Banner Portal
Frequência de lesões desportivas em aulas de educação física do ensino fundamental em Campinas/SP
PDF

Palavras-chave

Educação física e treinamento
Estudantes
Traumatismos em atletas

Como Citar

DEL VECCHIO, F. B.; SEUS, T. L.; DEL VECCHIO, A. H. M.; SILVA, M. C. da. Frequência de lesões desportivas em aulas de educação física do ensino fundamental em Campinas/SP: estudo observacional retrospectivo. Conexões, Campinas, SP, v. 15, n. 1, p. 2–12, 2017. DOI: 10.20396/conex.v15i1.8646003. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8646003. Acesso em: 27 fev. 2024.

Resumo

O presente estudo teve o objetivo de verificar a frequência, tipologia e fatores associados à lesões desportivas (LD) em aulas de educação física (EF) do ensino fundamental. Conduziu-se estudo transversal com 549 estudantes de 10 à 16 anos de idade de escolas públicas e privadas do município de Campinas, São Paulo, os quais responderam inquérito de morbidade referida (IMR) sobre LD mais importantes nos últimos dois anos em aulas de EF. A prevalência de LD foi de 32,2%, sendo a maioria no plano epidérmico (27,7%), nos membros inferiores (45,7%) e com elevada contribuição dos jogos desportivos coletivos (70,6%). Considerando rede de ensino (público/privado), não houve diferença no tipo de lesão. Dos alunos que se lesionaram 36,8% visitaram médicos e 22,4% consumiram remédios.

https://doi.org/10.20396/conex.v15i1.8646003
PDF

Referências

AZEVEDO, Mario Renato et al. Tracking of physical activity from adolescence to adulthood: a population-based study. Revista de Saúde Pública, São Paulo, v. 41, n. 1, p. 69-75, 2007.

BERNARDES, Emerson Luiz; MACIEL, Francisco Araújo; DEL VECCHIO, Fabrício Boscolo. Primeiros socorros na escola: nível de conhecimento dos professores da cidade de Monte Mor. Movimento e Percepção, Espírito Santo do Pinhal, v. 8, n. 11, p. 289-306, 2007.

BETTI, Mauro; LIZ, Marlene Terezinha Faco. Educação Física escolar: a perspectiva de alunas do ensino fundamental. Motriz, Rio Claro, v. 9, n. 3, p. 135-142, 2003.

CARMELI, E. et al. Sport injuries in students aged 12-18 during physical education classes in Israel. Biology of Sport, v. 20, n. 4, p. 271-280, 2003.

COLLARD, Dorine C. M. et al. Economic burden of physical activity–related injuries in dutch children aged 10-12. British Journal of Sports Medicine, Loughborough, v. 45, n. 13, p. 1058-1063, oct. 2011.

DEL VECCHIO, Fabricio Boscolo. Atividade física e educação física escolar. Revista Brasileira de Atividade Física e Saúde, Londrina, v. 16, n. 1, p. 78-79, 2011.

DEL VECCHIO, Fabricio Boscolo; GONÇALVES, Aguinaldo. Epidemiologia descritiva das lesões desportivas. RBM: revista brasileira de medicina, São Paulo, v. 69, n. 11, p. 323-327, 2012.

FORTES, Milena de Oliveira et al. A educação física escolar na cidade de Pelotas-RS: contexto das aulas e conteúdos. Revista de Educação Física UEM, Santa Maria, v. 23, n. 1, p. 69-78, 2012.

GHIROTTO, Flávia Maria Serra; PADOVANI, Carlos Roberto; GONÇALVES, Aguinaldo. Lesões desportivas: estudo junto aos atletas do XII Campeonato Mundial Masculino de Voleibol. Arquivos Brasileiros de Medicina, Rio de Janeiro, v. 68, n. 5, p. 307-312, 1994.

GREIER, Klaus; RIECHELMANN, Hebert. Frequency, nature and distribution of school sport injuries at different types of schools. Sportverletz Sportschaden, v. 26, n. 4, p. 212-217, 2012.

KELM, J. et al. Gender-specific differences in school sports injuries. Sportverletzt Sportschaden, v. 18, n. 4, p. 179-184, 2004.

LIBERAL, Edson Ferreira et al. Escola segura. Journal of Pediatrics, Saint Louis, v. 81, n. 5, p. 155-163.

NEGRETE, Rodney; SCHICK, Elizabeth A.; COOPER, Joshua P. Lower limb dominance as a possible etiologic factor in noncontact anterior cruciate ligament tears. Journal of Strength and Conditioning Research, Colorado Springs, v. 21, n. 1, p. 270-273, 2007.

PASTRE, Carlos Marcelo et al. Sports injuries in track and field: comparison between information obtained in medical records and reported morbidity inquires. Revista Brasileira de Medicina do Esporte, Niterói, v. 8, n. 4, p. 9-15, 2002.

SOUZA, M. et al. Referring to judo’s injuries in Sao Paulo State Championship. Science & Sports, v. 21, n. 5, p. 280-284, 2006.

STONE, Mike et al. Stretching: acute and chronic? the potential consequences. Strength and Conditioning Journal, Colorado Springs, v. 28, n. 6, p. 66-74, 2006.

VERHAGEN, Evert et al. A prospective cohort study on physical activity and sports-related injuries in 10-12-year-old children. British Journal of Sports Medicine, v. 43, n. 13, p. 1031-1035, 2009.

WANG, Kuo-Ming; HUANG, Yi-Ching. Knowledge and needs for prevention and management of sports injury among high/vocational school students in Taiwan. International Journal of Sport and Health Science, v. 4, n.1, p. 286-297, 2006.

WETTERHALL, Scott F. et al. Medical care delivery at the 1996 Olympic Games. Journal of American Medical Association, v. 279, n.18, p.1463-1468, 1998

O periódico Conexões: Educação Física, Esporte e Saúde utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.