Educação e as associações sindicais em Sorocaba no início do século XX

Autores

  • Jefferson Carriello do Carmo Universidade Católica Dom Bosco – UCDB

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v10i39.8639719

Palavras-chave:

Socialistas. Anarcossindicalista. Educação. Política. Trabalho. Industrialização

Resumo

O objetivo do texto foi verificar, através das associações sindicais na cidade de Sorocaba, entre o final do século XIX inicio do século XX, a questão da educação no contexto do processo de industrialização e da imigração. Num primeiro momento verificou-se a inserção das correntes socialista e anarcossindicalista, na cidade de Sorocaba e suas contribuições para organização e formação do operariado sorocabano. Quanto a imigração, constatou-se que essa propiciou ao operariado, através de novas idéias, o impulso para a organização operária em sindicatos, onde se processava a luta de classe e a conquista pelo direito a educação. Por fim, constatou-se que a consciência sobre a educação estava norteada pelos ideais libertários, cuja referência está na educação integral e a transformação social através das formas institucionalizadas de instrução operária.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jefferson Carriello do Carmo, Universidade Católica Dom Bosco – UCDB

Professor/pesquisador da Universidade de Sorocaba - UNISO.

Referências

ALMEIDA, Aluísio de. Sorocaba: 3 séculos de história. Itu, SP: Otton, 2002

ANDREUCCI, Franco. “A difusão e a vulgarização do marxismo”. In: HOBSBAWM, Eric et. al. História do marxismo: o marxismo da época da segunda Internacional. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1989. Vol. II

ARAÚJO NETO, Adalberto Coutinho de. Sorocaba operária: ensaio sobre o início do movimento operário em Sorocaba 1897-1920. Sorocaba, SP: LINC, 2005

BAKUNIN, Mikhail. A instrução integral. São Paulo, Imaginário, 2003

BARRUÉ, Jean. “Bakunin e a educação”. In: BAKUNIN, Mikhail. A instrução integral. São Paulo, Imaginário, 2003

BONADIO, Geraldo. Sorocaba: a cidade industrial. (Espaço urbano e vida social sob o impacto da atividade fabril). Sorocaba, SP: do autor, 2004

BONADIO, Geraldo. O Partido Democrata Social e o jornal “A conquista do Bem, 1897”. Sorocaba: Academia sorocabana de Letras, 1992

CARMO, Jefferson Carriello do. A fábrica têxtil em Sorocaba, imprensa operária e educação nos anos de 1889-1914. Ideação. Unioeste, Campus Foz do Iguaçu. V. 8 - no 9, p. 23-37, 2006

CARVALHO, Rogério Lopes Pinheiro de. O Operário, edição fac-similar. Sorocaba, SP: Crearte, 2007

CAVALHEIRO, Carlos Carvalho. Salvadora!. Sorocaba, SP: Linc, 2001

HARDMAN, Foot; LEONARDI, Victor. História da indústria e do trabalho no Brasil: das origens aos anos 20. 2.ed. rev. São Paulo: Ática, 1991

KOVAL, Boris. História do proletariado brasileiro 1857 a 1967. São Paulo: Alfa-Omega, 1982

MARTINS, José de Souza. O cativeiro da terra. 2. ed. São Paulo: LECH, 1981

PINHEIRO, Paulo Sérgio; HALL, Michael M.. A classe operária no Brasil, 1989-1930. São Paulo: Alfa-Omega, 1979

RIBEIRO, Maria Alice Rosa. Condições de trabalho na indústria têxtil paulista (1870-1930). São Paulo: Hucitec; UNICAM, 1998

RODRIGUES, Edgar. Socialismo e sindicalismo no Brasil (1675-1913). Rio de Janeiro: Laemmert, 1969

RODRIGUES, Leôncio Martins. Sindicalismo e sociedade. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 1968

SILVA, Sergio. Expansão cafeeira e origens da indústria no Brasil. São Paulo: Alga Omega, 1976

Downloads

Como Citar

CARMO, J. C. do. Educação e as associações sindicais em Sorocaba no início do século XX. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 10, n. 39, p. 91–103, 2012. DOI: 10.20396/rho.v10i39.8639719. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8639719. Acesso em: 28 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos