Acervos em ginástica: a biblioteca da FEF-UNICAMP

  • Andreia da Silva Manzato Universidade Estadual de Campinas
  • Marco Antonio Coelho Bortoleto Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Ginástica. Acervo. Codificação. Biblioteconomia.

Resumo

A importância da biblioteca para o estudo e a pesquisa nem sempre é destacada na produção acadêmica, especialmente em tempos onde as publicações digitais e os artigos científicos parecem estar deslocando a importância do acervo em papel, especialmente dos livros, para um plano secundário. A destacada atuação da FEF-UNICAMP no campo da ginástica contribuiu para a aquisição e organização de um acervo amplo e diverso. Contudo, a análise cuidadosa do mesmo permite observar aspectos que certamente merecem atenção, no sentido de atualizar e reorganizar o referido acervo, além de trazer a tona uma série de publicações que certamente requerem consulta, especialmente no âmbito da história e da cultura ginástica. Neste sentido nosso trabalho apresenta uma proposta de sistematização do acervo de livros em ginástica da Biblioteca da FEF-UNICAMP analisados e organizados a partir das categorias de práticas gímnicas proposta por Souza (1997), visando facilitar a difusão do mesmo entre os estudiosos da área. A partir desta nova ordenação, um processo de disseminação da informação foi iniciado para que os usuários tenham conhecimento dos títulos disponíveis. Cabe dizer ademais, que este método poderá ser replicado em outras áreas da coleção, tornando o acesso ao acervo da Biblioteca cada vez mais efetivo e qualificado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Andreia da Silva Manzato, Universidade Estadual de Campinas
Graduação em Biblioteconomia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Brasil (2003). Bibliotecária da Universidade Estadual de Campinas, Brasil.
Marco Antonio Coelho Bortoleto, Universidade Estadual de Campinas
Doutorado em La investigación en la actividad física y deporte pela Universidade de Lleida, Espanha (2004). Professor da Universidade Estadual de Campinas, Brasil.

Referências

SOUZA, E. P. M. Ginástica geral: uma área do conhecimento da Educação Física. 1997. Tese (Doutorado em Educação Física) - Faculdade de Educação Física da Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1997. p. 23, 25-26.

ROMANI, C.; BORSZCZ, I. (Org.). Unidades de informação: conceitos e competências. Florianópolis: Ed. da UFSC, 2006. p. 24.

CONNORS, K. A.; PILE, C.; NICHOLS, M. E. Does the Feldenkrais method make a difference? An investigation into the use of outcome measurement tools for evaluating changes in clients. Journal of Bodywork & Movement Therapies, v.15, p. 446-452, 2011. Disponível em: http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1360859210001373. Acesso em: 04 abr. 2012.

DAMY, A. S. A. Classificação Decimal de Dewey e Classificação Decimal Universal. [2009]. Disponível em: http://www.damy.site90.net/web_documents/classificacao.pdf. Acesso em: 19 mar. 2012

DEWEY Online Computer Library Center. Serviços Dewey. Disponível em: http://www.oclc.org/americalatina/pt/dewey/default.htm. Acesso em: 19 mar. 2012

FECAP. Biblioteca Paulo Ernesto Tolle. Política de desenvolvimento de coleções. Disponível em: http://www.fecap.br/Portalinstitucional/biblioteca/pdf/politica_desenvolvimento_colecoes.pdf. Acesso em: 04 abr. 2012.

TEIXEIRA, G. V.; RINALDI, I. P. B. A ginástica na Educação Física escolar e a metodologia crítico-superadora. Disponível em: http://www.gestaoescolar.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/producoes_pde/artigo_gilce_vicente_teixeira.pdf Acesso em: 19 mar. 2012.

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA. Introdução ao sistema de classificação decimal universal. Disponível em: http://www.ced.ufsc.br/~ursula/5213/01introd.html. Acesso em: 19 mar. 2012

Como Citar
Manzato, A. da S., & Bortoleto, M. A. C. (1). Acervos em ginástica: a biblioteca da FEF-UNICAMP. Conexões, 10, 28-38. https://doi.org/10.20396/conex.v10i0.8637660

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>