Banner Portal
Uma história de Ou isto ou aquilo, de Cecília Meireles
REMOTO

Palavras-chave

Ou isto ou aquilo
Cecília Meireles
História do livro infantil
História da literatura

Como Citar

FERREIRA , Norma Sandra de Almeida. Uma história de Ou isto ou aquilo, de Cecília Meireles: primeira edição, editora Giroflex, 1964. Pro-Posições, Campinas, SP, v. 34, p. e20220053, 2023. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8675471. Acesso em: 25 maio. 2024.

Resumo

O objetivo do artigo é construir uma história da primeira edição de Ou isto ou aquilo, de Cecília Meireles, lançada pela editora Giroflé, em 1964, e indagar a respeito das condições de produção e circulação dessa edição bastante distinta das demais publicadas ao longo de 55 anos. Em uma pesquisa de natureza histórica, exploramos documentos inéditos, no esforço de construir uma história dessa edição à luz, principalmente, das contribuições oriundas de Roger Chartier. Ou isto ou aquilo (1964) é resultado do trabalho editorial inovador de uma equipe multidisciplinar de profissionais, sob a coordenação de Sidónio Muralha, e com ilustrações de Maria Bonomi. Um projeto coerente com as ideias defendidas por Cecília: oferecer uma educação literária e cultural de alta qualidade para as crianças.

REMOTO

Referências

Abud, T. F. D. (2012). Either this ou aquilo: Traduzindo a poesia infantil de Cecília Meireles para o inglês [Dissertação de mestrado em Estudos da Tradução, Centro de Comunicação e Expressão, Universidade Federal de Santa Catarina]. https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/99368

Bonomi, M. (2014). Entrevista a Leila Gouveia. In A. M. L. Mello (Org.), Homenagem a Cecília Meireles [Vídeo apresentado no Colóquio Internacional de Poesia Moderna, PUC de Porto Alegre, RS]. www.mariabonomi.com.br

Burke, P. (2005). O que é a história cultural? Zahar.

Calvino, I. (1993). Por que ler os clássicos. Companhia das Letras.

Camargo, L. H. de. (1998). Poesia infantil e ilustração: estudo sobre Ou isto ou aquilo de Cecília Meireles. [Dissertação de mestrado em Letras, Instituto de Estudos da Linguagem, Universidade Estadual de Campinas]. https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/proposic/article/view/8643414

Conte, J. (2019, julho 20). Sidónio Muralha, o poeta viajante que aportou em Curitiba. Jornal Plural. Cultura. https://www.plural.jor.br/

Chartier, R. (1990). História cultural - entre práticas e representações. Bertrand.

Damasceno, D. (1987). Poesia do Sensível e do Imaginário In C. Meireles, Obra poética (pp.13-28). Nova Aguilar.

Darnton, R. (1992). História da Leitura. In P. Burke. (Org.), A escrita da história. Novas perspectivas (pp.197-236). UNESP.

Dias, F. C. (2002). Para Fernandinha ler e contar estas histórias da avó, Cecília Meireles, para os seus irmãozinhos. In A. M. L. Mello (Org.), Cecília Meireles e Murilo Mendes (1901-2001) (pp. 347-358). Uniprom.

Dória, R. P. (1995). A xilogravura em Maria Bonomi e Renina Katz. Revista de História da Arte e Arqueologia, 2, 306-309.

Editora Giroflé (s.d.). Folder para divulgação [digitalizado]. Fundação Sidónio Muralha. https://drive.google.com/drive/folders/1-50HvdwqK1louflo1svuqaYwxB9pzjkq?usp=sharing

Editora Giroflé (1962, novembro). Cartilhas 1; 2; 3 – Boletins pedagógicos de divulgação da Editora Giroflé [digitalizados]. Fundação Sidónio Muralha. https://drive.google.com/drive/folders/1-50HvdwqK1louflo1svuqaYwxB9pzjkq?usp=sharing

Ferreira, N. S. A. (2009). Um estudo das edições de Ou isto ou aquilo, Pro-Posições, 20(2), 185-203. https://doi.org/10.1590/S0103-73072009000200012

Ferreira, N. S. A. (2021). Um estudo das (sete) edições de Ou isto ou aquilo, de Cecília Meireles. In E. S. Oliveira (Org.), 120 anos de Cecília Meireles (pp. 198-217). Schreiben. [E-book e impresso]. EISBN 978-65-89963-25-7. ISBN 978-65-89963-26-4.DOI: 10.29327/546141

Ferreira, N. S. A., & Maziero, M. D. S. (2023, julho/setembro) Editora Giroflé: um lampejo de poesia e sonho no mercado de livros para a infância brasileira (1962-1964). Textura Revista de Educação e Letras, 25(63), 240-272. http://www.periodicos.ulbra.br/index.php/txra/article/view/7624/4712

Ferreira, N. S. A., & Santos, M. L. C. (2022). João Köpke (1852-1926): Fez-se mestre-escola, e mestre-escola morreu! In L. A. P. Menezes (Org.), Educadores paulistas: histórias de vida e ações no âmbito educacional (pp.198-217). Autores Associados.

