Voleibol sentado: do conhecimento à iniciação da prática

  • Camila Lopes Carvalho Universidade Estadual de Campinas
  • Paulo Ferreira Araújo Universidade Estadual de Campinas
  • José Irineu Gorla Universidade Estadual de Campinas
Palavras-chave: Voleibol sentado. Pessoa com deficiência. Esporte adaptado.

Resumo

As Paralimpíadas tem conquistado, a cada ano, maior espaço no cenário esportivo mundial. Dentre as modalidades paralímpicas destaca-se o voleibol sentado - um esporte, incluído oficialmente nestes Jogos em 1980, destinado às pessoas com deficiência física (amputações e Les Autres). O Brasil teve sua primeira participação paralímpica nesta modalidade apenas em Pequim, em 2008. Considerando essa prática recente, esta pesquisa tem por objetivo reunir materiais bibliográficos sobre o voleibol sentado propondo um método de iniciação à sua prática. Para isso foi realizada uma revisão bibliográfica utilizando dados impressos e eletrônicos da base de dados da Universidade Estadual de Campinas. Observa-se com essa pesquisa que, apesar da grande escassez literária sobre o tema, há semelhanças nos aspectos técnico-táticos entre o voleibol sentado e o convencional, possibilitado uma opção de trabalho aos profissionais de educação física. Espera-se, com esse trabalho, contribuir para a propagação do conhecimento a respeito do voleibol sentado, oferecendo subsídios para que o profissional de educação física possa explorá-lo e desenvolve-lo, tornando-o accessível e proporcionando mais uma opção de prática para as pessoas com deficiência. PALAVRAS-CHAVE: Voleibol Sentado; Pessoa com Deficiência; Esporte Adaptado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Camila Lopes Carvalho, Universidade Estadual de Campinas
Mestrado em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas, Brasil (2014). Estágio Docente da Universidade Estadual de Campinas, Brasil.
Paulo Ferreira Araújo, Universidade Estadual de Campinas
Orientador de Mestrado | Orientador de Doutorado Doutorado em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas, Brasil (1997). Professor Titular da Universidade Estadual de Campinas, Brasil.
José Irineu Gorla, Universidade Estadual de Campinas
Orientador de Mestrado | Orientador de Doutorado Doutorado em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas, Brasil(2004). Livre Docente da Universidade Estadual de Campinas, Brasil.

Referências

WINNICK, J. P. Educação física e esportes adaptados. 3. ed. Barueri: Manole, 2004. 552 p.

CPB. Comitê Paraolímpico Brasileiro. Disponível em: http://www.cpb.org.br. Acesso em: 12 nov. 2009.

WOVD. World Organization Volleyball for Disabled. Disponível em: http://www.wovd.info. Acesso em: 20 jun. 2010.

VUTE, R. Teaching and coaching volleyball for the disabled: foundation course handbook. 2. ed. Ljubljana: Faculty of Education, 2009. 58 p.

VUTE, R. Self-perception of national team coaches in volleyball for the disabled. In: Gymnica, Olomouc, v. 35, n.1, p. 69 – 77, 2005. Disponível em: http://www.gymnica2.upol.cz/gymnica-35_1.pdf#page=69. Acesso em: 16 mar 2010.

MUSTAFINS, P.; et al. Rate and type of participation limiting health disorders in sitting volleyball players (Health disorders in Sitting Volleyball players). In: Papers on Anthropology XVIII, University of Tartu Centre, p. 233-247, 2008.

MACEDO, C. D. Análise das características do jogo de Voleibol Sentado a partir da recepção do serviço. 2005. 139 f. Dissertação (Mestrado em Ciência do Desporto) - Faculdade de Ciência do Desporto e Educação Física, Universidade do Porto, Porto, 2005.

ALMEIDA, V. A. Estrutura interna do jogo de voleibol: estudo comparativo entre o nível de eficácia no ataque dos jogadores zona 2 e zona4. 2009. 45f. Dissertação (Licenciado em Educação Física) - Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física, Universidade de Coimbra, Coimbra, 2009.

