Análise do processo de projeto de sistemas hidrossanitários prediais

Autores

  • Camila Fonseca Melo Lima Universidade Federal de Minas Gerais http://orcid.org/0000-0002-2121-8899
  • Paulo Roberto Pereira Andery Universidade Federal de Minas Gerais
  • Ana Cecília Rocha Veiga Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.20396/parc.v7i2.8645049

Palavras-chave:

Gestão. Sistemas hidrossanitários prediais. BIM. Desempenho. NBR 15.575.

Resumo

Esse artigo apresenta um diagnóstico sobre o processo de projeto de sistemas hidrossanitários em empreendimentos de incorporação imobiliária, com ênfase na análise dos mecanismos de contratação e coordenação dos projetos, incluindo os desafios da implementação da NBR 15.575 e do BIM (Building Information Modeling). Utilizou-se o método do estudo de caso, sendo conduzidas entrevistas semiestruturadas com distintos agentes: projetistas, construtores, coordenadores de projeto e arquitetos. Adicionalmente, foram analisadas outras fontes de evidência, como desenhos, documentos de projeto, contratos e registros de coordenação. Os resultados sugerem que as deficiências no processo de projeto de sistemas hidrossanitários são decorrentes, principalmente, do envolvimento tardio dos projetistas na concepção do projeto e de sua participação descontinuada e pontual, deixando de incluir o desenvolvimento do as built e avaliações pós-ocupação. Percebe-se dificuldades associadas à implementação da NBR 15.575 e do BIM, consequência do desconhecimento pleno de ambos e de serem recentes no cenário projetual de instalações hidrossanitárias. Para os desafios gerenciais encontrados neste trabalho, bem como para as lacunas previamente demarcadas no referencial teórico e confirmadas a posteriori pelos casos investigados, são propostas recomendações visando a melhoria da gestão do processo de projeto de sistemas hidrossanitários. Ao evidenciar as deficiências processuais e encaminhar essas recomendações, o presente trabalho acrescenta relevantes contribuições para além de diagnósticos, constituindo-se como fonte de proposições que impactam o desempenho das edificações e que podem ser estendidas às melhores práticas de mercado e de gestão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Camila Fonseca Melo Lima, Universidade Federal de Minas Gerais

Engenheira Civil. Mestre em Construção Civil pela UFMG.

Paulo Roberto Pereira Andery, Universidade Federal de Minas Gerais

Engenheiro. Doutor em Engenharia pela UFMG.

Ana Cecília Rocha Veiga, Universidade Federal de Minas Gerais

Arquiteta Urbanista. Doutora em Arte e Tecnologia da Imagem pela UFMG.

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 15.575: Desempenho de edificações habitacionais. Rio de Janeiro, 2013.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENGENHARIA DE SISTEMAS PREDIAIS. Ferramentas BIM para a Engenharia de Sistemas Prediais. 2011. Disponível em: http://piniweb.pini.com.br/construcao/tecnologia-materiais/artigo208522-2.aspx

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENGENHARIA DE SISTEMAS PREDIAIS. Manual de Escopo de Projetos e Serviços de Hidráulica. 2012. Disponível em: http://www.sinaenco.com.br/downloads/manual_Hidraulica.pdf

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS ESCRITÓRIOS DE ARQUITETURA. Manual de Contratação dos Serviços de Arquitetura e Urbanismo. São Paulo, 2012. Disponível em: http://www.manuaisdeescopo.com.br

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS GESTORES E COORDENADORES DE PROJETOS. Manual de Escopo de Serviços para Coordenação de Projetos. 2012. Disponível em: http://www.sinaenco.com.br/downloads/Manual_Coordenacao_Projetos.pdf

BARRETO, F. de S.P.; ANDERY, P.R.P. Contribuição à gestão de riscos no processo de projeto de incorporadoras de médio porte. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 15, n. 4, p. 71-85, out./dez. 2015. http://dx.doi.org/10.1590/s1678-86212015000400040

BELINAZO, M.; BELINAZO, H.; ILHA, M.S.O. Diagnóstico da situação dos sistemas hidráulicos prediais em edificações. In: CONGRESO IBEROAMERICANO DE PATOLOGIA DE LAS CONSTRUCCIONES, 5., CONGRESO DE CONTROL DE CALIDAD, 7., Montevidéu, 1999. Anais… Montevidéu, 1999. p. 935-942.

BONI, A.; FABRICIO, M. M. Sistemas Prediais Hidráulicos e Sanitários (SPHS) e de gás – interface entre projetos e produção. In: SIMPÓSIO BRASILEIRO DE QUALIDADE DO PROJETO – SBQP, 2., 2011, Rio de Janeiro. Anais ... Porto Alegre: ANTAC, 2011. Disponível em: http://www.iau.usp.br/ocs/index.php/sbqp2011/sbqp2011/paper/viewFile/364/211

COSTA, C. H. A. Incorporação de parâmetros de desempenho em componentes BIM para sistemas prediais hidráulicos e sanitários. Dissertação.2015. 180 p. (Mestrado em Engenharia Civil). Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil, Faculdade de Engenharia Civil, Universidade de Campinas, Campinas, 2015. Disponível em: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000957846

CUPERTINO, D.; BRANDSTETTER, M.C.G. de O. Proposição de ferramenta de gestão pós-obra a partir dos registros de solicitação de assistência técnica. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 15, n. 4, p. 243-265, out./dez. 2015. http://dx.doi.org/10.1590/s1678-86212015000400049

EASTMAN, C. et al. BIM Handbook. A guide to Building Information Modeling for owners, managers, designers, engineers and contractors. 1. ed. New York: John Wiley and Sons, 2008. 490 p.

