A gestão democrática da educação em tempos de parceria entre o público e o privado

Autores

Palavras-chave:

Terceira Via. Parceria público/privado na educação. Políticas educacionais. Gestão democrática

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar a relação público/privado e suas consequências para a gestão democrática da educação. Apresenta o contexto atual, pois entende a inserção da lógica privada nas escolas públicas como parte de mudanças ocorridas, neste período particular do capitalismo, que redefinem o papel do Estado e as políticas sociais. Em termos gerais, concluiu-se que as relações entre o público e o privado se manifestam, no período atual, tanto no que se refere à alteração da propriedade quanto em relação ao que permanece na propriedade estatal, além de reorganizarem os processos educacionais na lógica do mercado.

 The aim of this article is to analyze the public-private relationship and its consequences for the democratic management of education. It presents the current scenario, as it sees the inclusion of the private logics in public schools as part of changes occurred in this particular period of the capitalism and which redefine the role of the State and social policies. Overall, it was concluded that the public-private relationship comes up during the current period in what refers to the change of ownership and also to what remains as the state ownership, besides reorganizing the educational processes under the logics of the market .

Key words: Third way. Public/private partnership in education. Educational policies. Democratic management

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vera Maria Vidal Peroni, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professora do Departamento de 
Estudos Especializados e do 
Programa de Pós-Graduação em 
Educação da FACED/UFRGS.
Licenciada em Pedagogia pela FISC 
(atual UNISC), Mestre em Educação 
pela UFMS e Doutora em Educação 
pela PUCSP.
Área de atuação: Estudos e 
Políticas Públicas de Educação

Referências

ADRIÃO, T.; PERONI, V. (Org.). O público e o privado na educação: interfaces entre estado e sociedade. São Paulo: Xamã, 2005.

BRASIL. Ministério da Administração e Reforma do Estado (MARE). Plano Diretor da Reforma do Aparelho de Estado. Brasília, 1995.

BRASIL. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Plano de Gestão do Governo Lula. Brasília, DF, 2003 BRASIL. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Carta de Brasília. Brasília, DF, 2009.

BRENNER, R. O princípio de uma crise devastadora. Vírus – Portal Esquerda.net, Portugal, n. 3, jun./jul. 2008. Disponível em: < http://www.esquerda.net/virus/media/virus3.pdf >.

BRESSER PEREIRA, L. C. A reforma do Estado dos anos 90 crise e reforma. Disponível em: <http://www.mare.gov.br/reforma>. Acesso em: 3 jun. 1997.

BUCHANAN, J.; MCCORMICK, R.; TOLLISON, R. El analisis economico de lo politico: lecturas sobre la teoria de la elección publica. Madrid: Instituto de Estudios Economicos, 1984.

CHESNAIS, F. (Org.) A finança mundializada. São Paulo: Boitempo, 2005.

CURY, C. J. A gestão democrática na escola e o direito à educação. Revista Brasileira de Política e Administração da Educação, v. 23, n. 3, p. 483-495, set./dez. 2007.

FONSECA, M. Projeto político pedagógico e o Plano de Desenvolvimento da Escola: duas concepções antagônicas de gestão escolar. Cadernos CEDES, v. 23, n. 61, p. 302-318, 2003. [online].

GIDDENS, A. A Terceira Via: reflexões sobre o impasse político atual e o futuro da socialdemocracia. Rio de Janeiro: Record, 2001.

GIDDENS, A. (Org.). O debate global sobre a Terceira Via. São Paulo: Editora Unesp, 2007.

HAYEK, F. O caminho da servidão. Rio de Janeiro: Livraria O Globo, 1983.

LUKÁCS, G. Introdução a uma estética marxista. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1978.

MÉSZAROS, I. Para além do Capital. São Paulo: Boitempo; Campinas: Editora da Unicamp, 2002.

MORAES, R. Neoliberalismo: de onde vem, para onde vai? São Paulo: Senac Editora, 2001. (Série ponto futuro, v. 6).

PERONI, V. M. V. Política educacional e papel do Estado no Brasil dos anos 90. São Paulo: Xamã, 2003.

PERONI, V. M. V. Mudanças na configuração do Estado e sua influência na política educacional. In: PERONI, V. M. V.; BAZZO, V. L.; PEGORARO, L. (Org.). Dilemas da educação brasileira em tempos de globalização neoliberal: entre o público e o privado. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2006.

PERONI, V. M. V. A democratização da educação em tempos de parcerias entre o público e o privado. Revista de Educação Pública – UFMT, v. 19, p. 215-227, 2010.

PERONI, V. M. V. Privatização do público versus democratização da gestão da educação. In: GOUVEIA, A.; PINTO, M.; CARBUCCI, P. Federalismo e políticas na efetivação do direito à educação no Brasil. Brasília: IPEA, 2011.

PERONI, V.; ADRIÃO, T. Programa Dinheiro Direto na Escola: uma proposta de redefinição do papel do Estado na educação? Brasília: INEP, 2007.

THOMPSON, E. P. A miséria da teoria ou um planetário de erros. Uma crítica ao pensamento de Althusser. Rio de Janeiro: Zahar, 1981.

WOOD, E. M. Democracia contra o capitalismo a renovação do materialismo histórico. São Paulo: Boitempo, 2003.

Downloads

Publicado

2016-01-12

Como Citar

PERONI, V. M. V. A gestão democrática da educação em tempos de parceria entre o público e o privado. Pro-Posições, Campinas, SP, v. 23, n. 2, p. 19–31, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8642884. Acesso em: 8 fev. 2023.

Edição

Seção

Dossiê