O ensino na educação superior: uma análise da metodologia “trezentos” e sua relação com a pedagogia histórico-crítica

Liliam Faria Porto Borges, Vanice Schossler Sbardelotto

Resumo


O artigo apresenta uma análise da metodologia de ensino “Trezentos”, desenvolvida pelo Professor Doutor Ricardo Ramos Fragelli, da UnB, desde 2013, no tange a relação existente entre essa metodologia de ensino empregada na Educação Superior e as pedagogias, aqui entendidas, como progressistas, particularmente a Pedagogia Histórico-Crítica, formulada e divulgada no Brasil por Dermeval Saviani. A metodologia ativa desenvolvida pelo Professor Fragelli se sustenta na admissão da possibilidade de aprendizagem de todos os estudantes e defende a necessária mediação docente para que esta ocorra de forma satisfatória, com isso, produzindo bons resultados de aprendizagem e aproveitamento destacado em área com recorrente fracasso dos estudantes na Educação Superior. 


Palavras-chave


Metodologia “Trezentos”. Pedagogia Histórico-Crítica. Aprendizagem. Ensino. Educação Superior.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22348/riesup.v3i3.7768

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Revista Internacional de Educação Superior

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Rev. Inter. Educ. Sup. [RIESup], Campinas (SP) - ISSN 2446-9424.