Banner Portal
Juventude rural e ensino superior público
PORTUGUÊS
ENGLISH

Palavras-chave

Ensino superior
Juventude rural
Trajetória escolar.

Como Citar

MELO, S. P.; BRAGA, O. R.; SANTANA, J. F. Juventude rural e ensino superior público : trajetórias de estudantes de um campus universitário público do nordeste do Brasil. Revista Internacional de Educação Superior, Campinas, SP, v. 6, p. e020022, 2019. DOI: 10.20396/riesup.v6i0.8654480. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/riesup/article/view/8654480. Acesso em: 29 set. 2023.

Resumo

Observa-se que nos últimos anos houve um processo de interiorização do ensino superior no Brasil, advindo principalmente da política pública de reestruturação e expansão das universidades federais, instituída em 2007. No entanto, em que medida esse processo pode ser considerado como de mudanças nas trajetórias de vida de grupos sociais historicamente marginalizados? Para desencadear tal discussão, este artigo analisa as trajetórias escolares de jovens estudantes rurais de um campus universitário público do Nordeste do Brasil. Trata-se de um estudo quantitativo, descritivo, com amostragem aleatória de estudantes dos cursos das áreas de ciências exatas e biológicas, no qual foram utilizados o questionário e o diário de campo como instrumentos de coleta de dados; a estatística descritiva e a análise de conteúdo, como procedimentos de análise desses dados. Os resultados apontaram para um perfil de jovens com idade que varia entre 18 a 33 anos; trajetória escolar de migração para espaços citadinos, como motivação para continuar os estudos devido à precarização da educação nos espaços rurais; e perspectivas de futuro voltadas para o ensino superior objetivando a ascensão financeira para ajudar a família e seus territórios. Portanto, esse estudo sugere que os programas de interiorização e expansão das universidades federais estão sendo um aliado nas trajetórias de mudanças dos jovens e das jovens das áreas rurais.

https://doi.org/10.20396/riesup.v6i0.8654480
PORTUGUÊS
ENGLISH

Referências

BACHA, Stella Maris Cortez; et al. Rendimento escolar de alunos da área rural em escola urbana. Rev CEFAC. São Paulo. Out-dez, v. 8, n. 4, p. 429-40, 2006. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rcefac/v8n4/v8n4a04. Acesso em: 18 jan. 2019.

BARCELLOS, Sergio Botton. A formulação das políticas públicas para a juventude rural no Brasil: atores e fluxos políticos nesse processo social. 2004. 1 v. Tese (doutorado em Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade) Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, 2014.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. 6 ª ed. Lisboa: Edições 70. 2011. 280 p. ISBN 8562938041.

CANDIDO, Antônio. Os parceiros do Rio Bonito: estudo sobre o caipira paulista e a transformação dos seus meios de vida. 12ª ed. São Paulo: Duas Cidades; Editora 34, 2018. 336 p. ISBN: 9788531416521.

CASTRO, Elisa Guarani de (Orgs.). Juventude rural em perspectiva. Rio de Janeiro: Mauad X, 2007. 311 p. ISBN 9788574782409.

DAYRELL, Juarez. A escola “faz” as juventudes? Reflexões em torno da socialização juvenil. Educação & Sociedade, Campinas, v.28, n.100. p. 1005-1028, 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v28n100/a2228100. Acesso em: 18 jan. 2019.

DAYRELL, Juarez. O jovem como sujeito social. Revista Brasileira de Educação. [online]. n.24, set/out/nov/dez, 2003, p.40-52. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbedu/n24/n24a04.pdf. Acesso em: 18 jan. 2019.

GIDDENS, Antony. As consequências da modernidade. Unesp, 1991. 156 p. ISBN 8571390223.

GUARNIERI, Fernanda Vieira; MELO-SILVA, Lucy Leal. Cotas Universitárias no Brasil: Análise de uma década de produção científica. Psicologia Escolar e Educacional, SP. Volume 21, Número 2, Maio/Agosto de 2017: 183-193. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/pee/v21n2/2175-3539-pee-21-02-00183.pdf, Acesso em: 15 jan. 2018.

FALCÃO, Jorge Tarcísio da Rocha; RÉGNIER, Jean-Claude. Sobre os métodos quantitativos na pesquisa em ciências humanas: riscos e benefícios para o pesquisador. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos. Brasília: MEC/INEP, v. 81, n. 198, p. 229-243, mai./ago. 2000. Disponível em: http://rbep.inep.gov.br/index.php/rbep/article/view/937. Acesso em: 18 jan. 2019.

