Banner Portal
Em defesa da leitura de textos históricos na formação de professores de ciências
Remote

Palavras-chave

Fotossíntese. Prática discursiva. Construção científica

Como Citar

OLIVEIRA, Odisséa Boaventura. Em defesa da leitura de textos históricos na formação de professores de ciências. Pro-Posições, Campinas, SP, v. 22, n. 1, p. 71–82, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8643280. Acesso em: 23 maio. 2024.

Resumo

Analisa-se neste artigo o trabalho com um texto que relata o histórico da construção do conceito “fotossíntese”, lido por alunos do curso de Ciências Biológicas, em que se solicitou o destaque daquilo que julgaram mais interessante no texto. Tomando a leitura como prática discursiva e mediante as respostas fornecidas, foi possível observar manifestações em relação ao desenvolvimento da ciência, no que se refere ao tempo para sua construção, à interação entre os conhecimentos, à relação com a tecnologia, à simplicidade do pensamento.

Abstract:

It is analyzed in this article the work with a text which describes the construction of the concept “photosynthesis”, read by students from the Biological Sciences course, who were requested to highlight what they deemed more interesting in the text. The reading is taken as a discursive practice and through the answers given by the students it was possible to observe events in relation to the development of science, in what regards to the time needed for its construction, the interaction of different knowledges, the relationship with technology, the simplicity of thought.

Key words: Photosynthesis. Discursive practice. Scientific construction

Remote

Referências

BACHELARD, G. A formação do espírito científico: contribuição para uma psicanálise do conhecimento. Rio de Janeiro: Contraponto, 1996.

CANGUILHEM, G. Études d’histoire et de philosophie des sciences. Paris: J. Vrin, 1994.

CORACINI, M. J. Um fazer persuasivo: o discurso subjetivo da ciência. Campinas: Pontes, 1991.

CORACINI, M. J. As representações do saber científico na constituição da identidade do sujeito professor e do discurso de sala de aula. In: CORACINI, M. J. (Org.) Identidade e discurso. Campinas: Ed. da UNICAMP; Chapecó: Argos, 2003.

FOUCAULT, M. A ordem do discurso. 11. ed. São Paulo: Loyola, 2004.

MACHADO, R. Ciência e saber: a trajetória da arqueologia de Michel Foucault. Rio de Janeiro: Graal, 1981.

ORLANDI, E. A linguagem e seu funcionamento: as formas do discurso. 4. ed. Campinas: Pontes, 2003.

SOUZA, S. C. Leitura e fotossíntese: proposta de ensino numa abordagem cultural. Tese (Doutorado) — Faculdade de Educação, Unicamp, Campinas, 2000.

Proposições utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.