Herança arquitetônica da Belém Pombalina (século XVIII)

Autores

  • Yara Felicidade de Souza Reis Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.20396/resgate.v17i18.8645673

Palavras-chave:

Urbanismo pombalino. Urbanismo colonial. História da arquitetura e do urbanismo.

Resumo

O presente trabalho examina alguns feitos da produção arquitetônica e urbanistica realizada na segunda metade do século XUII, na cidade de Belém, período que corresponde à fase administrativa do Marquês de Pombal. A intenção é salientar a importância de referências urbanas remanescentes de uma tradição urbanística portuguesa, que fazem parte da herança cultural da cidade e que podem ser enquadradas em ações políticas de preservação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Yara Felicidade de Souza Reis, Universidade de São Paulo

Arquiteta e pós-doutoranda (bolsista Fapesp) pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP.

Downloads

Publicado

2021-03-17

Como Citar

REIS, Y. F. de S. Herança arquitetônica da Belém Pombalina (século XVIII). Resgate: Revista Interdisciplinar de Cultura, Campinas, SP, v. 17, n. 1, p. 99–114, 2021. DOI: 10.20396/resgate.v17i18.8645673. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/resgate/article/view/8645673. Acesso em: 24 maio. 2022.