Maquetes táteis: infográficos tridimensionais para a orientação espacial de deficientes visuais

Autores

  • Luis Fernando Milan Curso de Arquitetura e Urbanismo. Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo. Universidade Estadual de Campinas.

DOI:

https://doi.org/10.20396/parc.v1i2.8634522

Palavras-chave:

Deficiência visual. Maquete tátil. Prototipagem Rápida.

Resumo

A preocupação com a acessibilidade em arquitetura cresce atualmente, ressaltando a necessidade de proporcionar a interação entre o deficiente físico e o espaço construído. O deficiente físico não possui todos os recursos necessários para um reconhecimento eficiente destes espaços, o que lhe reduz a utilização e vivência no meio comum. Durante este trabalho, foram desenvolvidas maquetes táteis para a Biblioteca Central (BC) da UNICAMP, com a utilização de técnica de fabricação digital. Foi feita, em seguida, a avaliação da eficiência deste método, considerando todos os seus aspectos (dimensões, textura, rigidez, simbologia etc). A análise dos modelos foi feita pelos seus futuros usuários, os deficientes visuais que utilizam o Laboratório de Acessibilidade da BC, situado no interior da biblioteca, como ambiente de trabalho. A técnica de prototipagem rápida utilizada na produção das maquetes foi a Sinterização Seletiva a Laser (SLS), que influenciou, de forma decisiva, diversos fatores táteis dos modelos, como durabilidade, resistência e a possibilidade de produção de elementos pequenos, com grande precisão. As maquetes foram eficientes na orientação dos deficientes visuais no interior do prédio. Conclui-se, contudo, que a eficiência da maquete tátil na orientação de deficientes visuais depende também da capacidade de raciocínio espacial desses usuários, e não apenas da qualidade do modelo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luis Fernando Milan, Curso de Arquitetura e Urbanismo. Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo. Universidade Estadual de Campinas.

Estudante, Graduando do Curso de Arquitetura e Urbanismo, pela Faculdade de Engenharia Civil, Arquitetura e Urbanismo da Universidade Estadual de Campinas.

Downloads

Publicado

2008-06-01

Como Citar

MILAN, L. F. Maquetes táteis: infográficos tridimensionais para a orientação espacial de deficientes visuais. PARC Pesquisa em Arquitetura e Construção, Campinas, SP, v. 1, n. 2, p. 99-124, 2008. DOI: 10.20396/parc.v1i2.8634522. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/parc/article/view/8634522. Acesso em: 26 nov. 2020.