Banner Portal
Não foi casualidade - o circo como opção profissional
PDF

Palavras-chave

Circo
Formação inicial
Artes
Ginástica
Esporte.

Como Citar

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; MIRANDA, Rita de Cassia Fernandes. Não foi casualidade - o circo como opção profissional: entrevista com André Sabatino. Conexões, Campinas, SP, v. 16, n. 3, p. 395–408, 2018. DOI: 10.20396/conex.v16i3.8652918. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8652918. Acesso em: 25 jun. 2024.

Resumo

Mais do que o resultado de uma entrevista, o presente texto expressa um diálogo que se prolongou por muitos anos. Trata-se, pois, de um relato comentado e referenciado sobre a trajetória profissional de André Sabatino desde sua formação inicial em Educação Física até a consolidação de sua carreira como artista circense. Seu percurso mostra claramente que a universidade pode e deve ser um espaço mais arejado, amplo e diverso. Suas palavras reforçam a ideia de que as experiências formativas no campo da Educação Física precisam oferecer diferentes oportunidades e permitir “alçar distintos voos”, incluindo, por que não, o da profissionalização artística. Um exemplo potente de que as fronteiras do conhecimento e das “disciplinas universitárias” precisam ser revistas, visando contribuir para uma educação alinhada aos desafios contemporâneos

https://doi.org/10.20396/conex.v16i3.8652918
PDF

Referências

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; CELANTE, Adriano Rogério. O ensino das atividades circenses no curso de Educação Física: experiências na universidade pública e privada. In: PEREIRA, Elizabete Monteiro de Aguiar; CELANI, Gabriela; GRASSI-KASSISSE, Dora Maria (Org.). Inovações curriculares: experiências no ensino superior. Campinas: FE/UNICAMP, 2011, p. 178-190.

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; MALLET, Rodrigo Duprat; TUCUNDUVA, Bruno Barth Pinto. Atividades circenses na FEF-UNICAMP: a construção de uma nova área de estudos e pesquisa. In: BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; ONTAÑÓN, Teresa Barragan; SILVA, Erminia (Org.). Circo: horizontes educativos. Campinas: Autores Associados, 2016, p. 225-257.

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho et al.. O circo na universidade: por uma coerência entre as práticas de ensino, pesquisa e extensão. In: SCHNEIDER,Omar; GAMA, Jean Carlos Freitas. (Org.). Educação Física e seus caminhos: programa de educação tutorial. Vitória: Virtual Livros, 2017, p. 139-160.

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; SILVA, Ermínia. Circo: educando entre as gretas. Rascunhos - Caminhos da pesquisa em Artes Cênicas, v. 4, n. 2, p. 102-117, 2017.

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho. Entre o esporte e a arte circense: entrevista com Mariana Maekawa. Conexões, Campinas, v. 13, p. 230-235, maio 2015. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8637586.

BURNIER, Luís Otávio. A arte de ator: da técinica à represerntação. Campinas: Ed. da Unicamp, 2001.

CHIODA, Rodrigo A. Uma aventura da alegria e do risco: narrativas de um professor de educação física sobre o ensino das atividades circenses. Tese (Doutorado em Educação Física) – Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2018.

COELHO, Gabriel M. Quando o Chão não Basta – Reflexões sobre a Virtuose Acrobática em uma Criação Aérea Circense. Dissertação (Mestrado em Artes da Cena) – Instituto de Artes, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2016.

COELHO, Marília; MINATEL, Roseane. Circo: a arte do riso e prática da reconstrução social. TÓPOS, v. 5, n. 1, p. 203-230, 2011. Disponível em: http://revista.fct.unesp.br/index.php/topos/article/view/2278.

DUPRAT, Rodrigo Mallet. Realidades e particularidades da formação do profissional circense no Brasil: rumo a uma formação técnica e superior. Tese (Doutorado em Educação Física) – Faculdade de Educação Física, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2014.

MATHEUS, Rodrigo Inácio Corbicier. As produções circenses dos ex-alunos das escolas de circo de São Paulo, na década de 1980 e a constituição do Circo Mínimo. Dissertação (Mestrado em Artes) –Instituto de Artes, Universidade Estadual Paulista, São Paulo, 2016.

MIRANDA, Rita de Cassia Fernandes. Do tecido à lona: as práticas circenses no "tear" da formação inicial em educação física. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2015.

OLIVEIRA, Maurício S.; BORTOLETO, Marco Antonio Coelho. A ginástica artística masculina brasileira no panorama mundial competitivo (1987-2008). Revista Motriz, v. 15, p. 297-309, 2009.

PAOLIELLO, Elisabeth et al. Grupo Ginástico Unicamp 25 anos. Campinas: Ed. da Unicamp, 2014.

STOPPEL, Erica R. O artista, o trapézio e o processo de criação: reflexões de uma trapezista da cena contemporânea. Dissertação (mestrado) – Instituto de Artes, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2017.

O periódico Conexões: Educação Física, Esporte e Saúde utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.