Sobre a pertinência do estudo de letras clássicas no Brasil

Autores

  • Flávio Ribeiro de Oliveira Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.20396/remate.v34i2.8635868

Palavras-chave:

Letras clássicas. Educação. T. S. Eliot. Italo Calvino.

Resumo

Partindo dos ensaios de T. S. Eliot e de Italo Calvino, reflito, neste artigo, sobre a pertinência do ensino de Letras Clássicas no Brasil contemporâneo. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávio Ribeiro de Oliveira, Universidade Estadual de Campinas

Graduado em Filosofia (USP, 1989) e mestre e doutor em Letras Clássicas (USP, 1994 e 2001). Fez pós-doutorado no Centre Léon Robin de Recherches sur la Pensée Antique (Université Paris IV–Sorbonne/ École Normale Supérieure/ CNRS) (2008). Foi professor de língua e literatura gregas na USP (1992-1994) e na Unesp (1995). Desde 1996 leciona as mesmas disciplinas no Instituto de Estudos da Linguagem da Unicamp. É coordenador do Centro de Estudos Clássicos do IEL. É autor de traduções comentadas da Medeia de Eurípides (Editora Odysseus, 2006), do Aias de Sófocles (Editora Iluminuras, 2008), das Traquínias de Sófocles (Editora da Unicamp, 2009) e do Hipólito de Eurípides (Editora Odysseus, 2010).

Referências

CALVINO, ITALO. Perché leggere i classici. Milano, Mondadori, 1995, págs. 5-13

ELIOT, T. S. Essays – Ancient & Modern. London, Faber & Faber, s.d., págs. 161-174

Downloads

Publicado

2014-11-25

Como Citar

OLIVEIRA, F. R. de. Sobre a pertinência do estudo de letras clássicas no Brasil. Remate de Males, Campinas, SP, v. 34, n. 2, p. 625–631, 2014. DOI: 10.20396/remate.v34i2.8635868. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/remate/article/view/8635868. Acesso em: 26 nov. 2022.

Edição

Seção

Cânone e ensino de literatura