Ethos da riqueza

caráter e corporalidade da “musa das finanças”, Nathalia Arcuri

Palavras-chave: Análise do discurso, Ethos, Subjetividade.

Resumo

O artigo desenvolve uma reflexão sobre o ethos discursivo construído (e em construção) por Nathalia Arcuri em seu canal do YouTube, Me Poupe!. Com respaldo no quadro teórico-metodológico da Análise do Discurso francesa, as análises de três vídeos buscam compreender os dispositivos de enunciação que tornam possível a emergência de discursos que legitimam a imagem da especialista em finanças. É destacado o conceito de ethos discursivo, conforme reelaborado por Maingueneau, revelador do caráter e corporalidade que moldam os discursos na mesma intensidade que os “conteúdos” que estes veiculam. O ethos da educadora de pulso firme, guerreira e elaboradora de autoestima sinaliza a construção de uma subjetividade forte, tratada aqui em sua complexidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Érika de Moraes, Universidade Estadual Paulista

Doutora em Linguística. Docente na Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação e no Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos do IBILCE-Unesp.

Referências

AMOSSY, Ruth. (Org.) Imagens de si no discurso – a construção do ethos. Trad. de Dilson F. da Cruz, Fabiana Komesu e Sírio Possenti. São Paulo, Editora Contexto, 2005.

ARCURI, Nathalia. (em depoimento a Sibelle Pedral) Me poupe! 10 passos para nunca mais faltar dinheiro no seu bolso. Rio de Janeiro: Sextante, 2018.

BIRMAN, Joel. O sujeito na contemporaneidade. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2012.

KAHNEMAN, Daniel. Rápido e devagar. Duas formas de pensar. Trad. de Cássio de Arantes Leite. Rio de Janeiro: Objetiva, 2011.

MAINGUENEAU, Dominique. Novas tendências em análise do discurso. Trad. Freda Indursky. 3. ed. Campinas (SP): Pontes/Editora da Unicamp, [1987] 1997.

MAINGUENEAU, Dominique. Análise de textos de comunicação. Trad. de Cecília P. de Souza-e-Silva e Décio Rocha. São Paulo: Cortez, 2000.

MAINGUENEAU, Dominique. Ethos, cenografia, incorporação. Trad. de Sírio Possenti. In: AMOSSY, R. (Org.) Imagens de si no discurso – a construção do ethos. São Paulo: Contexto, pp. 69-92, 2005.

MAINGUENEAU, Dominique. Discurso literário. Trad. de Adail Sobral. São Paulo: Contexto, 2006.

MAINGUENEAU, Dominique. Les termes clés de l’analyse du discours. Essais. Paris: Éditions du Seuil, 2009.

MAINGUENEAU, Dominique. Retorno crítico à noção de ethos. Trad. de M. G. Corrêa di Fanti. Revista Letras de Hoje. PUCRS. V.53, n. 3, p. 321-330, jul. set. 2018.

MORAES, Érika de. Paixão Pagu - o ethos em uma autobiografia. In: MOTTA. A.R. e SALGADO, L. Ethos discursivo. São Paulo: Editora Contexto, 2008.

MORAES, Érika de. Mona Lisa: sentidos múltiplos de um sorriso enigmático. Revista DELTA. Documentação de Estudos em Linguística Teórica e Aplicada (PUCSP. Impresso), v. 29, p. 443 - 465. 2013.

MOTTA, Ana Raquel e SALGADO, Luciana. Ethos discursivo. São Paulo: Editora Contexto, 2008.

PÊCHEUX, Michel. Análise automática do discurso. In: GADET, F. & HAK, T. (Org.) Por uma análise automática do discurso: uma introdução à obra de Michel Pêcheux. 3 ed. Trad. de Eni P. Orlandi. Campinas: Editora da Unicamp, p. 61-161. [1969] 1990.

PÊCHEUX, Michel. e FUCHS, Catherine. A propósito da análise automática do Discurso: atualização e perspectivas. Trad. de Péricles Cunha. 3 ed. In: GADET, F. & HAK,T. (Org.) Por uma análise automática do discurso: uma introdução à obra de Michel Pêcheux. Campinas: Ed. da Unicamp, p. 163-252. [1975] 1990.

ROUDINESCO, Elisabeth. Por que a psicanálise? Trad. de Vera Ribeiro. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2000.

Publicado
2019-08-15
Como Citar
Moraes, Érika de. (2019). Ethos da riqueza. Cadernos De Estudos Lingüísticos, 61, 1-17. https://doi.org/10.20396/cel.v61i0.8654838
Seção
Dossiê Ethos discursivo em diversas dimensões