Financeirização do capital no ensino superior privado com fins lucrativos no Brasil (2007-2012)

Autores

  • Fábio Luciano Oliveira Costa Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

Educação. Ensino superior privado. Financeirização do capital. Mercadoria. Lucro.

Resumo

Este trabalho tem como objetivo central a pesquisa sobre o processo de financeirização do capital no ensino superior do setor privado com fins lucrativos no Brasil (2007-2012), por meio dos estudos das empresas educacionais Anhanguera Educacional Participações S.A., da Estácio Participações S.A. e da Kroton Educacional S.A. Com a revisão bibliográfica de trabalhos pertinentes ao tema, como livros, artigos, teses, dissertações e textos publicados em veículos de comunicação de massa, junto com os dados estatísticos disponibilizados principalmente por instituições governamentais e pelas empresas educacionais, almejou-se discutir a problemática, de forma crítica, e inserir novas contribuições teóricas para o debate educacional vinculado ao tema. Ainda que o assunto tenha despertado nos últimos anos a preocupação de um maior número de pesquisadores, as pesquisas sobre essa questão ainda são bastante insuficientes. Assim, a principal contribuição deste texto consistiu na análise da trajetória dos exercícios sociais delimitados para as três companhias, onde foi possível observar como, por exemplo, as novas estratégias de gestão corporativa; as suas inserções no mercado de ações; a participação de grandes fundos de investimentos (nacionais e estrangeiros); as pequenas melhorias na distribuição de renda no país nos últimos anos; bem como os incentivos governamentais como as bolsas de estudos e a renúncia fiscal permitiram um importante crescimento para todas elas. Além da introdução, que apresenta o trabalho, o texto conta com mais cinco partes. No capítulo 1, faz-se uma revisão sobre a legislação e a bibliografia associada ao ensino superior, com o foco no setor privado, desde o período do regime militar até a primeira metade dos anos de 2010. Em seguida, no capítulo 2, trabalha-se com os dados estatísticos para o ensino superior, com destaque para o setor privado no segmento particular, em especial depois da segunda metade dos anos de 1990, até o final dos anos 2000. Para o capítulo 3, discute-se a mercantilização para o nível de ensino, ao trazer para o debate a questão dos organismos internacionais; da qualidade; das políticas públicas para o financiamento estudantil, da renúncia fiscal e das bolsas de estudos no setor privado; além da financeirização do capital para o ensino superior do setor privado no segmento particular. O capítulo 4 introduz ao debate a questão da gestão corporativa para as três empresas educacionais, com a análise de alguns de seus documentos, bem como buscou caracterizar as três companhias, no período de 2007 a 2012, por meio de seus dados operacionais e financeiros, diante da consulta a uma série de documentos disponíveis nos seus endereços eletrônicos associados às relações com investidores. Por fim, as considerações finais apresentaram alguns dos principais resultados do trabalho. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fábio Luciano Oliveira Costa, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutor em Educação pela Universidade de São Paulo. Pos doutorando em Educação na Universidade Federal de Santa Catarina.

Referências

SANTOS. C. de A. A expansão da educação superior rumo à expansão do capital: interfaces com a educação a distância. 126p. Tese (Curso de Pós-Graduação em Educação) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2008.

SCHULTZ, T. W. O valor econômico da educação. Rio de Janeiro: Zahar Editora, 1967, 101p.

SILVA JR, J. dos R.; SGUISSARDI, W. Novas faces da educação superior no Brasil. 2ª Ed. São Paulo: Cortez; Bragança Paulista, SP: USF-IFAN, 2001, 279p.

Downloads

Publicado

2017-05-07

Como Citar

COSTA, F. L. O. Financeirização do capital no ensino superior privado com fins lucrativos no Brasil (2007-2012). Revista HISTEDBR On-line, Campinas, SP, v. 16, n. 70, p. 380–380, 2017. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/histedbr/article/view/8648385. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Resumo