Sobre o nascer palhaço

Palavras-chave: Palhaço. Corpo. Alteridade.

Resumo

Nesse artigo narro o nascimento do palhaço Verde Gaia Filho. Para tanto, aproprio-me da noção de biografema e discurso amoroso de Roland Barthes, bem como da noção de contágio presente em Artaud. Além de descrever alguns aspectos pontuais de minha experiência no encontro contagioso com o palhaço, o objetivo é aprofundar alguns de seus princípios e perceber como sua lógica se expressa de forma intensa no corpo daquele que o experiencia, constituindo-o como uma alteridade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Silveira, Instituto Federal de Santa Catarina
Ator profissional, palhaço e biólogo. Mestre e Doutor em Educação (UFSC). Professor de Biologia no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC). Líder do Grupo de Pesquisa "Textualidades babélicas" e integrante do grupo de pesquisa "Coletivo Tecendo".

Referências

ARTAUD, Antonin. O teatro e seu duplo. Trad. Teixeira Coelho. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2006. 173p. (Tópicos). ISBN 85-336-2285-6.

BARTHES, Roland. Fragmentos de um discurso amoroso. Trad. Márcia Valéria Martinez de Aguiar. São Paulo: Martins Fontes, 2003. 343p. (Coleção Roland Barthes). ISBN 85-336-1789-5.

BÖLL, Heinrich. Pontos de vista de um palhaço. Trad. Paulo Soethe. São Paulo: Estação Liberdade, 2008. 304p. ISBN 978-85-7448-145-6.

COSTA, Luciano Bedin da. Estratégias biográficas: o biografema com Barthes, Deleuze, Nietzsche e Henry Miller. Porto Alegre: Sulinas, 2011. 175p. ISBN 978-85-205-0623-3.

COUTO, Mia. E se Obama fosse africano?: e outras interinvenções. São Paulo: Companhia das Letras, 2011. 202p. ISBN 978-85-359-1936-3.

COUTO, Mia. Cada homem é uma raça: contos. São Paulo: Companhia das Letras, 2013. 198p. ISBN 978-85-359-2252-3

FÉRAL, Josette. Encontros com Ariane Mnouchkine: erguendo um monumento ao efêmero. Trad. Marcelo Gomes. São Paulo: Editora SENAC São Paulo: Edições SESC SP, 2010. 163p. ISBN 978-85-396-0005-2.

JÓDAR, Francisco; GÓMEZ, Lucía. Devir-criança: experimentar e explorar outra educação. Educação & Realidade. Porto Alegre, v. 27, n. 2, 2002. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/educacaoerealidade/article/view/25914. Acesso em: 21 out. 2016.

LIBAR, Marcio. A nobre arte do palhaço. Rio de Janeiro: Edição do Autor, 2008. 209p. ISBN 978-85-907996-0-3 .

MERLEAU-PONTY, Maurice. Merleau-Ponty na Sorbonne: resumo de cursos: 1949-1952. Trad. Constança Marcondes Cesar e Lucy Moreira Cesar. Campinas: Papirus, 1990. 317p. ISBN 85-308-0127-X.

MERLEAU-PONTY, Maurice. Fenomenologia da percepção. Trad. Carlos Alberto Ribeiro de Moura. São Paulo: Martins Fontes, 2006. 662p. (Tópicos). ISBN 85-336-2293-7.

MERLEAU-PONTY, Maurice. A prosa do mundo. Trad. Paulo Neves. São Paulo: Cosac Naify, 2012. 249p. ISBN 978-85-405-0164-5.

MILLER, Henry. O sorriso ao pé da escada. Trad. Vera Teixeira Soares. Rio de Janeiro: Salamandra, 1979. 47p.

POSSOLO, Hugo. Palhaço-bomba. São Paulo: Parlapatões, 2009. 165p. ISBN 978-85-61956-01-1.

PUCCETTI, Ricardo. No caminho do palhaço. In: Revista do Lume. Campinas, n.7, p.119-124, jul/2009.

Publicado
2017-07-21
Como Citar
Silveira, E. (2017). Sobre o nascer palhaço. Conceição|Conception, 6(1), 133-156. https://doi.org/10.20396/conce.v6i1.8648649
Seção
Artigos Temáticos