Memórias de um esgrimista

entrevista com o campeão paralímpico Jovane Guissone

Autores

DOI:

https://doi.org/10.20396/conex.v14i2.8646044

Palavras-chave:

História do esporte, Memória esportiva, Esporte paralímpico, Esgrima em cadeira de rodas

Resumo

O presente texto apresenta o registro de uma entrevista realizada com o atleta Jovane Guissone, primeiro brasileiro a conquistar uma medalha em Jogos Paralímpicos na esgrima em cadeira de rodas. O atleta sul-rio-grandense treina em Porto Alegre e faz parte da equipe da Associação de Servidores da Área de Segurança Portadores de Deficiência. Por meio da entrevista, buscamos conhecer sua história no esporte, destacando-se o envolvimento com a prática da esgrima, as condições de treinamento, a participação nos Jogos Paralímpicos de 2012, a conquista da medalha inédita e, por fim, evidenciar como o atleta percebe o esporte paralímpico no Brasil.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Klein Carmona, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano (PPGCMH) da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança (ESEFID) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), na linha de pesquisa Representações Sociais do Movimento Humano. Mestre em Ciências do Movimento Humano (PPGCMH/UFRGS). Bacharel em Educação Física (ESEFID/UFRGS). Licenciado em Educação Física (ESEFID/UFRGS). Membro do Núcleo de Estudos em História do Esporte e da Educação Física (NEHME/UFRGS). Membro da Academia Paralímpica Brasileira. Áreas de atuação e pesquisa: metodologia do ensino dos esportes, esportes coletivos, esportes adaptados e paralímpicos, voleibol, educação física escolar, educação física infantil, estudos socioculturais em educação física e esportes, recreação e lazer. Professor substituto de Educação Física do Colégio de Aplicação da UFRGS.

Josiana Ayala Ledur, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano da Escola de Educação Física Fisioterapia e Dança(ESEFID) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), na linha Representações Sociais do Movimento Humano. Pós-Graduada em Envelhecimento e Qualidade de Vida pela Escola de Educação Física (ESEF) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Graduada em Educação Física Licenciatura pela ESEF/UFRGS. Membro do Núcleo de Estudos em História do Esporte e da Educação Física (NEHME/UFRGS). Experiência na área de pesquisa em Educação Física, com ênfase na História do Esporte, da Educação Física, e Esporte Paralímpico.

Janice Zarpellon Mazo, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professora dos Curso de Educação Física e do Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano da UFRGS. Doutora em Ciências do Desporto pela Universidade do Porto (UP).

Referências

NAZARETH, Valber L.; DUARTE, Edison. Esgrima em cadeira de rodas. In: MELLO, Marco Túlio; WINCLER, Ciro. (Org.). Esporte paralímpico. São Paulo: Atheneu, 2012. p. 105-114.

ALBERTI, Verena. História dentro da história. In: PINSKY, Carla Bassanezi. (Org.). Fontes históricas. São Paulo: Contexto, 2010. p. 155-220.

Downloads

Publicado

2016-08-02

Como Citar

CARMONA, E. K.; LEDUR, J. A.; MAZO, J. Z. Memórias de um esgrimista: entrevista com o campeão paralímpico Jovane Guissone. Conexões, Campinas, SP, v. 14, n. 2, p. 165-175, 2016. DOI: 10.20396/conex.v14i2.8646044. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/conexoes/article/view/8646044. Acesso em: 27 out. 2020.

Edição

Seção

Entrevista

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)