Banner Portal
Mapas desejantes: uma agenda para a Cartografia Geográfica
Remote

Palavras-chave

Cartografia Geográfica. Imagem cartográfic. Pensamento sobre o espaço

Como Citar

GIRARD, Gisele. Mapas desejantes: uma agenda para a Cartografia Geográfica. Pro-Posições, Campinas, SP, v. 20, n. 3, p. 147–157, 2016. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8643394. Acesso em: 23 maio. 2024.

Resumo

Este artigo discute como imagens cartográficas disseminadas na vida social produzem mundos e capturam-nos para eles; em outras palavras, desejam-nos. Para isso, foram utilizadas quatro cenas, extraídas de situações da vida cotidiana da própria autora. Em todas as cenas, mapas estiveram presentes. O significado da produção cartográfica nestes contextos específicos, bem como a sua força na criação da imagem de um mundo - na produção de um mundo - foi discutido, assim como o desdobramento dessa reflexão na Geografia, incluindo seu ensino, considerando este um tema importante na agenda da Cartografia Geográfica.

Abstract:

This paper brings a discussion on how cartographic images disseminated in social life produce worlds and captures us for them or, in others words, they desire us. Four scenes from the author's daily-life situations were used. In all of scenes, maps were present. The meaning of the cartographic production in these specific contexts, as well as their strength in the creation of an image of the world - in the production of a world - was studied. The consequences of this reflection in Geography, including geography teaching, were discussed, considering that this is an important issue for geographic cartography.

Key words: Geographic cartography. Cartographic image. Thinking about space

Remote

Referências

ACSELRAD, Henri (Org.). Cartografias sociais e território. Rio de Janeiro: IPPUR/UFRJ, 2008. 167 p.

COSTA, Rogério Haesbaert da. O mito da desterritorialização: do "fim dos territórios" à multiterritorialidade. 2. ed. Rio de Janeiro : Bertrand Brasil, 2006. 400 p.

CRAMPTON, Jeremy. W.; KRYGIER, John. An introduction to critical cartography. ACME: An international e-journal for critical geographies, v. 4, n.1, p.11-33, 2006.

FONSECA, Fernanda Padovesi da. O potencial analógico dos mapas. Boletim Paulista de Geografia, São Paulo, n. 87, p. 85-110, dez./2007.

GIRARDI, Gisele. A cartografia na geografia brasileira a partir dos anos 1970: notas para a compreensão de uma situação ainda a ser superada. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE GEÓGRAFOS, 6., 2004, Goiânia. Anais... Goiânia : AGB, 2004. CD-ROM.

HARLEY, J. Brian. A nova história da cartografia. O Correio da Unesco, São Paulo, v. 19, n. 8, p. 4-9, 1991.

KOLACNY, Antonin. Cartographic information: concepts and terms in modern cartography. Cartographica - the nature of cartographic communication, Toronto, n. 21, p. 39-45, 1977.

MASSEY, Doreen. Pelo Espaço: uma nova política da espacialidade. Rio de Janeiro: Bertrand, 2008. 312 p.

MORAES, Antonio Carlos Robert. Geografia: pequena história crítica. 15. ed. São Paulo : Hucitec, 1997. 130 p.

MOREIRA, Ruy. O círculo e a espiral. Niterói: Ed. AGB Niterói, 2004. 192 p.

OLIVEIRA JÚNIOR, Wencesláo Machado de. Apontamentos sobre a educação visual dos mapas: a (des)natureza da ideia de representação In: COLÓQUIO DE CARTOGRAFIA PARA CRIANÇAS E ESCOLARES, 6., 2009, Juiz de Fora. Anais... Juiz de Fora : UFJF, 2009. CD-ROM.

Proposições utiliza a licença do Creative Commons (CC), preservando assim, a integridade dos artigos em ambiente de acesso aberto.

Downloads

Não há dados estatísticos.