Concepções de professores universitários sobre inovação pedagógica

Palavras-chave: Ensino superior. Métodos didático-pedagógicos. Prática pedagógica.

Resumo

Este trabalho apresenta resultados de uma pesquisa que objetivou compreender as concepções de docentes sobre práticas pedagógicas inovadoras em uma instituição de ensino superior, tendo como questão norteadora: o que os docentes compreendem por prática pedagógica inovadora no ensino superior? Empregou-se um estudo descritivo, com abordagem qualitativa, realizada com 206 docentes da Universidade Federal de Pernambuco. A análise dos dados baseou-se na técnica do Discurso do Sujeito Coletivo. Observou-se que nesta instituição há um caminho traçado para inovação pedagógica no ensino superior, que precisa ser fortalecido e sempre discutido, por todos os que participam do processo de ensino e aprendizagem, acreditando na continuidade e na permanente inovação.  

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raul Araújo, Universidade Federal de Pernambuco
Enfermeiro da Universidade Federal de Pernambuco. Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente.
Rosalie Belian, Universidade Federal de Pernambuco
Docente da Universidade Federal de Pernambuco.

Referências

ALMEIDA, Márcio José et al. Implantação das Diretrizes Curriculares Nacionais na graduação em medicina no Paraná. Revista Brasileira de Educação Médica, v. 31, n. 2, p. 156-165, 2007.

BEHRENS, Marilda Aparecida. O paradigma emergente e a prática pedagógica. Petrópolis: Vozes, 2005.

CANGUILHEM, Georges. O normal e o patológico. 7. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2011.

CRESWELL, John. W. Investigação qualitativa e projeto de pesquisa. 3. ed. Porto Alegre: Penso, 2014.

CUNHA, Maria Isabel da. Inovações pedagógicas: o desafio da reconfiguração de saberes na docência universitária. Universidade de São Paulo: Pró-Reitoria de Graduação, 2008.

DELORS, Jacques et al. Educação: um tesouro a descobrir. São Paulo: Cortez; Brasília: UNESCO, 1998.

DIAS SOBRINHO, José. Dilemas da educação superior no mundo globalizado: sociedade do conhecimento ou economia do conhecimento? São Paulo: Casa do psicólogo, 2005.

FLECK, Ludwik. Gênese e desenvolvimento de um fato científico. Belo Horizonte: Fabrefactum, 2010.

FOUCAULT, Michel. O nascimento da clínica. 6. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2006.

FOUCAULT, Michel. Microfísica do poder. 28. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2014.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 49. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2014.

FREINET, Célestin. Pedagogia do bom senso. 7. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

GADOTTI, Moacir. Concepção dialética da educação: um estudo introdutório. 9. ed. São Paulo: Cortez, 1995.

KENSKI, Vani. Moreira. Educação e tecnologia: o novo ritmo da informação. Campinas: Papirus, 2012.

LEFÈVRE, Fernando; LEFÈVRE, Ana Maria Cavalcanti. O discurso do sujeito coletivo: um novo enfoque em pesquisa qualitativa (desdobramentos). 2. ed. Caxias do Sul: Educs, 2005.

LEITE, Carlinda; ZABALZA, Miguel. Ensino superior: inovação e qualidade na docência. Porto: Centro de Investigação e Intervenção Educativas, 2012.

LÉVY, Pierre. As tecnologias da inteligência: o futuro do pensamento na era da informática. 2. ed. São Paulo: Editora 34, 2010.

MASETTO, Marcos Tarciso. Docência na universidade. 11. ed. Campinas: Papirus, 2012.

MORAES, Maria Cândida. O paradigma educacional emergente. 16. ed. Campinas: Papirus, 2012.

MORAN, José Manuel; MASETTO, Marcos T.; BEHRENS, Marilda Aparecida. Novas tecnologias e mediação pedagógica. 21. ed. Campinas: Papirus, 2013.

MORIN, Edgar. A cabeça bem-feita: repensar a reforma, reformar o pensamento. 20. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2012.

MORIN, Edgar. A religação dos saberes: o desafio do século XXI. 11. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2013.

SALES, Shirlei Rezende; LEAL, Rafaela Esteves Godinho. Práticas pedagógicas inovadoras na formação docente: ciborguização do currículo do curso de pedagogia. Revista Internacional de Ensino Superior, v. 4, n. 1, p. 6-24, jan./abr. 2018.

SANTOS, Boaventura de Sousa. Um discurso sobre as ciências. 16. ed. Porto: Edições Afrontamento, 2010.

SANTOS, Boaventura de Sousa. A crítica da razão indolente: contra o desperdício da experiência. 8. ed. São Paulo: Cortez, v.1, 2011.

Publicado
2018-04-04
Como Citar
Araújo, R., & Belian, R. (2018). Concepções de professores universitários sobre inovação pedagógica. Revista Internacional De Educação Superior, 4(2), 387-400. https://doi.org/10.20396/riesup.v4i2.8651698