Banner Portal
Validação da sintaxe unificada para o cálculo dos escores dos instrumentos WHOQOL
PDF

Palavras-chave

Qualidade de vida. Sintaxes. Instrumentos WHOQOL.

Como Citar

PEDROSO, Bruno; PILATTI, Luiz Alberto; GUTIERREZ, Gustavo Luis; SANTOS, Celso Bilynkievycz dos; PICININ, Claudia Tania. Validação da sintaxe unificada para o cálculo dos escores dos instrumentos WHOQOL. Conexões, Campinas, SP, v. 9, n. 1, p. 130–156, 2011. DOI: 10.20396/conex.v9i1.8637717. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8637717. Acesso em: 24 maio. 2024.

Resumo

O objetivo do presente trabalho é propor uma sintaxe unificada para a realização dos cálculos dos resultados dos instrumentos WHOQOL. As sintaxes originais dos instrumentos WHOQOL foram analisadas de forma a elencar os pontos divergentes entre estas. Foram selecionados critérios para a elaboração de uma sintaxe denominada “ideal”, a qual abarca os aspectos que suprimem as fragilidades de individuais de cada instrumento WHOQOL. As sintaxes de cada instrumento foram reformuladas e testadas através de simulações com dados reais de aplicações dos instrumentos WHOQOL. Foi constatado que as sintaxes reformuladas, factualmente, suprimem as fragilidades presentes nas sintaxes dos instrumentos WHOQOL. Conclui-se que o rigor metodológico utilizado para a análise e teste das sintaxes preconizadas no presente estudo garante a fidedignidade das mesmas e que o objetivo de elaborar sintaxes que utilizam critérios ímpares para todos os instrumentos WHOQOL foi atingido.
https://doi.org/10.20396/conex.v9i1.8637717
PDF

Referências

FLECK, M. P. A. O instrumento de avaliação de qualidade de vida da Organização Mundial da Saúde (WHOQOL-100): características e perspectivas. Ciência e Saúde Coletiva. v. 5, n.1, p. 33-38, 2000.

FLECK, M. P. A. et al. Problemas conceituais em qualidade de vida. In: FLECK, M. P. A. ET al. A avaliação de qualidade de vida: guia para profissionais da saúde. Porto Alegre: Artmed, 2008.

FLECK, M. P. A. et al. Aplicação da versão em português do instrumento de avaliação de qualidade de vida da Organização Mundial da Saúde (WHOQOL-100). Revista de Saúde Pública. v. 33, n. 2, p. 198-205, 1999a.

The WHOQOL Group. Development of the World Health Organization WHOQOL-BREF Quality of Life Assessment. Psychological Medicine. v. 28, n. 3, p. 551-558, 1998b.

The WHOQOL Group. WHOQOL-bref: introduction, administration, scoring and generic version of assessment. Geneva: 1996.

WHO Field Centre for the Study of Quality of Life of Bath. About the WHO Field Centre for the Study of Quality of Life. Disponível em: http://www.bath.ac.uk/whoqol/about.cfm. Acesso em: 13 abr. 2008.

O'CONNELL, K. et al. WHOQOL-HIV for quality of life assessment among people living with HIV and AIDS: results from a field test. AIDS Care. v. 16, n. 7, p. 882-889, 2004.

The WHOQOL-HIV Group. WHOQOL-HIV Instrument Users Manual. Geneva: 2002.

POWER, M. et al. Development of the WHOQOL-Old module. Quality of Life Research. v. 14, n. 10, p. 2197-2214, 2005.

FLECK, M. P. A.; SKEVINGTON, S. Explicando o significado do WHOQOL-SRPB. Revista de Psiquiatria Clínica. v. 34, Suplemento 1, p. 146-149, 2007.

The WHOQOL-SRPB Group. A cross-cultural study of spirituality, religion, and personal beliefs as components of quality of life. Social Science and Medicine. v. 62, n. 6, p. 1486-1497, 2006.

O periódico Conexões: Educação Física, Esporte e Saúde utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.