Banner Portal
A pouca atratividade da carreira docente: um estudo sobre o exercício da profissão entre egressos de uma Licenciatura em Matemática
Remote

Palavras-chave

Licenciaturas. Formação de professores. Docência. Carreira docente. Licenciatura em matemática

Como Citar

SOUTO, Romélia Mara Alves; PAIVA, Paulo Henrique Apipe Avelar. A pouca atratividade da carreira docente: um estudo sobre o exercício da profissão entre egressos de uma Licenciatura em Matemática. Pro-Posições, Campinas, SP, v. 24, n. 1, p. 201–224, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8642669. Acesso em: 12 jul. 2024.

Resumo

Este artigo relata uma pesquisa sobre o perfil do professor egresso do curso de licenciatura em Matemática da Universidade Federal de São João del-Rei e aborda a questão da atratividade da carreira docente entre esses sujeitos, especialmente no magistério na educação básica pública. Professores de Matemática responderam a um questionário com perguntas objetivas e subjetivas e os dados obtidos foram analisados sob aspectos quantitativos e qualitativos. As análises revelaram preocupantes elementos sobre a atratividade e a permanência na docência e apontaram que quase a metade dos licenciados abandonou ou está prestes a abandonar o magistério. Confrontando os dados obtidos com os de outras pesquisas do gênero, chegamos à conclusão de que, até certo ponto, os entrevistados corroboram as estatísticas nacionais. Finalmente, alguns elementos sobre as raízes deste problema e alguns indícios sobre possíveis caminhos de superação são postos à reflexão.

Abstract

This article describes a survey about the profile of the teacher graduated in Mathematics by Universidade Federal de São João del-Rei and studies the attractiveness of the teaching career among these people, especially in public basic education. The Mathematics teachers answered a questionnaire with objective and subjective questions and the answers were analyzed in their qualitative and quantitative aspects. The analysis shows worrying elements regarding attractiveness and permanence in the teaching career and shows that almost half of the teachers have quit or are about to quit teaching. By comparing the data collected in this study to other similar surveys, we have concluded that, up to a certain extent, the interviewees corroborate the national statistics. Finally, some elements about the reasons for this problem as well as some clues on overcoming it are presented for reflection.

Key words Teaching training. Teachers’ education. Teaching. Teaching career. Teaching degree in mathematics

Remote

Referências

BRASIL. Escassez de Professores para o Ensino Médio: propostas estruturais e emergenciais – Relatório produzido pela comissão especial instituída para estudar medidas que visem a superar o déficit docente no Ensino Médio. Brasília: CNE/CEB, 2007. Disponível em: <http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/escassez1.pdf>. Acesso em: 25 maio 2011.

BRASIL . Estudo exploratório sobre o professor brasileiro com base nos resultados do Censo Escolar da Educação Básica 2007. Brasília: Inep, 2009. Disponível em: . Acesso em: 12 abr. 2010.

BRASIL. Plano Nacional de Educação 2011-2020. Disponível em: <http://www.camara.gov.br/sileg/integras/831421.pdf>. Acesso em: 22 maio 2011.

BUSSAB, W. O.; MORETTIN, P. A. Estatística Básica. 6. ed. São Paulo: Saraiva, 2009.

FANFANI, E. T. Consideraciones sociológicas sobre profesionalización docente. Educa- ção & Sociedade, Campinas, v. 28, n. 99, p. 335-354, maio/ago. 2007.

GATTI, B. A. et al. Atratividade da carreira docente no Brasil. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, 2009. Relatório de pesquisa.

GATTI, B. A.; SÁ BARRETO, E. S. Professores do Brasil: impasses e desafios. Brasília: UNESCO, 2009. 293p.

INEP/MEC . Censo Escolar – 2007.

INEP/MEC. Microdados ENADE – 2005. CD-ROM.

JESUS, S. N. Desmotivação e crise de identidade na profissão docente. Katálysis, v. 7, n. 2, p. 192-202, 2004.

LAPO, F. R.; BUENO, B. O. Professores, desencanto com a profissão e abandono do magistério. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, n. 118, p. 65-88, mar. 2003.

LUDKE, M.; BOING, L. A. Caminhos da profissão e da profissionalidade docentes. Educação & Sociedade, Campinas, SP, v. 25, n. 89, p. 1159-1180, set./dez. 2004.

SABADINI, A. Z. P.; SAMPAIO, M. I. C.; KOLLER, S. H. (Org.). Publicar em psicologia: um enfoque para a revista científica. São Paulo: Associação Brasileira de Editores Cientí- ficos de Psicologia/Instituto de Psicologia da USP, 2009.

SOUTO, R. M. A.; PAIVA, P. H. A. Alunos da Licenciatura que não querem ser professores: traços do perfil dos estudantes do curso de Matemática da Universidade Federal de São João del-Rei. In: ENCONTRO NACIONAL DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 10., 2010, Salvador-Ba. Anais...Salvador: Sociedade Brasileira de Educação Matemática, 2010. 1 CD.

TRIOLA, M. F. Introdução à Estatística. 10. ed. Rio de Janeiro: LTC, 2008.

VALLE, I. R. Carreira do magistério: uma escolha profissional deliberada? Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 87, n. 216, p. 178-187, ago. 2006.

Proposições utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.