Banner Portal
Cenários e desafios da universidade na economia do conhecimento
PORTUGUÊS
ENGLISH

Palavras-chave

Educação superior
Universidade
Economia do conhecimento
Universidade de classe mundial
Rankings internacionais

Como Citar

SOUSA, José Vieira de. Cenários e desafios da universidade na economia do conhecimento. Revista Internacional de Educação Superior, Campinas, SP, v. 8, n. 00, p. e022014, 2021. DOI: 10.20396/riesup.v8i00.8663806. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/riesup/article/view/8663806. Acesso em: 17 abr. 2024.

Resumo

Neste artigo analisam-se cenários e desafios da universidade na economia do conhecimento, considerando sua inserção no campo mais amplo da educação superior formado pela pluralidade de atores e instituições interessados em sua dinâmica. A noção de campo formulada por Pierre Bourdieu constitui importante construto teórico-metodológico para análise da educação superior na sociedade contemporânea. Historicamente, a universidade revela-se como porta de entrada e espaço privilegiado para construir caminhos e soluções para desafios apresentados, ao longo do tempo, à sociedade. No mundo globalizado a universidade atua em um terreno de incertezas e contradições, ao mesmo tempo que configura um componente indiscutível para o desenvolvimento do projeto político dos países. Na competitiva educação superior contemporânea o conceito de world-class universitie vem sendo disputado e construído com base em padrões e critérios globais diretamente associados às classificações feitas pelos rankings internacionais.

https://doi.org/10.20396/riesup.v8i00.8663806
PORTUGUÊS
ENGLISH

Referências

ACADEMIC RANKING OF WORLD UNIVERSITIES 2020 (ARWU). Disponível em: http://www.shanghairanking.com/ARWU2017.html Acesso em: 21 dez. 2020.

AFONSO, Almerindo Janela. A educação superior na economia do conhecimento, a subalternização das ciências sociais e humanas e a formação de professores. Avaliação, Campinas; Sorocaba, SP, v. 20, n. 2, p. 269-291, jul. 2015.

ALTBACH, Philip. G. A pesquisa sobre o ensino superior: perspectivas globais. In: SADLAK, Jan; ALTBACK, Philip. G. (Ed.). Higher education research at the turn of the new century: structures, issues, and trends. Paris: UNESCO, 1997, p. 12-39.

ALTBACH, Philip. G. The costs and benefits of world-class universities. International Higher Education, n. 33, p. 20–23 2004.

ALTBACH, Philip G.. International Higher Education: reflections on policy and pratice. Massachussets: Center for International Higher Education Lycnh School of Education. Boston College, 2006.

ALTBACH, Philip. G.; SALMI, J. (Eds.). Introdução. In: ALTBACH, Philip. G. SALMI, Jamil. (Eds.). The road to academic excellence: the making of world-class research universities. Washington: The World Bank, 2011, p. 4-18.

BOURDIEU, Pierre. Questões de sociologia. Rio de Janeiro: Marco Zero, 1983.

BOURDIEU, Pierre. Repónses: pour une anthropologie réflexive. Paris: Seuil, 1992.

BOURDIEU, Pierre. Les conditions sociales de la circulation internationale des idées. Actes de la recherche en sciences sociales. v. 145, décembre 2002. p. 3-8.

BOURDIEU, Pierre. Coisas ditas. [reimpressão]. São Paulo: Brasiliense, 2004.

CLARK, Robert Burton. Sustaining change in universities: continuities in case studies and concepts. Plenary Address. 24th Annual EAIR Forum, September 8-11, 2002. Prague, Czec Republic.

CLARK, Robert Burton. The higher education system: academic organizations in cross- national perspective. Berkeley: University of California Press, 1983.

DIAS SOBRINHO, José. Dilemas da educação superior no mundo globalizado: sociedade do conhecimento ou economia do conhecimento? São Paulo: Casa do Psicólogo, 2010.

ENDERS, Jürgen. Higher education in a globalising world. Boston: Kluwer Academic Publishers, 2002.

FRANCO, Maria Estela Dal Pai. Marcos regulatórios e arquiteturas acadêmicas na expansão da educação superior brasileira: movimentos indutores. Revista Educação em Questão, Natal, v. 42, n. 28, p. 175-198, jan./abr. 2012.

GILES, Thomas Ranson. História da educação. São Paulo: Pedagógica e Universitária Ltda., 1987.

HAZELKORN, Ellen. Reflections on a decade of global rankings: what we’ve learned and outstanding issues. Beitraegezur Hochschulforschung, Munique, v. 49, n. 1, p. 12-28, 2013. Disponível em: https://arrow.tudublin.ie/cgi/viewcontent.cgi?article=1054&context=cserart Acesso em 27 dez. 2020.

