Banner Portal
Currículo e saberes escolares: ambiguidades, dúvidas e conflitos
Remote

Palavras-chave

Escola. Currículo. Disciplinas curriculares. Legitimação pedagógica

Como Citar

SOUZA JÚNIOR, Marcílio. Currículo e saberes escolares: ambiguidades, dúvidas e conflitos. Pro-Posições, Campinas, SP, v. 22, n. 1, p. 183–196, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8643287. Acesso em: 23 maio. 2024.

Resumo

Inserindo-se entre os estudos que investigam a constituição dos saberes escolares, pelo olhar da Sociologia Crítica do Currículo, a presente pesquisa apresenta-se como processo e produto de pesquisa qualitativa realizada na literatura e no campo, em documentos e entrevistas com dois professores de quatro diferentes disciplinas curriculares, os quais pertenciam a escolas da Rede Municipal de Ensino do Recife. Foi nesse processo que observamos a existência de mais ambiguidades, dúvidas e conflitos do que certezas na constituição dos saberes escolares, tanto nas disciplinas entendidas como secundárias, como Educação Física e Arte, como nas disciplinas consideradas de maior prestígio, como Língua Portuguesa e Matemática.

Abstract:

Among the ones that investigate school knowledge build up, under the perspective of the Curriculum Critical Sociology, this study is presented as a qualitative research process and product performed in literature and in the field, through documents and interviews with two teachers of four different curricular subject matters, who belonged to schools from the Municipal Schools System in Recife. In this process we observed the existence of more ambiguities, doubts and conflicts than certainties in school knowledge build up, so much in subjects considered secondary, such as Physical Education and Arts, as in subjects of larger prestige, such as Portuguese and Mathematics.

Key words: School. Curriculum. Curricular subject matters. Pedagogical legitimation

Remote

Referências

BARDIN, L. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 1988.

BRASIL. Ministério da Educação. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional – Lei n.º 9394/96. Brasília, 1996.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais – PCN: ensino médio. Brasília: MEC/SEMT, 1999.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais – PCN: 5ª a 8ª séries. Brasília: MEC/SEF, 2000.

CARVALHO, J. P. de. Observações sobre os currículos de matemática. Presença Pedagógica, Belo Horizonte, v. 2, n. 7, p. 55-63. jan./fev. 1996.

FORQUIN, Jean-Claude. Escola e cultura: as bases sociais e epistemológicas do conhecimento escolar. Porto Alegre: Artes Médicas, 1993.

GOODSON, I. F. Currículo: teoria e história. Rio de Janeiro: Vozes, 1995.

MINAYO, M. C. de S. O Desafio do Conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo – Rio de Janeiro: Hucitec – Abrasco, 1996.

MOREIRA, A. F. B. Currículos e programas no Brasil. Campinas: Papirus, 1995.

MOURA, M. O. de. Saberes pedagógicos e saberes específicos: desafios para o ensino da matemática. In: SILVA, A. M. M. et al. (Org.). Novas subjetividades, currículo, docência e questões pedagógicas na perspectiva da inclusão social. Recife: Endipe, 2006. p. 489-504.

RECIFE (Prefeitura). Secretaria de Educação. Diretoria Geral do Ensino. Proposta Pedagógica da Rede Municipal de Ensino de Recife: construindo competências . Recife: Secretaria de Educação, 2002. Versão preliminar.

RECIFE (Prefeitura). Secretaria de Educação. Diretoria Geral do Ensino. Tempos de aprendizagem, identidade cidadã e organização da educação escolar em ciclos. Recife: Secretaria de Educação/Edufpe, 2003.

SILVA, T. T. da. Documentos de identidade: uma introdução às teorias do currículo. Belo Horizonte: Autêntica, 1999.

SOUZA JÚNIOR, M. O saber e o fazer pedagógicos: a Educação Física como componente curricular... ? ...isso é História! Recife: Edupe, 1999.

SOUZA JÚNIOR, M. A constituição dos saberes escolares na educação básica. 2007. Tese (Doutorado) – Universidade Federal de Pernambuco, Recife: Ufpe, 2007.

Proposições utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.