ARAÚJO, P. F. Desporto adaptado no Brasil: origem, institucionalização e atualidade. Brasília: INDESP, 1998. 147 p.

BRITTAIN, I. The Paralympic Games explained. New York: Routledge, 2010. 172 p.

TAJNIK, M. Diferenças entre o voleibol e o voleibol sentado. 2009. 69 f. Tese (Educação Física Especial) - Faculdade de Desporto, Universidade de LJUBLJANI, LJUBLJANI, 2009. (tradução nossa).

GIOIA, F. M.; SILVA, P. F. R.; PEREIRA, E. G. B. Voleibol sentado: uma reflexão bibliográfica e histórica. In: Revista Digital Lecturas: Educación Fisica Y Desportes, Buenos Aires, v. 13, n° 125, out. 2008. Disponível em: http://www.efdeportes.com.ar. Acesso em 20 set. 2009.

DEPAUW, K. P.; GAVRON, S. J. Disability and sport. Champaign: Human Kinetics, 1995. 298 p.

SHERRILL, C. Leadership training in adapted physical education. Illinois: Human Kiinetics, 1988. 512 p.

GARGANTA, J. Para uma teoria dos jogos desportivos coletivos. In: GRAÇA, A.;

ZERGER, M. A Study of movement in sitting-volleyball. 2008. 52 f. Dissertação (Mestrado em Cinesiologia e Estudos de Saúde) - Jackson College of Graduate Studies, University of Central Oklahoma, Edmond, 2008.

TAVARES, F. O processamento da informação nos jogos desportivos. In: GRAÇA, A.;

PIROLO, A. L.; PIROLO, D. O voleibol e sua metodologia. In: Semana da Educação Física, 3., 1998, Maringá. Trabalho de revisão de literatura. Maringá: Universidade Estadual de Maringá, 1998. Disponível em: http://www.bwnet.com.br/~affp/links_arq/mv_uem_1998.pdf. Acesso em 06 mai. 2010.

BIZZOCCHI, C. O voleibol de alto nível: da iniciação a competição. 3. ed. Barueri: Manole, 2008. 328 p.

GUILHERME, A.Voleibol a beira da quadra: conhecimentos úteis aos dirigentes, treinadores e atletas. São Paulo: Gráfica Aimores, 1975. 36 p.

DARIDO, S. C.; SOUZA JÚNIOR, O. M. de. Para ensinar educação física: possibilidades de intervenção na escola. Campinas: Papirus, 2007. 349 p.

BOJIKIAN, J. C. M. Ensinando voleibol. 2. ed. São Paulo: Phorte, 2003. 183 p.

SANTINI, J. Voleibol escolar: da iniciação ao treinamento. Canoas: Ed. ULBRA, 2007. 148 p.

RODRIGUES, L. Voleibol – O sistema de jogo. In: Revista Horizonte, v. 6, n. 36, p. 194-197; mar/abr. 1990.

LUCIANO, S. D. Importância do Jogador Libero nas acções ofensivas no Jogo de Voleibol: Estudo da prestação do Jogador Libero em equipas participantes da Liga Mundial de Voleibol 2004/2005. 2006. 123 f. Dissertação (Mestrado em Ciências do Desporto) - Faculdade do Desporto, Universidade do Porto, Porto, 2006.

MOLIK, B.; KOSMOL, A.; SKUCAS, K. Sport – specific and general sporting physical fitness of sitting volleyball athletes. In: Physiotheraphy, Warszawa, v.4, n. 16, p. 68-75, 2008. Disponível em: http://journals.indexcopernicus.com/abstracted.php?icid=882236. Acesso em 14 ago. 2010.

Publicado
2013-06-17
Como Citar
Carvalho, C. L., Araújo, P. F., & Gorla, J. I. (2013). Voleibol sentado: do conhecimento à iniciação da prática. Conexões: Educação Física, Esporte E Saúde, 11(2), 97-126. https://doi.org/10.20396/conex.v11i2.8637619
Seção
Artigo de Revisão

Artigos mais lidos pelo mesmo (s) autor (es)

1 2 > >>