Entre “educação estética” e “estudos culturais”: A problemática da pedagogia literária, do programa Schilleriano aos PCNs

Autores

  • Nabil Araújo Universidade do Estado do Rio de Janeiro

DOI:

https://doi.org/10.20396/remate.v34i2.8635856

Palavras-chave:

Pedagogia literária. Valor estético. Crise da cultura.

Resumo

Discutindo textos de Terry Eagleton, Bill Readings, Beatriz Sarlo e Alberto Moreiras, este artigo procura reconstituir o desenvolvimento histórico da problemática da pedagogia literária, do programa schilleriano aos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nabil Araújo, Universidade do Estado do Rio de Janeiro

Professor adjunto de Teoria da Literatura na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Licenciado e bacharel em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), mestre e doutor em Estudos Literários pela mesma instituição, na qual lecionou disciplinas nas áreas de Teoria da Literatura e de Literatura Comparada. Suas publicações no campo dos Estudos Literários incluem capítulos de livros e artigos em periódicos acadêmicos. No momento, organiza o volume A crítica literária e a função da teoria, a ser publicado pela Faculdade de Letras da UFMG.

Referências

BRASIL. Orientações curriculares para o ensino médio: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Brasília: Ministério da Educação, 2006.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa. (Ensino de 1ª a 4ª série). Brasília: Ministério da Educação, 1997.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Língua Portuguesa. (Ensino de 5ª a 8ª série). Brasília: Ministério da Educação, 1998.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Linguagens, códigos e suas tecnologias. (Ensino Médio). Brasília: Ministério da Educação, 2000.

BRASIL. PCN+ Ensino Médio: Orientações educacionais complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais: Linguagens, códigos e suas tecnologias. Brasília: Ministério da Educação, 2002.

CANDIDO, Antonio. O método crítico de Sílvio Romero. São Paulo: EdUSP, 1988 [1945].

EAGLETON, Terry. The idea of culture. Oxford: Blackwell, 2000. [Ed. bras.: EAGLETON, Terry. A ideia de cultura. Trad. de Sandra C. Branco. São Paulo: Ed. da UNESP, 2005.]

EAGLETON, Terry. Literary theory: an introduction. 2. ed. Minneapolis: The University of Minnesota Press, 1996. [Ed. bras.: EAGLETON, Terry. Teoria da literatura: uma introdução. Trad. de Waltensir Dutra. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2001.]

FRYE, Northrop. Anatomy of criticism: four essays. Princeton (NJ): Princeton University Press, 1971 [1957]. [Ed. bras.: FRYE, Northrop. Anatomia da crítica: quatro ensaios. Trad. de Péricles Eugênio da Silva Ramos. São Paulo: Cultrix, 1973.]

MOREIRAS, Alberto. The exhaustion of difference: the politics of Latin American Cultural Studies. Durhan/London: Duke University Press, 2001. [Ed. bras.: MOREIRAS, Alberto. A exaustão da diferença: a política dos estudos culturais latino-americanos. Trad. de Eliana L. de Lima Reis e Gláucia R. Gonçalves. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2001.]

RAMA, Angel. La ciudad letrada. Hanover (New Hampshire): Ediciones del Norte, 1984. [Ed. bras.: RAMA, Angel. A cidade das letras. Trad. de Emir Sader. São Paulo: Brasiliense, 1985.]

READINGS, Bill. The university in ruins. Cambridge (MA)/London: Harvard University Press, 1996. [Ed. port.: READINGS, Bill. A universidade em ruínas. Trad. de Joana Frazão. Coimbra: Angelus Novus, 2003.]

SARLO, Beatriz. A literatura na esfera pública. Trad. de Adriana S. Pagano. In: MARQUES, Reinaldo; VILELA, Lúcia Helena (Org.). Valores: arte, mercado, política. Belo Horizonte: Ed. UFMG, 2002. p. 37-55.

SILVEIRA, Rosa Maria Hessel. Apresentação. In: SILVEIRA, Rosa Maria Hessel (Org.). Cultura, poder e educação: um debate sobre estudos culturais em educação. Canoas (RS): Ed. da ULBRA, 2005. p. 5-9.

Downloads

Publicado

2014-11-25

Como Citar

ARAÚJO, N. Entre “educação estética” e “estudos culturais”: A problemática da pedagogia literária, do programa Schilleriano aos PCNs. Remate de Males, Campinas, SP, v. 34, n. 2, p. 396–420, 2014. DOI: 10.20396/remate.v34i2.8635856. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8635856. Acesso em: 30 set. 2022.

Edição

Seção

Documentos oficiais e políticas públicas de ensino