Gazeta de S. Paulo. (1962, dezembro 07). [digitalizado]. Fundação Sidónio Muralha. https://drive.google.com/drive/folders/1-50HvdwqK1louflo1svuqaYwxB9pzjkq?usp=sharing

Gouveia, l. (2014). Cecília e Maria: “Ou isto ou aquilo”. Nota breve sobre o vídeo [Homenagem a Cecília Meireles]

Grillo, H. (1965). Carta de H. Grillo a Sidónio Muralha, em 12.05.1965. [digitalizado]. Fundação Sidónio Muralha. https://drive.google.com/drive/folders/1-50HvdwqK1louflo1svuqaYwxB9pzjkq?usp=sharing

Lemos, F. (2003). Giroflé. In F. Lemos, & R. M. Leite, A Missão Portuguesa. Rotas entrecruzadas (pp. 161-192). Ed. Unesp EDUSC.

Livros infantis (1962, novembro 25). Folha de São Paulo. [digitalizado]. Fundação Sidónio Muralha. https://drive.google.com/drive/folders/1-50HvdwqK1louflo1svuqaYwxB9pzjkq?usp=sharing

Meireles, C. (1951). Problemas da literatura infantil (1.ª ed.). Belo Horizonte: Imprensa Oficial.

Meireles, C. (1964). Ou isto ou aquilo (1.ª ed., Maria Bonomi, Ilustr.). Giroflé.

Meireles, C. (1969). Ou isto ou aquilo (2.ª ed., Rosa Frisoni, Ilustr.). Melhoramentos.

Meireles, C. (1977). Ou isto ou aquilo (3.ª ed., Eleonora Affonso, Ilustr.). Civilização Brasileira.

Meireles, C. (1987). Ou isto ou aquilo (4. ª ed., Fernanda Correia Dias, Ilustr.). Nova Fronteira.

Meireles, C. (1990). Ou isto ou aquilo (5.ª ed., Beatriz Berman, Ilustr.). Nova Fronteira; FNDE/MEC (Biblioteca da escola).

Meireles, C. (2002). Ou isto ou aquilo (6.ª ed., Thais Linhares, Ilustr.). Nova Fronteira.

Meireles, C. (2012). Ou isto ou aquilo. (7.ª ed., Odilon de Moraes, Ilustr.). Global.

Muralha, S. (1963a). Carta de Sidónio Muralha a Fernando Lemos, em 22/03/1963 [digitalizado]. Fundação Sidónio Muralha.

Muralha, S. (1963b). Carta de Sidónio Muralha a Cecília Meireles em 07/11/1963. [digitalizado]. Fundação Sidónio Muralha. https://drive.google.com/drive/folders/1-50HvdwqK1louflo1svuqaYwxB9pzjkq?usp=sharing

Muralha, S. (1965). Carta de Sidónio Muralha a Heitor Grillo em 28/02/1965. [digitalizado]. Fundação Sidónio Muralha. https://drive.google.com/drive/folders/1-50HvdwqK1louflo1svuqaYwxB9pzjkq?usp=sharing

Pires, J. H. (1962, dezembro 27). Mundo dos livros. Jornal Diário da Noite

Releituras de Cecília Meireles. Cronologia Biobibliográfica da Poetisa. (s.d.). http://www2.assis.unesp.br/arquivocecilia/index3.html

Saroldi, L. C. (2001). Escolha o seu sonho. In M. S. Neves, Y. L. Lôbo, & A. C. V. Mignot (Orgs.), Cecília Meireles: A Poética da Educação Loyola.

Sena, Y. M. (2021). Olhinhos de Gato, de Cecília Meireles: história(s) de uma obra. [Tese de doutorado em Educação, Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas].

Creative Commons License

Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution-NonCommercial 4.0 International License.

Copyright (c) 2023 Pro-Posições

Downloads

Não há dados estatísticos.