MACHADO, Verônica Moreno. A Juventude camponesa em cena e sua relação com a instituição escolar. Revista Labirinto, [online], v. 18, p. 52-67, 2014. Disponível em: http://www.periodicos.unir.br/index.php/LABIRINTO/article/viewFile/890/1059. Acesso em: 18 jan. 2019.

MARTINS, Francisco André Silva; DAYRELL, Juarez Tarcísio. Juventude e Participação: disputas e relações no cotidiano escolar. In: I SEMINÁRIO VIOLAR: PROBLEMATIZANDO AS JUVENTUDES CONTEMPORÂNEAS. 2010. Campinas: Faculdade de Educação, Unicamp. Anais... Campinas: I Seminário Violar: problematizando as juventudes contemporâneas. 2010. p.01-14. Disponível em: https://observatoriodajuventude.ufmg.br/publication/view/juventude-e-participacao-disputas-e-relacoes-no-cotidiano-escolar/. Acesso em: 18 jan. 2019.

PAULO, Maria Assunção Lima de. As construções das identidades de jovens rurais na relação com o meio urbano em um pequeno município. 2010. 1 v. Tese (doutorado em Sociologia). Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Pernambuco, 2010.

PAULO, Maria Assunção Lima de; SILVA, Natanael de Oliveira. Juventude rural e ensino superior: acesso, limites, possibilidades e transformações. In: XXIX Congresso Latino-americano de Sociologia, 2013, Santiago - Chile. Anais... Santiago – Chile: XXIX Congresso Latino-americano de Sociologia, 2013.

PUNTEL, Jovani Augusto; PAIVA, Carlos Águedo Nagel; RAMOS, Marília Patta. Situação e perspectivas dos jovens rurais no campo. In: I Círculo de debates acadêmicos. IPEA, Brasília, 2011. Anais... I Círculo de debates acadêmicos. 2011. Disponível em: http://www.ipea.gov.br/code2011/chamada2011/pdf/area3/area3-artigo20.pdf. Acesso em 27 Ago. 2016.

SARTI, Cynthia Andersen. A Família como espelho: um estudo sobre a moral dos pobres na periferia de São Paulo. 1994. Tese (doutorado em Antropologia), Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1994.

SILVA, Vanda. Jovens de um rural brasileiro: socialização, educação e assistência. Cad. CEDES [online]. 2002, vol.22, n.57, pp. 97-115. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ccedes/v22n57/12005.pdf. Acesso em: 18 jan. 2019.

SOUZA, Maria Eunice Barbosa de.; ANDREATTA, Marcelo de Faria Corrêa e RAMBO, Sirlei Terezinha Frizão. Um contexto, uma época: a escola e os sujeitos jovens do campo. In: MACHADO, Carmen Lucia Bezerra; CAMPOS, Christiane Senhorinha Soares e PALUDO, Conceição (Orgs.). Teoria e prática da educação do campo - análises de experiências organizadoras. Brasília: MDA, 2008. 236 p. ISBN 9788560548378.

STROPASOLAS, Valmir Luiz. Juventude rural: uma categoria social em construção. In: XV CONGRESSO BRASILEIRO DE SOCIOLOGIA, 2011, Curitiba-PR. Anais... Curitiba-PR: XV Congresso Brasileiro de Sociologia, 2011. p. 1-28.

TAVARES, Maurício Antunes. Caminhos cruzados, trajetórias entrelaçadas: Vida social de jovens entre o campo e a cidade no sertão de Pernambuco. 2009. Tese (doutorado em Sociologia), Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Pernambuco, 2009.

WANDERLEY, Maria de Nazareth Baudel. Jovens rurais de pequenos municípios de Pernambuco: que sonhos para o futuro. In: CARNEIRO, Maria José; CASTRO, Elisa Guaraná de (orgs.). Juventude rural em perspectiva. Rio de Janeiro: Mauad X, 2007. 312 p. ISBN 9788574782409.

WANDERLEY, Maria de Nazareth Baudel. O lugar dos rurais: o meio rural no Brasil moderno. In: XXXV CONGRESSO BRASILEIRO DE ECONOMIA E SOCIOLOGIA RURAL, 1997, Natal-RN. Anais... Natal-RN: XXXV Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural, 1997. p.1-37.

Revista Internacional de Educação Superior utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.