Educação superior

as aprendizagens construídas por mestrandos e doutorandos em Educação durante o processo de internacionalização

Palavras-chave: Internacionalização, Aprendizagens, Estudantes de pós-grauação, Educação superior

Resumo

Na atual conjuntura considera-se necessário o desenvolvimento de práticas e iniciativas vinculadas à internacionalização no decorrer do processo educativo da Educação Superior, visando preparar estudantes para atuar e viver em um mundo globalizado. Desse modo, torna-se relevante que as instituições de Educação Superior busquem promover atividades que propiciem a internacionalização aos discentes, contemplando questões como a mobilidade acadêmica, a interação com pesquisadores internacionais, a participação e a apresentação de estudos científicos em eventos internacionais, o desenvolvimento de pesquisas comparativas a partir de problemas globais, entre outros. Neste sentido, o presente estudo visa analisar as aprendizagens construídas pelos estudantes de Pós-graduação em Educação, mediante experiências desenvolvidas no processo de internacionalização, durante os seus percursos de formação acadêmica. O estudo é caracterizado como uma pesquisa qualitativa, com coleta de dados realizada através de questionário on-line, contendo questões fechadas e abertas, aplicada junto a mestrandos e doutorandos. Os dados coletados foram analisados por intermédio da Análise Textual Discursiva (ATD). A fundamentação teórica do estudo se desenvolve à luz de autores como Marília Costa Morosini, Luciane Stallivieri, Jos Beelen, Jane Knight, Betty Leask, dentre outros. Com este estudo, foi possível perceber a relevância da internacionalização para os estudantes de Pós-graduação, oportunizando o desenvolvimento de conhecimentos, habilidades e valores internacionais e interculturais, em consonância com as demandas atuais para viver e trabalhar num mundo cada vez mais interconectado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karen Graziela Weber Machado, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Doutoranda em Educação do Programa de Pós-Graduação da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul -Atualmente, é bolsista CAPES de Doutorado e pesquisadora do Grupo de Pesquisa Interdisciplinar em Tecnologias Digitais, Internacionalização e Permanência estudantil (GeTIPE).

Adriana Justin Cerveira Kampff, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Possui Doutorado em Informática na Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2009). É Professora Adjunta da PUCRS. Exerce atualmente o cargo de Diretora de Graduação, compondo a equipe da Pró-Reitoria de Graduação e Educação Continuada.

Referências

BEELEN, Jos. Implementing internationalisation at home. European Association for International Education (EAIE), 2007.

BRASIL. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Plano Nacional de Pós-graduação (PNPG) 2011-2020. Brasília: CAPES, 2010. Disponível em: https://capes.gov.br/images/stories/download/Livros-PNPG-Volume-I-Mont.pdf. Acesso em: 14 dez. 2019.

CAPES. A internacionalização na universidade brasileira: resultados do questionário aplicado pela Capes. Brasília: Capes/DRI, outubro 2017.

CAPES. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Mestrado e doutorado: o que são. 2014. Disponível em: https://capes.gov.br/avaliacao/sobre-a-avaliacao/mestrado-e-doutorado-o-que-sao. Acesso em: 14 dez. 2019.

CAVICHIOLI, Rita das Graças Candido. Sociedade do conhecimento: a Educação como pilar. Revista de Educação, v. 13, n. 15, 2015.

DELLORS, Jacques et al. Educação: um tesouro a descobrir: relatório para a UNESCO da Comissão Internacional sobre Educação para o Século XXI. 1999.

Publicado
2020-04-02
Como Citar
Machado, K. G. W., & Kampff, A. J. C. (2020). Educação superior . Revista Internacional De Educação Superior, 6, e020045. https://doi.org/10.20396/riesup.v6i0.8658289
Seção
Artigos