Banner Portal
A educação infantil como projeto da comunidade: crianças, educadores e pais nos novos serviços para a infância e a família: a experiência de San Miniato
Remote

Como Citar

SILVA, Marta Regina Paulo. A educação infantil como projeto da comunidade: crianças, educadores e pais nos novos serviços para a infância e a família: a experiência de San Miniato. Pro-Posições, Campinas, SP, v. 22, n. 1, p. 221–224, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8643293. Acesso em: 23 maio. 2024.

Resumo

Apresentar um livro, neste caso, A educação infantil como projeto da comunidade: crianças, educadores e pais nos novos serviços para a infância e a família: a experiência de San Miniato, é “dá-lo a ler, dá-lo como um presente, compartilhá- lo” (Larrosa, 2004, p. 7). É isto que nos faz Aldo Fortunati, psicopedagogo, pesquisador da infância, presidente do Centro de Pesquisa e de Documentação sobre a infância La Bottega di Geppetto, da prefeitura de San Miniato, e vicepresidente do Gruppo Nacionale Nindi-infanzia. Ele nos presenteia com esta obra, publicada originalmente sob o título L’Educazione dei bambini come progetto della comunitá, em 2006, ano em que se comemoraram os vinte e cinco anos da rede de creche pública municipal de San Miniato
Remote

Referências

LARROSA, Jorge. Linguagem e educação depois de Babel. Belo Horizonte: Autêntica, 2004.

(Educação: experiência e sentido)

Proposições utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.