Banner Portal
Análise da ansiedade traço competitiva em jovens atletas
PDF

Palavras-chave

Ansiedade. Atletas. Jovens.

Como Citar

INTERDONATO, Giovanna Carla; OLIVEIRA, Arli Ramos de; LUIZ JÚNIOR, Clovis Correa; GREGUOL, Márcia. Análise da ansiedade traço competitiva em jovens atletas. Conexões, Campinas, SP, v. 8, n. 3, p. 1–9, 2010. DOI: 10.20396/conex.v8i3.8637722. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8637722. Acesso em: 18 maio. 2024.

Resumo

A ansiedade no contexto esportivo é um dos fatores psicológicos de muita relevância para os atletas, pois suas diferentes formas de manifestações poderão ou não influenciá-los no momento da competição. Assim, este estudo teve o objetivo de verificar os níveis de ansiedade-traço em atletas infanto-juvenis de diferentes modalidades esportivas. Para tanto foram analisados 73 atletas do sexo masculino, com média de idade de 13,2 anos (±1,88) e tempo de prática de 3,43 anos (±1,79), adeptos de basquetebol, futebol, judô, natação e voleibol. O instrumento de avaliação utilizado foi o “Sport CompetitionAnxiety Test (SCAT), desenvolvido por (MARTENS,1977), o qual avalia os níveis de ansiedade-traço competitiva. Os resultados demonstraram que os atletas, apesar de serem jovens, não apresentaram escores elevados de ansiedade-traço. As análises dos dados revelaram ainda que houve diferença estatisticamente significante nos níveis de ansiedade entre as modalidades individuais e coletivas.
https://doi.org/10.20396/conex.v8i3.8637722
PDF

Referências

COZZANI, M. Ansiedade no esporte. In: MACHADO, A. A. (Org.). Psicologia do esporte: temas emergentes. Jundiaí: Ápice, 1997, v. 1.

SMITH, R. E.; SMOLL, F. L.; WIECHMAN, S. A. Measuring trait anxiety in sport. In: DUDA, J. L. (Ed.).Advances in sport and exercise psychology measurement Morgantown: fitness information technology, 1998. p. 105-127.

CRUZ, J. F. A. Stress, ansiedade e competências psicológicas em atletas de elite e de alta competição: relação com o sucesso desportivo. In: CRUZ, J. F. A.; GOMES, A. R. (Ed.).Psicologia aplicada ao desporto e àactividade física. Braga: Univ. do Minho, 1997.

WEINBERG, R. S.; GOULD, D. Fundamentos da psicologia do esporte e do exercício. Porto Alegre: Artmed, 2001.

DE ROSE JUNIOR, D.; VASCONCELOS, E. G. Ansiedade-traço competitiva e atletismo: um estudo com atletas infanto-juvenis. Revista Paulista de Educação Física, São Paulo, v. 11, n. 2, p. 148-154, 1997.

MACHADO, A. A. Interferência da torcida na ansiedade e agressividade de atletas adolescentes. 1998. 186f. Tese do Instituto de Biociências, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro.

SPIELBERGER, C. D. Anxiety and behavior. New York: Academic Press, 1966.

SPIELBERGER, C. D. Stress and anxiety in sports. In: HACKFORT, D.; SPIELBERGER, C. D. (Ed.). Anxiety in sports: an international perspective. New York: Hemisphere, 1989. p. 3-17.

MALINA, R. Competitive youth sports and biological maturation. In: BROWN, E.V.; BRANTA, C. F. (Ed.). Competitive sports for children and youth: an overview of research and issues. Champaign: Human Kinetics, 1988. p. 227-245.

MARTENS, R. Social psychology and physical activity: problems in athletics New York: Harper and Row, 1977. p. 9-17.

DE ROSE JUNIOR, D. Influência do grau de ansiedade-traço no aproveitamento de lances-livres. 1985. 59f. Dissertação (Mestrado EM Educação Física) - Escola de Educação Física, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1985.

GONCALVES, M. P.;BELO, R. P. Ansiedade-traço competitiva: diferenças quanto ao gênero, faixa etária, experiência em competições e modalidade esportiva em jovens atletas. PsicoUSF, v.12, n.2, p.301-307, dez. 2007.

INTERDONATO, G. C.; OLIVEIRA, A. R.; GORGATTI, M. G. Analise da ansiedade-traço em atletas infanto-juvenis de diferentes modalidades. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE CIÊNCIAS DO ESPORTE, 31.,2008, São Paulo. Anais...São Paulo: CELAFISCS, 2008.

SANTOS, S. G.; PEREIRA, S. A. Perfil do nível de ansiedade-traço pré-competitiva de atletas de esportes coletivos e individuais do Estado do Paraná. Movimento, Porto Alegre, ano 3, n. 6, p. 3-12, 1997.

BECKER JÚNIOR, B. Manual de psicologia do esporte e exercício. Porto Alegre: Nova Prova, 2000.

O periódico Conexões: Educação Física, Esporte e Saúde utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.