Substantivos e verbos da língua italiana em contraste com o português: Reflexões para uma pedagogia dos vocábulos heterotônicos

Autores

  • Marilei Amadeu Sabino UNESP - Universidade Estadual Paulista - Câmpus de São José do Rio Preto - SP - Brasil
  • Michelli Glauce Devecchi UNESP – Campus de São José do Rio Preto/SP.

DOI:

https://doi.org/10.20396/cel.v57i2.8642397

Palavras-chave:

Heterotônicos. Dicionários bilíngues. Pedagogia do léxico

Resumo

O objetivo desta análise é mostrar como seis dicionários bilíngües registram informações referentes a unidades lexicais que são graficamente semelhantes, no português e no italiano, mas cujas sílabas tônicas são diferentes. Essa estratégia de sinalizar a sílaba tônica, principalmente dos verbos heterotônicos conjugados, apesar de não requerer tanto espaço físico e de ser de fundamental importância nas obras bilíngües italianas, por facilitar a elaboração de atividades de sala de aula, ainda é muito pouco explorada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marilei Amadeu Sabino, UNESP - Universidade Estadual Paulista - Câmpus de São José do Rio Preto - SP - Brasil

Professora-pesquisadora do Departamento de Letras Modernas da UNESP – Campus de São José do Rio Preto/SP. Doutora em Linguística e Língua Portuguesa.

Michelli Glauce Devecchi, UNESP – Campus de São José do Rio Preto/SP.

Graduada no Curso de Bacharelado em Letras com Habilitação de Tradutor da UNESP – Campus de São José do Rio Preto/SP.

Referências

AMARAL, V. L. Análise crítica de dicionários escolares bilíngües espanhol-português: uma reflexão teórica e prática. Tese (Doutorado em Filologia e Lingüística). Assis: Faculdade de Ciências e Letras, Unesp, 1995.

AMENDOLA, J. Dicionário italiano português. 2.ed. São Paulo: HEMUS, 1976.

COSERIU, E. Sistema, norma y habla. In: _____. Teoria del lenguaje y lingüística general. Cinco estúdios. 3ed. Madrid: Editorial Gredos, 1978. p. 11-113.

MEA, G. Dizionario italiano-portoghese. Porto: Porto, 1989.

PARLAGRECO, C. Dizionario portoghese-italiano, italiano-portoghese. 5. ed. São Paulo: Martins fontes, 1990.

POLITO, A. G. - MICHAELIS - pequeno dicionário italiano-português, português-italiano. São Paulo: Melhoramentos, 1993.

SABINO, M. A. Dicionário italiano–português de falsos cognatos e cognatos enganosos: subsídios teóricos e práticos. Araraquara, Tese (Doutorado em Letras: Lingüística e Língua Portuguesa) - Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista, 2002, 345p.

SPINELLI, V. & CASASANTA, M. Dizionario completo italiano-portoghese (brasiliano) e portoghese (brasiliano)-italiano. Parte prima italiano-portoghese (brasiliano). Milão: Ulrico Hoepli, 1983.

ZANICHELLI, ED. Dizionario essenziale portoghese-italiano e italiano-portoghese. Bologna: Zanichelli – Holtkamp & Whitlam Ltd, 1991.

ZINGARELLI, N. Lo Zingarelli 2000: vocabolario della Lingua Italiana (com CD-ROM). 12. ed. Bologna: Zanichelli, 1999.

Downloads

Publicado

2015-12-16

Como Citar

SABINO, M. A.; DEVECCHI, M. G. Substantivos e verbos da língua italiana em contraste com o português: Reflexões para uma pedagogia dos vocábulos heterotônicos. Cadernos de Estudos Linguísticos, Campinas, SP, v. 57, n. 2, p. 131–140, 2015. DOI: 10.20396/cel.v57i2.8642397. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/cel/article/view/8642397. Acesso em: 28 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos