Banner Portal
Panorama dos programas de residência para farmacêuticos na América do Sul
Imagem: Universidade de Nápoles Federico II, fundada em 1224. - Google / Licença Creative Commons.
PORTUGUÊS
ENGLISH (English)
AUDIO
VIDEO

Palavras-chave

Residência em farmácia
Educação de pós-graduação
Capacitação profissional
América do Sul

Como Citar

CALIL-ELIAS, Sabrina; GONSALVES, Zilda de Santana; CASTILHO, Selma Rodrigues de. Panorama dos programas de residência para farmacêuticos na América do Sul. Revista Internacional de Educação Superior, Campinas, SP, v. 10, n. 00, p. e024023, 2022. DOI: 10.20396/riesup.v10i00.8667470. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/riesup/article/view/8667470. Acesso em: 24 jun. 2024.

Resumo

A pesquisa mapeou os programas de residências para farmacêuticos na América do Sul. Foi realizado estudo transversal, descritivo, quantitativo. Os dados foram coletados em consulta aos sítios eletrônicos e editais dos programas de residência, no período de janeiro a junho de 2021. As variáveis analisadas foram a região geográfica, financiamento, número de vagas, área de concentração e perfil das instituições. Os resultados apontam que embora tenham bibliografias sobre programas na Argentina, Brasil e Peru, apenas para os dois primeiros foi possível identificar programas ativos. Foram identificados 35 cursos oferecidos na Argentina e 216 no Brasil. Enquanto a maioria dos programas de Buenos Aires estão concentrados na província de Buenos Aires; no Brasil, os cursos foram identificados em todas as regiões, a maior parte na região sudeste, principalmente no estado de São Paulo. O setor público é o principal responsável pelo financiamento das bolsas de estudo, em ambos os países. Enquanto no Brasil existem dois modelos de residência, uniprofissional e multiprofissional, na Argentina, observou-se apenas programas uniprofissionais. O hospital é o principal cenário de prática em ambos os países, 97,2 % na Argentina e 83,7 % no Brasil. Apesar dos programas de residência serem modelos de educação permanente bem sucedidos em diversos países, ainda há carência deste tipo formação profissional nos países da América do Sul.

https://doi.org/10.20396/riesup.v10i00.8667470
PORTUGUÊS
ENGLISH (English)
AUDIO
VIDEO

Referências

AACP. Directory of Residencies, Fellowships, and Graduate Programs. Disponível em: https://www.accp.com/resandfel/index.aspx. Acesso em: 29 jul. 2021.

AMARILES, Pedro; OSORIO-BEDOYA, Edwin. J.; CARDONA, Diana. Teaching of pharmaceutical care in Latin America: A structured review. Farmacia Hospitalaria, v. 43, n. 2, p. 1–8, 1 mar. 2019. Disponível em: https://www.redalyc.org/journal/3659/365962275005/365962275005.pdf. Acesso em: 29 jul. 2021.

ASHP. Definitions of pharmacy residencies and fellowships. American Journal of Hospital Pharmacy, v. 44, n. 5, p. 1142–1144, 1987.

ASHP. Guidance document for required Competency Areas, Goals, and Objectives for Postgraduate Year One (PGY1) Pharmacy Residencies. American Society of Health-System Pharmacist, n. April, p. 1–15, 2016. Disponível em: https://www.ashp.org/-/media/assets/policy-guidelines/docs/endorsed-documents/definitions-of-pharmacy-residencies-and-fellowships.pdf. Acesso em: 29 jul. 2021.

BOLOGNA, Viviana. G. Bodas de oro de la Sociedad Argentina de Farmacia Hospitalaria. Rev. Hosp. Niños B.Aires, p. 211–216, 2019. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-1099998. Acesso em: 29 jul. 2021.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil. Lei. Presidência da República, 1988. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 9 out. 2021.

BRASIL. Lei no 8080, de 19 de setembro de 1990. Lei do SUS. Diário Oficial da União, 20 set. 1990. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8080.htm. Acesso em: 9 out. 2021.

BRASIL - MINISTÉRIO DA SAÚDE. Pólos de Educação Permanente em Saúde Política de Educação e Desenvolvimento para o SUS. Caminhos para a Educação Permanente em Saúde. Brasília: [s.n.]. Disponível em: www.saude.gov.br. Acesso em: 9 out. 2021.

BRASIL. PORTARIA GM/MS Nº 1.598, DE 15 DE JULHO DE 2021. DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO. Publicado em: 16/07/2021 | Edição: 133 | Seção: 1 | Página: 58. Ministério da Saúde/Gabinete do Ministro. Disponível em: https://registra-rh.saude.gov.br/index.php/residencia-em-saude. Acessado em 09 set. 2022.

CERVO, Amado; BERVIAN, Pedro; DA SILVA, Roberto. Metodoloria Científica. 6a ed. São Paulo - SP: Pearson, 2006. v. 1. ISBN 9788576050476.

CFF. Panorama of residence in Brazil. 2014. Disponível em: https://comunicacaocff.wixsite.com/residenciamapa-das-residencias-. Acesso em: 13 out. 2021.

CFF. Relatório: perfil dos farmacêuticos egressos de programas de residência no Brasil. Brasília, 2019. Disponível em: https://www.cff.org.br/userfiles/Relatório egressos.pdf. Acesso em: 8 jan. 2021.

CHILE. Título de Profesional Especialista en Farmacia Clínica y Atención Farmacéutica - Universidad de Chile. Disponível em: https://www.uchile.cl/postgrados/6338/farmacia-clinica-y-atencion-farmaceutica. Acesso em: 20 ago. 2021.

CSHP. Canadian Pharmacy Residency Board Accreditation Standards for Pharmacy (Year 1) Residencies. Canadian Society of Hospital Pharmacists, n. May, p. 1–21, 2018. Disponível em: www.cshp.ca. Acesso em: 20 ago. 2021.

CSHP. Canadian Pharmacy Residency Board (CPRB). Disponível em: https://cshp-scph.ca/cprb. Acesso em: 19 ago. 2021.

FIP. Transformar a formação e educação em farmácia e ciências farmacêuticas no contexto da força laboral farmacêutica. 2017. Disponível em: www.fip.org. Acesso em: 13 ago. 2021.

FIP; UNESCO; OMS. Sumário das Consultas Globais em Farmácia e Educação, 1988-2007. 2008. Disponível em: www.fip.org/globalhosp. Acesso em: 13 ago. 2021.

GONSALVES, Z.S.; NOGUEIRA, T. A.; NASCIMENTO, K.R.O.; CALIL-ELIAS, S.; CASTILHO, S.R. Residência em Farmácia Hospitalar: 20 anos contribuindo para a formação de farmacêuticos de excelência. Diversitates Int J, v. 10, n. 3, p. 20–34, 2018.

GONSALVES, Z. S.; CALIL-ELIAS, S.; CASTILHO, S. R.. de . Competency framework for hospital pharmacy residency: a scoping review. Research, Society and Development, v. 10, n. 3, p. e55410313733, 26 mar. 2021. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/13733. Acesso em 04 nov. 2021.

GRACE, Eric. Guidance Document for the ASHP Accreditation Standard for Postgraduate Year One (Pgy1) Pharmacy Residency Programs. 2020. Disponível em: https://www.ashp.org/-/media/assets/professional-development/residencies/docs/guidance-document-PGY1-standards.ashx. Acesso em: 10 ago. 2021

MATTHEWS, Scott; FOWLER, Peter; DOOLEY, Guidone. Residency programs in Australia-better late than never! Disponível em: https://www.shpa.org.au/sites/default/files/uploaded-content/field_f_content_file/aug2016_ashp_poster_residency_programs_in_australia.pdf, 2016. Acesso em: 04 nov. 2021.

MERCOSUL. Mercosul/GMC/RES no 66/2006. Disponível em: https://normas.mercosur.int/simfiles/normativas/7084_RES_066-2006_PT_Profissões Saúde MERCOSUL.pdf. Acesso em: 19 ago. 2021.

MS. PORTARIA No 198/GM, 13 de fevereiro de 2004. Política Nacional de Educação Permanente em Saúde. Ministério da Saúde, 13 fev. 2004. Disponível em: https://www.nescon.medicina.ufmg.br/biblioteca/imagem/1832.pdf. Acesso em : 04 nov. 2021.

ONP - Ordre National des Pharmaciens. Formations initiales - Les pharmaciens - Ordre National des Pharmaciens. 2020. Disponível em: http://www.ordre.pharmacien.fr/Les-pharmaciens/Comment-devenir-pharmacien/Formations-initiales. Acesso em: 19 ago. 2021.

OPAS/OMS. Recursos Humanos em Saúde no Mercosul. Rio de janeiro: 1995. Disponível em: http://books.scielo.org. ISBN: 9788575413982.

PITTENGER, Amy; CHAPMAN, Scott; FRAIL, Caitlin; MOON, Jean; UNDEBERG, Megan; ORZOFF, Jordan. Entrustable professional activities for pharmacy practice. American Journal of Pharmaceutical Education, v. 80, n. 4, 2016. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4891855/. Acesso em: 04 nov. 2021.

PSA - Pharmaceutical Society of Australia. National Competency Standards Framework for Pharmacists in Australia. ISBN: 9780908185030. Melbourne: © Pharmaceutical Society of Australia Ltd., 2016.

SBRAFH. Programa PaRes Padrões para Residências Farmacêuticas em Hospitais e demais Serviços de Saúde. São Paulo: SOCIEDADE BRASILEIRA DE FARMÁCIA HOSPITALAR E SERVIÇOS DE SAÚDE, 2017. Disponível em: http://www.sbrafh.org.br/site/public/docs/ProgramaPaResWeb.pdf. Acesso em: 9 jan. 2021.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Sabrina Calil-Elias, Zilda de Santana Gonsalves, Selma Rodrigues de Castilho

Downloads

Não há dados estatísticos.