KERR, Clark. Os usos da universidade: universidade em questão. Brasília: Editora UnB, 2005.

KNIGHT, Jane. Five truths about internationalisation. International Higher Education. Boston College. Center for International Higher Education. International Issues, n. 69, 2012, p. 4-5.

LEITE, Denise; GENRO, Maria Ely Herz. Avaliação e internacionalização da educação superior: quo vadis America Latina? Avaliação, Campinas; Sorocaba, SP, v. 17, n. 3, p. 763-785, nov. 2012.

MALDONADO-MALDONADO, Alma. Cooperação internacional e uma descrição do financiamento da educação superior. Educação superior em um tempo de transformação: novas dinâmicas para a responsabilidade social. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2009, p. 111-115.

MARTINS, Carlos Benedito. Notas sobre a formação de um sistema transnacional de ensino superior. Caderno CRH. Salvador/BA, UFBA, v. 28, n. 74, maio-agosto, 2015, p. 291-308.

MOHRMAN, Kathryn; MA, Wanhua; BAKER, David. The research university in transition: the emerging global model. Higher Education Policy, v.21, p. 5–27, 2008

MOROSINI, Marília Costa Qualidade da educação superior e contextos emergentes. Avaliação, Campinas; Sorocaba, SP, v. 19, n. 2, p. 385-405, jul. 2014.

NEWMAN, Janet; CLARKE, John. Gerencialismo. Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 37, n. 2, p. 353-381, maio/ago. 2012.

ORGANISATION FOR ECONOMIC CO-OPERATION AND DEVELOPMENT (OECD 2017). Education at a Glance 2017: OECD Indicators, OECD Publishing, Paris. Disponível em http://download.inep.gov.br/acoes_internacionais/eag/documentos/2017/relatorio_education_at_a_glance_2017.pdf Acesso em 26 dez. 2020.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A EDUCAÇÃO, A CIÊNCIA E A CULTURA. (UNESCO). Tendências da educação superior para o século XXI: anais da Conferência Mundial sobre o Ensino Superior. Brasília: Unesco; CRUB, 1999.

RAMA, Claudio. La Tercera reforma de la educación superior en América Latina. Buenos Aires: Fondo de Cultura Económica. 2006.

RIBEIRO, Darcy. A universidade necessária. 3. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1978.

SANTOS, Boaventura de Sousa. A universidade no século XXI: para uma universidade nova. Coimbra: Edições Almedina, 2008.

SCOTT, John C. The mission of the university: medieval to posmodern transformations. Journal of Higher Education, vol. 77, n. 1, p. 2-39, 2006.

AUTOR. Educação superior no Distrito Federal: consensos, conflitos e transformações na configuração de um campo. Brasília: Liber; FE/Universidade de Brasília, 2013.

AUTOR. BORGES, Rovênia Borges; AFONSO, Almerindo Janela. World-class universities? a dimensão social na mobilidade internacional de Estudantes. Investigar em Educação. Lisboa: Universidade do Minho. IIª Série, Números 9/10, 2019, p. 229-244.

AUTOR. História da Educação Superior. In: MOROSINI, Marilia Costa. (Org.). Enciclopédia Brasileira de Educação Superior (EBES). Porto Alegre, Brasil, EdPucRS, 2021, p. 1-133, no prelo.

SQUIRRA, Sebastião. Sociedade do Conhecimento. In MARQUES DE MELO, José; SATHLER, Lúcio. Direitos à Comunicação na Sociedade da Informação. São Bernardo do Campo, SP: UMESP, 2005, p. 253-274.

THE WORLD UNIVERSITY RANKING 2020. THE. London, 2018. Disponível em: https://www.timeshighereducation.com/world-university-rankings/2018/world-ranking#!/page/0/length/25/sort_by/rank/sort_order/asc/cols/stats Acesso em: 23 jan. 2020.

THIENGO, Lara Carlette; BIANCHETTI, Lucídio; DE MARI, Cézar Luiz. Rankings acadêmicos e universidades de classe mundial: relações, desdobramentos e tendências. Educação e Sociedade., Campinas, v. 39, nº. 145, p. 1041-1058, out.-dez., 2018.

TRINDADE, Hélgio. Saber e poder: os dilemas da universidade brasileira. Estudos Avançados. São Paulo, v. 14, n. 40, 2000a, p.122-133.

TROW, Martin. Twentieth-century higher education: elite to mass to universal. Baltimore: The Johns Hopkins Press, 2011.

WANDERLEY, Luís Eduardo. O que é universidade? 9. ed. São Paulo: Brasiliense, 2003.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2021 Revista Internacional de Educação Superior

Downloads

Não há dados estatísticos.