Aspectos históricos da formação de professores primários em Santarém no século XX: o legado das escolas Álvaro Adolfo da Silveira, Santa Clara e São José

Autores

  • Paula de Souza Ferreira Universidade Federal do Oeste do Pará
  • Solange Helena Ximenes Rocha Universidade Federal do Oeste do Pará
  • Maria de Fátima Matos de Souza Universidade Federal do Oeste do Pará

DOI:

https://doi.org/10.20396/rho.v15i62.8640500

Palavras-chave:

Formação docente. História da educação. História das instituições escolares

Resumo

Os primeiros registros da história da educação no município de Santarém datam dos anos finais do século XVIII, quando foi fundada a primeira escola primária masculina. No entanto, estes registros não estão acompanhados da história da formação de professores. Este trabalho pretende entender a formação de professores do município de Santarém no século XX, a partir de pesquisa com fontes iconográficas e documentais relativas aos cursos normais implantados no Colégio Santa Clara, Escola São José e Colégio Álvaro Adolfo da Silveira. Como metodologia adotou-se a Pesquisa Documental com análise dos seguintes documentos: resoluções, portarias, planos curriculares, matrizes curriculares, atas de formatura, decretos, pareceres. Os dados indicam a forte presença da Igreja Católica e do Governo do Estado na implantação de instituições educacionais em Santarém, todavia a participação do estado intensificou-se após a segunda metade do século XX quando observou-se maior carência de pessoal qualificado para atuar nas escolas da região.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paula de Souza Ferreira, Universidade Federal do Oeste do Pará

Universidade Federal do Oeste do Pará

Solange Helena Ximenes Rocha, Universidade Federal do Oeste do Pará

Professora adjunta da Universidade Federal do Oeste do Pará

Maria de Fátima Matos de Souza, Universidade Federal do Oeste do Pará

Professora Adjunta da Universidade Federal do Pará, Curso de Educação do Campo da Faculdade de Etnodiversidade, Campus de Altamira.

Referências

ABNT. Associação Brasileira de Normas Técnicas. 3a edição – Rio de Janeiro – 2011.

ALMEIDA, Critóvão Domingos de; GUINDANI, Joel Felipe e SÁ-SILVA, Jackson Ronie. Pesquisa documental: pistas teóricas e metodológicas. Revista Brasileira de História & Ciências Sociais, Ano I-Número I- Julho de 2009.

ALMEIDA, Critóvão Domingos de; GUINDANI, Joel Felipe e SÁ-SILVA, Jackson Ronie. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, Lei no 5.692, de 11 de Agosto de 1971. Brasília – DF.

BRASIL. MEC. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, Lei no 9.394 de 20 de dezembro de 1996. Brasília – DF.

BRASIL. MEC. Plano Nacional de Educação. Brasília – DF.

COLARES, Anselmo Alencar. A história da educação em Santarém: das origens ao fim do Regime Militar (1661-1985). Santarém – Instituto Cultural Boanerges Sena 2005.

COLARES, M. L. I. S. Panorama da Educação em Santarém. Revista HISTEDBR on line. Campinas – São Paulo, n.23. p. 95-113, set 2006.

COWEN, Robert e FIGUEREDO, Maria C.M. Modelos de cursos de formação de professores e mudanças em políticas: um estudo sobre o Brasil. Disponível em http://www.schwartzman.org.br/simon/desafios/6professores.pdf. Acessado em 06/05/11, às 16:22 h.

FIGUEREDO, Nébia Maria Almeida. Método e metodologia na pesquisa científica. 3a Edição, São Caetano do Sul – São Paulo: Yendis Editora, 2008.

FONSECA, Wilde Dias da. SANTARÉM: Momentos Históricos. 4a edição, Gráfica e Editora Tiagão, Santarém – 1996.

FRANCISCO FILHO, Geraldo. A Educação Brasileira no Contexto Histórico. Campinas - São Paulo, editora Alínea, 2a edição, 2004.

PILETTI, Nelson. História da Educação no Brasil. Alínea Editora, 2a edição, Campinas – São Paulo, 2004.

RANGHETTI, Diva Spezia. Políticas de formação inicial dos professores no Brasil: dos Jesuítas às Diretrizes da Pedagogia. Revista @mbienteeducação, v. 1, no1-Janeiro a Julho de 2008 - São Paulo.

SAVIANI, Demerval. Formação de professores: aspectos históricos e teóricos do problema no contexto brasileiro. Revista Brasileira de Educação, v.14, no40Campinas-São Paulo, 2009.

TANURI, Leonor Maria. História da Formação de Professores. Revista Brasileira de Educação, no14, São Paulo, 2000.

VICENTINI, Paula Perin e LUGLI, Rosario Genta. História da profissão docente no Brasil: representações em disputa. São Paulo: Cortez, 2009.

VIEIRA, Alboni Marisa Dudeque Pianovski e GOMIDE, Angela Galizzi Vieira. História da formação de professores no Brasil: O primado das influências externas. Disponível em http:// www.pucpr.br/eventos/educere2008/anais/pdf/93_159. Acessado em 06/05/2011, às 16:07 h.

ZOTTI, Solange Aparecida. Organização do Ensino Primário no Brasil: Uma leitura da História do Currículo Oficial. Acessado em 17 de junho de 2011. Disponível em http://www.histedbr.fae.unicamp.br/navegando/artigos_frames/artigo_102.html.

Downloads

Como Citar

FERREIRA, P. de S.; ROCHA, S. H. X.; SOUZA, M. de F. M. de. Aspectos históricos da formação de professores primários em Santarém no século XX: o legado das escolas Álvaro Adolfo da Silveira, Santa Clara e São José. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 15, n. 62, p. 167–184, 2015. DOI: 10.20396/rho.v15i62.8640500. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8640500. Acesso em: 8 dez. 2021.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)