliação da Aprendizagem. É docente dos cursos de graduação em Educação Física da Faculdade Adventista de Hortolândia (FAH) e da Faculdade de Jaguariúna (FAJ).

Roberto Rodrigues Paes, Universidade Estadual de Campinas

Graduação em Educação Física pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1979), Mestrado em Educação pela Universidade Metodista de Piracicaba (1989) e Doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1996). Atualmente é Professor Titular pela Universidade Estadual de Campinas. Foi membro do Grupo de Trabalho Instituído pelo Ministério Extraordinário dos Esportes no âmbito do Instituto Nacional de Desenvolvimento do Desporto, que teve por finalidade assessorar o Instituto no processo de implantação do Programa Esporte Educacional (1996-2000) no Brasil; Membro da Comissão de Especialistas de Ensino da Área de Educação Física- Ministério da Educação - Secretaria da Educação Superior (2000-2002), Coordenador de Extensão da Faculdade de Educação Física da Unicamp (1990-1995); Diretor Associado da Faculdade de Educação Física da Unicamp (1998-2002); Diretor da Faculdade de Educação Física da Unicamp (2002-2006); Lider do Grupo de Estudos em Pedagogia do Esporte (GEPESP) credenciado no CNPq desde 2006; Diretor Executivo da Fundação de Desenvolvimento da Unicamp-FUNCAMP (2008-2010); Prefeito do Campus da Universidade Estadual de Campinas (2009-2012) e Pró-Reitor de Desenvolvimento Universitário da Universidade Estadual de Campinas no período de 07 de junho de 2012 a 30 de abril de 2013. Atua principalmente nos seguintes temas: pedagogia do esporte, esporte, basquetebol, educação física e jogos coletivos. Atualmente é membro (facilitador) da Academia Brasileira de Treinadores do Instituto Olímpico Brasileiro (a partir de 2013).

Referências

PAES, R. R. Pedagogia do esporte: ensino, vivência e aprendizagem dos jogos coletivos. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE DEPORTES DE EQUIPOM 2., 2009. La Coruña. Anais... La Coruña: Centro de Formación de Alto Rendimiento, 2009. Disponível em: http://www.altorendimiento.com/es/congresos/psicologia/595-pedagogia-do-esporte- vivencia-e-aprendizagem-dos-jogos-esportivos-coletivos>. Acesso em: 20 out. 2011.

PIRES, G. L. Breve introdução ao estudo dos processos de apropriação social do esporte. Revista da Educação Física, n. 9, v. 1, p. 25-34, 1998.

LEONARDI, T. J. Pedagogia do esporte: pressupostos para uma teoria da avaliação da aprendizagem. 2013. Dissertação (Mestrado em Educação Física) – Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2013.

DE ROSE JUNIOR, D.; TRICOLI, V. Basquetebol: conceitos e abordagens gerais. In: DE ROSE JUNIOR, D.. (Org.). Basquetebol: uma visão integrada entre ciência e prática. Barueri: Manole, 2005.

BAYER, C. O ensino dos desportos colectivos. Lisboa: Dinalivro, 1994.

FERREIRA, H. B.; GALATTI, L. R.; PAES, R. R. Pedagogia do esporte: considerações pedagógicas e metodológicas no processo de ensino-aprendizagem do basquetebol. In: PAES, R. R; BALBINO, H. F. (Org.). Pedagogia do esporte: contextos e perspectivas. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2005.

DE ROSE JUNIOR, D. Modalidades esportivas coletivas: basquetebol. In: DE ROSE JUNIOR, D. (Org). Modalidades esportivas coletivas. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.

PAES, R. R.; MONTAGNER, P. C.; FERREIRA, H. B. Pedagogia do esporte: iniciação e treinamento em basquetebol. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2009.

OFFICIAL BASKETBALL RULES 2010. Disponível em: http://www.fiba.com/downloads/Rules/2010/OfficialBasketballRules2010.pdf. Acesso em: 25 fev. 2011.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e método. 2. ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

GIL, A. C. Como elaborar projetos e pesquisa. 3. ed. São Paulo: Atlas, 1995.

LEFÈVRE, F.; LEFÈVRE, A. M. C. O discurso do sujeito coletivo: um novo enfoque em pesquisa qualitativa. Caxias do Sul: Ed. da EDUCS, 2003.

HERNÁNDEZ MORENO, J. et al. La iniciación a los deportes de equipo de cooperacíon/ oposición desde la estrutura y dinâmica de la accioón de juego: um nuevo enfoque. Lecturas: Educación Física y Deportes, ABuenos Aires, ano 6, n.33, 2001.

PAES, R. R.; MONTAGNER, P. C.; FERREIRA, H. B. Pedagogia do esporte: iniciação e treinamento em basquetebol. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2009.

Downloads

Publicado

2013-09-19

Como Citar

RODRIGUES, H. de A.; LEONARDI, T. J.; PAES, R. R. Novas regras do basquetebol: estudo de caso sobre a percepção de jogadores de uma equipe profissiona. Conexões, Campinas, SP, v. 11, n. 3, p. 147–165, 2013. DOI: 10.20396/conex.v11i3.8637608. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8637608. Acesso em: 20 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigo Original

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)