Banner Portal
O processo de projeto na reabilitação: a casa burguesa do Porto
PDF

Palavras-chave

Processo. Projeto. Reabilitação. Gramáticas.

Como Citar

COIMBRA, Eugénio; ROMÃO, Luis. O processo de projeto na reabilitação: a casa burguesa do Porto. PARC Pesquisa em Arquitetura e Construção, Campinas, SP, v. 2, n. 7, p. 23–48, 2011. DOI: 10.20396/parc.v2i7.8634581. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/parc/article/view/8634581. Acesso em: 25 maio. 2024.

Resumo

Este artigo foi realizado no contexto de uma investigação mais alargada que se pretende desenvolver no presente doutoramento em arquitetura. É importante preservar o centro antigo das grandes aglomerações urbanas, rico em conhecimento e portador de uma forte carga simbólica. Nesta perspetiva é fundamental pensar a sua integração em estruturas urbanas cada vez mais multipolares que organizam o território (Ascher,2010). A casa burguesa do Porto, construída desde o final do século XVI até ao início do século XX, é dominante no tecido antigo da cidade e carece de reabilitação. A partir da análise de uma amostra representativa de um momento da sua evolução, será possível verificar padrões e definir regras. A teoria das gramáticas da forma (Stiny & Gips, 1972) oferece o formalismo necessário à sistematização destas regras. O objetivo da investigação em desenvolvimento será apoiar o processo de projeto na reabilitação da casa burguesa do Porto. Sustentando que a análise da sua situação atual, reflexo de intervenções anónimas e de autor, pode sugerir a geração de novas soluções.

https://doi.org/10.20396/parc.v2i7.8634581
PDF

A PARC Pesquida em Arquitetura e Construção utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.