EMMITT, Stephen. Gestão do processo de projeto em arquitetura, engenharia e construção: origem e tendências. Gestão & Tecnologia de Projetos, Brasil, v. 5, n. 3, p. p. 27-38, dec. 2010. ISSN 1981-1543. doi:http://dx.doi.org/10.4237/gtp.v5i3.173.

FARINA, H. et al. Programa de necessidades para sistemas prediais e a qualidade do projeto. In: ENCONTRO NACIONAL DE TECNOLOGIA NO AMBIENTE CONSTRUÍDO, 9., 2002, Foz do Iguaçu. Anais ... Porto Alegre: ANTAC, 2002. Disponível em: http://www.infohab.org.br/entac2014/2002/Artigos/ENTAC2002_1921_1930.pdf

GRAÇA, M.E.A.; FREIRE, C.C.A.; FARINA, H. A produção de projetos de sistemas prediais: fase conceitual e fase preliminar. In: ENCONTRO NACIONAL DE ENGENHARIA DA PRODUÇÃO, 18., Niterói, 1998. Anais… Niterói: ENEGEP, 1998. Disponível em: http://www.abepro.org.br/biblioteca/ENEGEP1998_ART400.pdf

ILHA, M. S. de O. et al. Caracterização da produção científica na área dos sistemas prediais hidráulicos, sanitários e de gás combustível. In: ENCONTRO NACIONAL DE TECNOLOGIA NO AMBIENTE CONSTRUÍDO, 11., 2006, Florianópolis. Anais ... Porto Alegre: ANTAC, 2006. Disponível em: http://www.infohab.org.br/entac2014/2006/artigos/ENTAC2006_3383_3391.pdf

JERNIGAN, F. BIG BIM little bim: The practical approach to building information Modeling. 1. ed. Salisbury: 4Site. 2007.

KERN, A.P.; SILVA, A.; KAZMIERCZAK, C.S. O processo de implantação de normas de desempenho na construção: um comparativo entre a Espanha (CTE) e Brasil (NBR 15575/2013). Gestão e Tecnologia de Projetos, São Paulo, v. 9, n. 1, p. 89-101, jan./jun. 2014. http://dx.doi.org/10.11606/gtp.v9i1.89989

LIMA, Camila Fonseca Melo. Gestão do Processo de Projetos Hidrossanitários. 2016. 292f. Dissertação (Mestrado). Programa de Pós-Graduação em Construção Civil / Universidade Federal de Minas Gerais.

NEVES, F.; GUERRINI, F.M. O modelo de requisitos e componentes técnicos para formação e gerência de redes de cooperação entre empresas da construção civil. Gest. Prod., São Carlos, SP, v. 17, n. 1, p. 195-206, 2010. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-530X2010000100015

OKAMOTO, P.S.; MELHADO, S. B. A. Norma Brasileira de Desempenho e o Processo de Projeto de Empreendimentos Residenciais. In: ENCONTRO NACIONAL DE TECNOLOGIA DO AMBIENTE CONSTRUÍDO, 15., 2014, Maceió. Anais... Porto Alegre: ANTAC, 2014. Disponível em: http://www.infohab.org.br/entac2014/artigos/paper_244.pdf

RUSCHEL, Regina Coeli; ANDRADE, Max Lira Veras Xavier de; MORAIS, Marcelo de. O ensino de BIM no Brasil: onde estamos? Ambient. constr., Porto Alegre , v. 13, n. 2, p. 151-165, June 2013. http://dx.doi.org/10.1590/S1678-86212013000200012.

SUCCAR, B. Building Information Modelling Framework: a research and delivery foundation for industry stakeholders. Automation in Construction, v. 18, n. 3, p. 357-375, 2009. http://dx.doi.org/10.1016/j.autcon.2008.10.003

YWASHIMA, L. A.; ILHA, M. S. de O. Concepção de projeto dos sistemas hidráulicos sanitários prediais: mudanças no processo de projeto com a utilização de Building Information Modeling (BIM). In: ENCONTRO NACIONAL DE TECNOLOGIA NO AMBIENTE CONSTRUÍDO, 13., 2010, Canela. Anais ... Porto Alegre: ANTAC, 2010. Disponível em: http://www.infohab.org.br/entac2014/2010/arquivos/502.pdf

YIN, R.K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 4. ed. Porto Alegre: Bookman, 2010. Tradução de: Ana Thorell.

Downloads

Publicado

2016-06-30

Como Citar

LIMA, C. F. M.; ANDERY, P. R. P.; VEIGA, A. C. R. Análise do processo de projeto de sistemas hidrossanitários prediais. PARC Pesquisa em Arquitetura e Construção, Campinas, SP, v. 7, n. 2, p. 102–113, 2016. DOI: 10.20396/parc.v7i2.8645049. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/parc/article/view/8645049. Acesso em: 30 nov. 2021.

Edição

Seção

Artigos